‘Relógio do Juízo Final’ é adiantado: fim do mundo está mais próximo

Cientistas adiantaram o ‘Relógio do Juízo Final’ – uma metáfora que mostra o quanto os humanos estão mais perto de destruir o mundo. Agora, faltam dois minutos apenas para a “meia-noite”.

Segundo o presidente do Boletim de Cientistas Atômicos, Rachel Bronson, a decisão está relacionada à crescente preocupação com a corrida armamentista e com a questão nuclear de países como a Coreia do Norte, Índia, Paquistão e China. Além disso, as ameaças em resposta por parte do governo norte-americano também são motivo de alerta.

Criado em 1947, o Relógio do Juízo Final é focado em questões nucleares. No entanto, problemas como o aquecimento global e tecnologias emergentes passaram a ser consideradas a partir de 2007.

 

Fonte: Notícias ao Minuto

Compartilhe:

Após condenação de Lula, fãs pedem Anitta como presidenta do Brasil em 2018

Após a condenação do ex-presidente do Brasil Luis Inácio Lula da Silva pelo triplex em Guarujá nessa quarta-feira, 24, os internautas resolveram decidir o impasse no tabuleiro eleitoral de 2018.

A hashtag Anitta presidente 2018 foi a primeira reação dos fãs da cantora no Twitter. Centenas de usuários usaram a rede social para declarar voto na artista que tem dominado o Brasil e o mundo.

Compartilhe:

Homo sapiens deixaram a África muito antes do que se pensava

Fóssil encontrado em caverna de Israel tem entre 177 mil e 194 mil anos e indica que migração humana para fora do continente africano ocorreu ao menos 50 mil anos antes do estimado.Um fóssil encontrado numa caverna de Israel indica que os Homo sapiens deixaram a África cerca de 50 mil anos antes do que se pensava, revelou um estudo publicado nesta quinta-feira (25/01) pela revista especializada Science. Fragmentos faciais, incluindo a parte mandíbula e vários dentes, foram encontrados no sítio arqueológico Caverna Misliya, localizada no Monte Carmel. Os ossos têm entre 177 mil e 194 mil anos. Até agora, os fósseis mais antigos de Homo sapiens encontrados fora da África tinham entre 90 mil e 120 mil anos e também foram descobertos em Israel. “Misliya é uma descoberta emocionante. Ela fornece a clara evidência que nossos ancestrais migraram da África muito tempo antes do que acreditávamos”, afirmou o coautor do estudo Rolf Quam, paleoantropologista da Universidade de Binghamton. Segundo o estudo, o fóssil chamado de Misliya-1 possui dentes semelhantes aos dos humanos modernos, além de mostrar padrões e características da espécie humana. Outras evidências encontradas na caverna revelaram que seus habitantes caçavam animais grandes e usavam o fogo. Ferramentas de pedra e lâminas sofisticadas para a época também foram descobertas no local. Após a localização de fósseis no Marrocos recentemente, pesquisadores anunciaram que os Homo sapiens apareceram na África há cerca de 300 mil anos. A descoberta representou um marco nas pesquisas sobre as rotas migratórias dos humanos. Com o achado em Israel, uma…

Mais de 9 milhões de celulares foram bloqueados em dezembro no Brasil

Em dezembro do ano passado, foram bloqueados mais de 9,2 milhões de aparelhos celulares, um aumento de 20,97% em relação ao mesmo período de 2016. Os número constam do Cadastro Nacional de Estações Móveis Impedidas (Cemi) e foram divulgados hoje (25) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

O cadastro mantém o registro de aparelhos perdidos, furtados ou roubados que estão bloqueados. No total, foram bloqueados, 9.259.697, um aumento de 1.604.875 em relação a dezembro de 2016.

O número abrange os aparelhos impedidos por solicitação direta dos usuários às empresas de telefonia móvel e pelo registro de boletins de ocorrência na polícia nos estados e no Distrito Federal.

De acordo com a Anatel, até dezembro do ano passado, as polícias estaduais e do Distrito Federal bloquearam 180.508 celulares no Cemi. Os estados com maior número de celulares bloqueados pela policia foram São Paulo, com 116.967 aparelhos; Rio de Janeiro, com 27.785 bloqueios; e Espírito Santo, com 10.179 celulares.

Desde quando o sistema de bloqueio começou a funcionar, em março de 2016, 23 secretarias de Segurança estaduais e a do Distrito Federal assinaram o convênio com a Anatel para inscrição no Cemi. Ainda não firmaram o termo de adesão ao cadastro as secretarias do Acre, de Alagoas, do Amapá, do Maranhão e do Pará.

(Agência Brasil)

Compartilhe:

VIAGEM À ETIÓPIA Justiça manda apreender passaporte e Lula cancela viagem ao exterior

A medida foi solicitada pelo Ministério Público Federal (MPF) em virtude de uma viagem que o ex-presidente faria nesta sexta, 26, à Etiópia   O juiz federal Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal em Brasília, determinou nesta quinta-feira, 25, a apreensão do passaporte do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o que o impede de deixar o país. A medida foi solicitada pelo Ministério Público Federal (MPF) em virtude de uma viagem que o ex-presidente faria nesta sexta, 26, à Etiópia para participar de um evento da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO). A assessoria de imprensa do ex-presidente confirmou que Lula já cancelou a viagem ao exterior. A íntegra da decisão ainda não foi divulgada. ? Nessa quarta, 24, o Tribunal Regional Federal 4 ª Região (TRF4) confirmou a condenação de Lula na ação penal envolvendo o tríplex no Guarujá (SP) e aumentou a pena do ex-presidente para 12 anos e um mês de prisão. Embora o cumprimento da pena não seja imediato, em função do cabimento de mais um recurso, o MPF entendeu que a viagem do ex-presidente poderia trazer riscos para investigação, como a fuga do país. Antes da decisão de Ricardo Leite, a viagem de Lula foi comunicada à Justiça Federal. A medida cautelar foi autorizada no âmbito do processo em que Lula é acusado na Justiça do Distrito Federal do crime de tráfico de influência na compra, pelo governo federal, de caças da Força Aérea Brasileira (FAB) da empresa sueca Saab. A reportagem da Agência Brasil aguarda…

HRBA é o primeiro hospital público a conseguir recertificação de excelência na Região Norte

Em 2015, o Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém (PA), conquistou algo inédito para a saúde pública da Região Norte: o mais importante certificado de excelência do País, o ONA III – Acreditado com Excelência, emitido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). Agora, em 2018, a unidade de saúde consegue a recertificação, após rigorosa auditoria atestar a qualidade e segurança dos serviços oferecidos e a eficiência da gestão. A avaliação para a conquista dos certificados possui critérios rigorosos sobre todo o funcionamento da unidade hospitalar e é feita por instituições acreditadoras credenciadas pela ONA, tendo como referência as normas do Sistema Brasileiro de Acreditação e o Manual Brasileiro de Acreditação. “A recertificação do HRBA é um marco histórico para a nossa instituição e para toda a região Oeste do Pará, que conta com mais de 1,1 milhão de habitantes. A recertificação representa o compromisso da Pró-Saúde em sempre prestar serviço com qualidade e segurança à população”, afirma o diretor-geral do hospital, Hebert Moreschi. A certificação pode ocorrer em três níveis: Acreditado – atende aos critérios de segurança do paciente em todas as áreas de atividade, incluindo aspectos estruturais e assistenciais; Acreditado Pleno – além de atender aos critérios de segurança, apresenta gestão integrada, com processos ocorrendo de maneira fluida e plena comunicação entre as atividades; e Acreditado com Excelência – é a excelência em gestão. Além dos níveis 1 e 2, já deve demonstrar cultura organizacional de melhoria contínua. A assessora do Núcleo de Qualidade e Segurança do Paciente (NQSP), Veruska Ramalheiro, destaca…