Tecnologia assistiva abre um mundo de possibilidades para os deficientes

Talita Santos – Estagiária de Jornalismo A tecnologia assistiva consiste em recursos que promovem a independência da pessoa deficiente. Não é apenas ligada ao eletrônico ou digital, também está em meios analógicos como os óculos escuros e a bengala que é usada pela pessoa com cegueira, por exemplo. Os aplicativos de leitura em celular e relógios também são alguns dos artifícios que garantem maior mobilidade para a pessoa com deficiência. “O leitor de tela do celular sintetiza aquilo que eu tocar. Por exemplo, eu toco onde tem os ícones, vou passando o dedo e o leitor vai lendo para mim. Então se eu quero o WhatsApp, ele lê onde está e eu clico duas vezes para abrir. Graças aos aplicativos dele [do smartphone], tenho a possibilidade de executar algumas opções que sem a tecnologia assistiva não teria como”, diz o aluno do último ano de Pedagogia Daniel Massaneiro. A inclusão da pessoa deficiente no contexto acadêmico e social foi debatida durante o seminário Tecnologia Assistiva e Educação, realizado no mês passado na Uninter do polo CIC, em Curitiba. A coordenadora do polo e palestrante Karina Rodrigues explicou para os acadêmicos que participaram do evento sobre os recursos que podem ser utilizados para integrar as pessoas com deficiência. Daniel Massaneiro também participou do evento. Ele tem deficiência visual e apresentou aos demais algumas das tecnologias que utiliza a seu favor no dia-a-dia. Além disso, o aluno explicou de que maneira a tecnologia assistiva auxiliou no seu processo de aprendizagem. “A tecnologia assistiva possibilita mais autonomia e ajuda muito na educação. De algum jeito ele…

PF faz operação contra roubo de madeira de terra indígena do Pará

Polícia Federal no Pará deflagrou na manhã desta quarta-feira (4) a Operação Anhangá Arara, de combate à extração ilegal de madeira nobre na Terra Indígena (TI) Cachoeira Seca. De acordo com a PF, um grupo empresarial composto por familiares fazia a extração em áreas protegidas e exportava para outros continentes. O dano ambiental estimado é de cerca de R$ 900 milhões. Foram expedidos pela Justiça Federal de Altamira, no sudoeste do Pará, 10 mandados de condução coercitiva, quando a pessoa é levada para depor, 11 mandados de sequestro de bens e valores e 6 mandados de busca e apreensão em empresas e casas dos investigados, além da suspensão das atividades das empresas envolvidas no esquema. Cerca de 40 policiais federais participam da operação nas cidades de Uruará, Placas, Rurópolis, Santarém, Castelo dos Sonhos e Altamira, no Pará; em Porto União (SC), Curitiba (PR) e União da Vitória (PR). Investigações De acordo com a PF, a investigação começou após relatório da Operação Cachoeira Seca, realizada pelo Ibama, que apontou que a TI Cachoeira Seca estava sendo alvo de exploração ilegal de madeira. Durante as averiguações foi identificado um grupo empresarial composto por familiares, cujo o patriarca era o responsável pela coordenação da extração ilegal de madeira em áreas protegidas e por escoar a madeira para as empresas do grupo familiar. Para burlar a fiscalização e dar teor legal à madeira, o grupo fraudava créditos florestais por meio de inserção de dados falsos no Sisflora, além de utilizar Planos de Manejo Florestal de fachada. Depois a madeira…

FEMINICÍDIOS: ADVOGADA CRITICA LETARGIA DO GOVERNO DO ESTADO EM PROTEGER AS MULHERES

A conselheira representando a OAB Subseção em Marabá no Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), Claudia Chini, também vai participar da manifestação contra a recente onda de violência que tem resultado em diversos feminicídios na cidade. O ato acontece nesta quinta-feira (5) com concentração em frente à antiga Câmara Municipal na Praça Duque de Caxias na Velha Marabá. O que causa mais preocupação para a advogada é que os dados estatísticos que começam a ser levantados atualmente pela Deam – Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher, não condizem com a realidade do município. “Esses dados não refletem a nossa realidade, uma vez que nós temos as mulheres da zona rural, que não tem policiamento que não tem estrutura para dar suporte”, explica. Ela reclama também que desde o ano de 2013, o Condim já havia solicitado ao Presidente da Alepa, Márcio Miranda, que se encontrava em Marabá por conta da Alepa Itinerante, um pedido de mudança da Delegacia da Mulher por conta da localização e da falta de estrutura. “É um local de difícil acesso para a população, não tem plantão, não funciona à noite, nem feriado e nem final de semana”, explica Claudia Chini. “Nós temos o desprazer de sabermos que o Governo do Estado através da Secretaria de Segurança Pública tem negligenciado seu papel junto a segurança da população de Marabá ao ponto de a delegada (Deam) estava há 40 dias sem escrivã para dar suporte, sem estrutura alguma”, disse. Complementando ainda que a própria delegada foi escrivã, acompanhou perícia, foi Assistente…

Cerca de 160 mil famílias estão endividadas no Pará

Cerca de 160 mil famílias estão endividadas no Pará. É o que mostra a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor Paraense (Peic) realizada pela Fecomércio-PA em parceria com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), referente a setembro deste ano. O estudo foi realizado por amostragem em Belém. O resultado foi apresentado no último dia 26, no Sindicato dos Lojistas do Comércio de Belém (Sindilojas), durante a XVIII Reunião do Grupo Interinstitucional de Estudos e Análise Conjuntural (Geac), promovida pela Fundação de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fapespa) em parceria com a Fecomércio-PA, Sindilojas, entre outras entidades. A apresentação do Boletim do Comércio Varejista e Serviços foi feita pela assessora econômica da Fecomércio-PA, Lúcia Cristina Lisboa. De acordo com o levantamento, houve uma redução no número de famílias endividadas em comparação com o mesmo período de 2016, quando 195 mil famílias estavam endividadas no Pará. Contudo, Lúcia ressalta que, embora o endividamento tenha reduzido, a inadimplência das famílias paraenses permanece alta. Isso quer dizer que, das cerca de 160 mil famílias endividadas – que realizaram compras parceladas -, 140 mil estão inadimplentes, ou seja, estão com contas em atraso. Desse total, 134 mil informaram na pesquisa não ter condições de quitar as contas em atraso. “Houve redução da taxa de endividamento. Significa dizer que os consumidores estão comprando menos em função do nível do emprego, também por cautela devido à crise econômica. Apesar dessa redução, a inadimplência permanece alta”, detalha a economista. SETORES Segundo a especialista, os setores mais afetados pela…

Senado aprova fim das coligações para eleições de 2018

O plenário do Senado aprovou nesta terça-feira (3) a votação de um projeto que acaba com as coligações para a eleição do Legislativo e cria regras para barrar legendas com baixo desempenho nas urnas. O texto foi aceito por unanimidade dos senadores presentes, com 58 votos, e segue agora para promulgação. Depois de vários meses de impasse sobre o tema, o projeto foi aprovado em dois turnos de forma expressa, em menos de 30 minutos. Pelo texto, a cláusula de barreira passa a ser aplicada já a partir das eleições do ano que vem. Já o fim das coligações é previsto apenas para 2020. A autoria inicial da PEC (proposta de emenda à Constituição) é dos senadores tucanos Ricardo Ferraço (ES) e Aécio Neves (MG). Na Câmara, a relatora foi a deputada Shéridan (PSDB-RR). O texto havia sido aprovado em novembro de 2016 pelo Senado, mas a apreciação só foi concluída na semana passada pela Câmara, no limite do prazo para ter validade em 2018. Como sofreu alterações pelos deputados, a PEC teve de passar por novo crivo dos senadores. COLIGAÇÕES Pelas regras em vigor atualmente, partidos podem se coligar livremente, mesmo que tenham ideologias as mais díspares possíveis. Essas uniões eleitoreiras têm o objetivo de reunir o maior número de votos para a chapa, já que as cadeiras do Legislativo são distribuídas de acordo com o número de votos obtidos por candidatos eleitos e não eleitos do partido ou da coligação. A proposta acaba com isso a partir da eleição de 2020. A outra…

Herdeiros podem sacar PIS/Pasep de cotistas falecidos

A primeira etapa de pagamento das cotas do PIS/Pasep começa no dia 17 deste mês para beneficiários com mais de 70 anos. A liberação das cotas do PIS/Pasep deve injetar 15,9 bilhões de reais na economia, beneficiando cerca de 8 milhões de pessoas. A partir de 17 de novembro, o pagamento será efetuado para aposentados, independentemente da idade. No dia 14 de dezembro, começa o pagamento dos maiores de 65 anos (homens) e 62 anos (mulheres). Herdeiros de beneficiários já falecidos têm direito ao saque da cota do PIS/Pasep. Nessa situação, o saque pode ser efetuado a qualquer momento pelo herdeiro. O fundo PIS/Pasep foi criado na década de 1970. Na época, as empresas depositavam mensalmente um valor proporcional ao salário dos trabalhadores em contas vinculadas, como ocorre hoje com o FGTS. As empresas deixaram de fazer esse depósito em conta vinculada a partir da Constituição de 1988, passando a recolher para a União, que destina o recurso ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), responsável pelo pagamento de benefícios como Seguro-Desemprego e Abono Salarial. Os valores que foram depositados nas contas vinculados de antigamente continuam existindo e podem ser sacados nas situações previstas, como idade, aposentadoria ou doenças graves. Como consultar Para o PIS, programa para trabalhadores da inciativa privada, o site de consulta é owww.caixa.gov.br/cotaspis. O beneficiário deverá informar seu CPF, ou o número do PIS (também chamado de NIS ou NIT). O número do PIS pode ser encontrado no cartão do benefício, em anotações na Carteira de Trabalho e no Cartão Cidadão.…

Hospitais públicos atendem mais de 8.600 idosos no Pará

Três hospitais públicos do Pará, geridos pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), registraram mais de 8.600 atendimentos a pessoas idosas entre 2015 e agosto de 2017. O Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, recebeu 2.886 desses pacientes, o equivalente a 33%. Lá, os idosos representam a maioria dos atendimentos de acidente vascular cerebral (AVC) e cirurgia eletiva nas especialidades de Cirurgia Geral (pedra na vesícula), Urologia (problemas de próstata), Oftalmologia (catarata) e Ortopedia (fratura de fêmur por queda). Os acidentes de trânsito e doméstico também estão entre os principais motivos de atendimento a esse público na unidade, a exemplo de seu Francisco Mendes do Nascimento, de 91 anos, que foi admitido na unidade por conta de uma queda sofrida em casa há mais de meses. ‘O atendimento do hospital é bom. Fui acompanhado direitinho e a comida é boa. Ainda sinto dores, mas é natural da recuperação’, disse o morador do município de Jacundá. No Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua (PA), os números saltam para mais de 4.300 atendimentos a idosos, durante o mesmo período, com acidentes de trânsito e quedas liderando a lista dos principais motivos. O clínico médico do HRSP, Marcelo Medeiros, orienta que o uso de barras de apoio no banheiro é fundamental para prevenir quedas dentro de casa, bem como, atentar para pisos molhados e adequar degraus de escadas. Ele também comenta que é importante ingerir…

PREVENÇÃO: PREFEITURA COMEÇA LIMPEZA E DESOCUPAÇÃO DE GROTAS PARA EVITAR ALAGAMENTOS NO INVERNO

A Prefeitura de Marabá, por intermédio da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) deu início à limpeza de grotas e bueiros pela cidade, objetivando a desobstrução da passagem de águas pluviais nos próximos meses e com isso evitar possíveis alagamentos, muito comuns nas grotas Criminosa e do Aeroporto. Na folha 29, por onde passa a Grota Criminosa o serviço é um pouco mais complicado.  Lá a prefeitura está tendo de fazer o deslocamento de 7 famílias que vivem em barracos construídos em cima da grota, para só assim iniciar a limpeza. Até a tarde desta segunda-feira, dois barracos já haviam sido derrubados e as famílias remanejadas. Todas elas estão recebendo assistência  da prefeitura por meio do aluguel social, até a finalização das casas populares em São Félix.   Michele Andrade, morava há 7 anos no local e entendeu que a mudança seria a melhor saída. Ela conhece os riscos da grota durante o período do inverno. “Não dar para viver numa área de risco o tempo todo. É muito ruim viver aqui por causa da enchente, da última vez mesmo, a água entrou pela janela. A gente vive porque não tem para onde ir. Ainda tem as doenças, bactérias, criança já morreu por causa da grota. Como a gente tem para onde ir agora, está todo mundo tranquilo”, ressaltou a dona de casa. Mauricio também estava de mudança com a mulher e os dois filhos. Apesar do apego pelo local de moradia, ele gostou das alternativas oferecidas pela prefeitura e não pensou duas vezes antes…

GESTÃO: PREFEITURA PAGA NESTA QUARTA MAIS UM LOTE DO PARCELAMENTO DE SALÁRIOS DE 2016

Como parte do cronograma de pagamentos referentes aos servidores concursados , o prefeito Tião Miranda autorizou na manhã de hoje a liberação de crédito do quarto lote referente ao salários de dezembro de 2016.

O valor total desta parcela chega a R$ 1.138.887,95 e abrange todos os 1063 servidores que têm a receber os valores entre R$ 1.000,00 e R$ 1.500,00 reais líquidos ( segue cronograma no link abaixo). A classe de servidores da Educação seguem recebendo a parcela exclusiva negociada com a categoria que dividiu em 12 vezes os valores em atraso.

Com este pagamento, a prefeitura já soma mais de R$ 13 milhões o valor de débitos pagos de salários.

TABELA DE PAGAMENTOS SERVIDORES CONCURSADOS

Compartilhe:

UNIP MUDA DE ENDEREÇO E ABRE NOVOS CURSOS EM 2018

A partir do próximo ano, a Universidade Paulista atenderá seus alunos em uma nova estrutura, com localização privilegiada na Nova Marabá, Folha 32 (antigo prédio da Leolar ).
Érika Bastos, Coordenadora Regional da UNIP, falou ao Zeca News sobre os novos cursos que estarão disponíveis já em 2018. De acordo com a Coordenadora, os cursos de Enfermagem, Educação Física e Pedagogia, terão valores acessíveis e sem ajustes crescentes, ou seja, o aluno paga o mesmo valor na parcela do início ao final do curso.
Sobre a nova estrutura, a UNIP vai inaugurar um espaço exclusivo para a universidade, com laboratórios de informática e de anatomia, além de garantir a acessibilidade para pessoas com deficiência em um prédio completamente novo. Outra mudança positiva é que a UNIP disponibilizará turmas nos três turnos, abrindo oportunidades de formação para as pessoas que trabalham à noite.

Compartilhe: