Nota do INCRA sobre a pauta: “PFDC pede explicações ao Incra sobre situação da propriedade rural Fazendinha”

A respeito da pauta “PFDC pede explicações ao Incra sobre situação da propriedade rural Fazendinha, alvo de conflito por terras no Pará”, esclarecemos: Em relação ao conflito social envolvendo o imóvel rural denominado “Fazenda Fazendinha”, em Curionópolis (PA), o Incra informa que a área é objeto de ação ajuizada pela autarquia, para retomada de terra pública visando a destinação ao Programa Nacional de Reforma Agrária. O Incra esclarece que a decisão judicial não foi cumprida em virtude da resistência de fazendeiros que ocupam ilegalmente o imóvel e da necessidade de apoio policial – apontada pela própria Justiça Federal –, uma vez que a Polícia Federal não dispunha de contingente suficiente para a operação. Conforme registrado nas audiências realizadas na 1ª Vara da Justiça Federal de Marabá, a tramitação da proposta de acordo apresentada pelos ocupantes da área ao Incra não constituiu impedimento ao cumprimento da decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, que determinou a reintegração de posse da área. A autarquia destaca que jamais concordou com a suspensão de quaisquer medidas em virtude da tramitação da proposta de acordo, tendo reiteradamente requerido o cumprimento da decisão judicial. É importante destacar que o superintendente regional do Incra no Sul do Pará, Asdrúbal Bentes, manifestou-se em juízo esclarecendo razões de ordem técnica que impedem o prosseguimento da tramitação da proposta de acordo apresentada. Em resposta à Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, a Presidência do Incra informa que as instâncias locais da autarquia não têm competência para decidir sobre eventual acordo em ação judicial que envolva…

Mais de mil homens dos órgãos de Segurança Pública vão garantir a tranquilidade da população no Veraneio 2017

Mais de mil homens dos órgãos de Segurança Pública, municipais, estaduais e federais trabalharão neste veraneio para manter a tranquilidade e a integridade física de turistas e da comunidade nos municípios de Marabá, Itupiranga, São Geraldo do Araguaia, São João do Araguaia, Palestina do Pará, Piçarra, Rondon do Pará e Brejo Grande do Araguaia. A ação integrada terá como foco principal as praias, balneários e eventos de grande concentração de pessoas. Foi que os comandantes e superintendentes anunciaram nesta quinta-feira, 29, em coletiva no CPR II. A PM terá na operação 704 policiais divididos no policiamento ordinário, reforço e policiamento extraordinário. A Civil terá 120 integrantes e os Bombeiros, 60. A esses, juntam-se homens do DMTU, Guarda Municipal, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Rodoviária Estadual. As operações incluem barreira integrada, incursões, saturação, fiscalização em bares e similares, Ação Anjo da Guarda, trânsito sem álcool, cumprimento de mandados judiciais e combate ao tráfico de entorpecentes. O tenente-coronel Mauro Sérgio falou da integração entre os órgãos disse que isso dará mais segurança ao cidadão. “Quem ganha é a sociedade”, complementou o superintendente regional de Polícia Civil, delegado Marcelo Dias. O inspetor Franklin dos Santos, da PRF, disse que em 2015, treze pessoas morreram nas rodovias federais nesse período, em 2016 esse número caiu para seis e agora desejo de todos que o veraneio seja sem mortes nas rodovias. O major Átila Portilho, comandante dos Bombeiros, disse os guarda-vidas estarão atentos, mas afirmou que a responsabilidade com as crianças é principalmente dos pais. Estiveram presentes ainda na conversa…

Isabela Reis empossada presidente do Rotary Club de Marabá

Na ultima terça-feira, dia 27, aconteceu a posse da nova Presidente do Rotary Club de Marabá, Isabela Mendes Lobato Reis, para a gestão 2017/2018, cujo lema e meta serão “O Rotary Faz a Diferença”. Para Isabela, cada pessoa beneficiada pelos  programas do clube de serviços entende muito bem que a organização existe para fazer a diferença no mundo.

O Rotary também faz a diferença na vida dos rotarianos. “Somos pessoas melhores porque seguimos princípios que se baseiam na Missão e nos Objetivos do Rotary. Não podemos parar”, disse a nova presidente.

Isabela Reis afirma ainda que, além dos trabalhos citados, tem novos projetos a serem lançados e desenvolvidos, contando com o apoio de toda a comunidade Marabaense. “Juntos, somos mais fortes e juntos também podemos conseguir resultados incríveis em ações locais. Contem com o Rotary e nos ajude a divulgar o nosso trabalho, sempre”, destaca.

“Agradeço em especial a aquela que exerceu a função de presidente do clube até esta data, Mara Ponchio Gomes, que executou seu mandato com maestria e exerceu o seu poder de liderança em prol dos mais necessitados através das mais diversas ações. Recebo este cargo com muito orgulho, tendo a certeza que temos um legado a continuar no município de Marabá”, discursou Isabela.

 

Compartilhe:

Falsa notícia de acidente aéreo na Vila Sororó “mata” prefeito deMarabá

A notícia da queda de um avião no final da manhã desta quinta-feira, 29, na Vila Sororó, a 35 km de Marabá, causou tremendo alvoroço nos meios de Comunicação de Marabá e regiões sul e sudeste do Estado. Postada em grupos de WhatsApp, se espalhou na velocidade da luz. Produtores de jornal, rádio, televisão e Internet se mobilizaram e ficaram horas grudados aos celulares, mas a notícia não se confirmou, embora alguém tivesse até postado foto dos destroços do avião e do local da queda.A notícia dizia ainda que até o prefeito de uma cidade da região havia morrido no acidente. Tudo fake!

Horas depois, a Infraero, em Carajás, desmentiu a queda de qualquer aeronave na região. Explicou que houve uma explosão de rochas, com dinamite,  por volta das 11 horas em pedreira próxima a Eldorado dos Carajás e isso motivou a especulação. Um helicóptero da Aeronáutica chegou a sobrevoar a área, mas nada foi encontrado.

De Belém, emissoras de TV ligaram para a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Marabá solicitando a confirmação de informações de que o prefeito Tião Miranda seria uma das vítimas do suposto acidente.

 

Compartilhe:

Torcida Garra Azul promove primeira corrida noturna de rua em Marabá

Acontece no próximo dia 16 de setembro, às 19h, a 1ª Corrida Noturna da Torcida Garra Azul Fiel. Os organizadores, Benedito Barbosa, o Bené, José Faustino Neto e Félix Guerreiro, ouvidos pelo Zeca News, disseram que as inscrições já estarão abertas na página da Garra Azul na rede social Facebook a partir da próxima terça-feira (4 de julho). As categorias serão de 15 a 25 anos de idade, 25 a 35, 35 a 45 e 55 a 100, de ambos os sexos. Todos os inscritos receberão medalhas, os três primeiras levarão troféus e os vencedores gerais ganharão também prêmios em dinheiro.

A largada e a chegada serão na Avenida VP-8, na Nova Marabá, seguindo pela rotatória da Folha 29, VP-8 e retorno na rotatória da Vila Militar, perfazendo 7 quilômetros.

O objetivo da competição, além de estimular a prática do esporte, é manter o nome do Águia de Marabá Futebol Clube sempre em evidência, segundo os organizadores da corrida, considerada inédita em Marabá por acontecer à noite.

Compartilhe:

DINDIN NO BOLSO: prefeitura paga julho, metade do décimo terceiro e injeta mais de R$ 35 milhões no comércio

Será creditado nas contas de todos os servidores amanhã, dia 30, o salário do mês de junho no valor bruto de R$ 29.273.466,00. Todas as secretarias recebem ao mesmo tempo. Além disso, a secretaria de educação do município paga também um terço das férias dos professores.

Ainda até o dia 7 de julho (sexta-feira) será creditado nas contas de todos os servidores o adiantamento de 50% do 13º salário, em torno de R$ 6 milhões, sendo a próxima parcela acontece em dezembro, além do vale alimentação dos servidores efetivos e agentes de conservação no valor R$ 1.600.000,00

Com ações como estas, a prefeitura resgata a credibilidade junto aos seus servidores, que têm agora mais estabilidade nos seus vencimentos além de injetar na economia da cidade cerca de R$ 38 milhões, movimentando assim, o comércio e serviços locais.

Compartilhe:

Justiça toma depoimentos do mandante e assassinos da mulher esquartejada às vésperas do Natal

Será agora no dia 14 de julho, na 3ª Vara Criminal do Fórum de Marabá, a tomada de depoimentos do mandante e matadores de Andreia do Nascimento Brígido, 30 anos, assassinada em dezembro de 2016 por encomenda do marido, Janair França, por motivo de ciúmes. Serão ouvidas 27 testemunhas, 13 de defesa e 14 de acusação, o grande número de pessoas motivou que as oitivas sejam feitas no salão do júri.

Janair pagou R$ 5 mil pela morte da mulher, que, depois de assassinada, teve o corpo esquartejado, com os pedaços sendo colocados em vários sacos de plástico e espalhados em diversos locais da Nova Marabá.

No decorrer das investigações foi preso João Batista Ferreira do Nascimento, que tentava vender a motocicleta da vítima por R$ 5 mil. Na casa em que ele morava, na Folha 11, foram encontrados os documentos da moto, muito sangue e sacos plásticos.

Sem saída, restou a João Batista confessar o crime, mas disse que foi obrigado por dois desconhecidos a esquartejar o corpo da mulher. Uma terceira pessoa foi persa, mas seu nome foi mantido em sigilo pelas autoridades.

Após indicação de João Batista, partes do corpo de Andréia foram encontradas na Rodovia BR-230 (Transamazônica) e outras na Folha 17. Janair, o marido, foi preso no dia de Natal.

Compartilhe:

PROJETO CORUJÃO DA SAÚDE DIMINUI A FILA DE ESPERA POR ATENDIMENTO

A Primeira noite do Projeto Corujão no Centro de Saúde Enfermeira Zezinha, na Fl. 23, foi movimentada. Dezenas de pessoas procuraram o atendimento diferenciado. Seu Francisco Cândido da Silva, 48 anos, procurou a unidade de saúde porque está com coceiras pelo corpo e não tempo de buscar atendimento durante o dia. “Quem inventou isso aí, o prefeito, o secretário de saúde está de parabéns, é muito bom esse projeto pra quem trabalha o dia inteiro”, elogiou o mototaxista. Já o pedreiro Adnael da Silva e Silva, 26 anos, há 10 dias teve a mão furada por um espinho e desde então, convive com o inchaço. Faltava tempo para procurar um médico, por isso, não pensou duas vezes em participar do Corujão da Saúde. “Eu achei legal o atendimento à noite. Pra quem trabalha ao dia vem se consultar a noite. Gostei, acho que deve continuar” disse o jovem. Seu João Batista de Andrade Pereira também trabalha o dia inteiro e estava difícil cuidar da saúde, então, resolveu procurar a unidade para fazer um check-up. O funileiro de 49 anos, disse que o Projeto Corujão é uma ótima iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde. “ Espero que o projeto continue por muito tempo é muito bom”, ressaltou João Batista. Quem também gostou da novidade foi a embaladora Joseane Ramos, 25 anos. Ela conta que há muito tempo precisava de uma consulta de rotina só para conferir se estava tudo bem, mas por causa do trabalho, a saúde acabou ficando em segundo plano. Por isso, aprova o…