Familiares identificam corpos de detentos mortos em tentativa de fuga de presídio no Pará

Familiares dos detentos que foram mortos na terça-feira (10) durante uma ação frustrada de fuga do Complexo Penitenciário de Santa Izabel do Pará, no nordeste do estado, foram até o Instituto Médico Legal (IML) em Belém para reconhecer os corpos e aguardar a liberação. A perícia faz a identificação por meio de impressão digital. Dos 21 corpos, dez foram levados para Belém e 11, incluindo o do agente penitenciário, estão no IML em Castanhal. Além dos mortos, quatro servidores ainda continuam internados. Os agentes prisionais Daniel Lobato, Robson Nazareno e Edson Oliveira passaram por cirurgia e apresentam quadro estável; já o agente Rosivaldo Silva passou por exames e está em observação. Todos os demais agentes já foram liberados e passam bem. O número de presos feridos ainda não foi informado. Os mortos são um agente penitenciário, Guardiano Sanatana de 57 anos, cinco presos e 15 suspeitos de tentar invadir o presídio para apoiar a fuga, segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) do Pará. O caso ocorre um dia após uma série de 12 assassinatos na Grande Belém. A secretaria disse não haver relação entre os dois episódios. Em fevereiro, a unidade prisional tinha 52% mais presos do que a capacidade: havia 660 detentos para 432 vagas, afirma o CNJ. As condições da prisão são “péssimas” e “inaceitáveis” para um presídio de segurança máxima. A Secretaria de Segurança Pública do Pará (Segup) informou em nota que está acompanhando as contagens de segurança dos detentos. Informações sobre o caso são atualizadas a todo…

ENCHENTE CONTINUA DESABRIGANDO EM MARABÁ

10 de Abril de 2018
Nesta terça-feira (10), o nível do Rio Tocantins amanheceu 11 metros e 51 centímetros acima do nível normal. Com isso, de acordo com levantamentos da Defesa Civil Municipal, o número de famílias afetadas pelas cheias dos Rios Tocantins e Itacaiúnas chega a 1.800.

Aqueles que não têm casas de parentes ou amigos para ir, estão sendo removidos para abrigos. Em Marabá são 11, nos Núcleos Nova Marabá, Cidade Nova, Marabá Pioneira e São Félix.

Segundo Jairo Milhomem, coordenador da Defesa Civil, nesses abrigos estão cerca de 400 famílias, enquanto que outras 1.400 estão em casas de parentes ou alugadas.

Sobre o Rio Itacaiúnas, Jairo informou que não tem uma régua para medir o rio, mas que os moradores relataram que o Itacaiúnas está enchendo. “Quando o Rio Tocantins estava baixando, os moradores relatavam que o Itacaiúnas estava enchendo”, disse, acrescentando, entretanto, que não acredita que o rio esteja enchendo, mas que seja água empossada que não tem para onde escoar.

Pelo menos oito bairros do Núcleo Cidade Nova estão sendo afetadas pela cheia do Itacaiúnas. São eles: Bairro Da Paz, Liberdade, São Miguel da Conquista, Filadélfia, Vale do Itacaiúnas, Carajás 1 e 2 e Amapá.

Serviço

A Defesa Civil orienta que todas as pessoas que precisarem de apoio podem procurar a sede do órgão, na Rua Carlos Leitão, entre Avenida Antônio Maia e Rua 7 de Junho, Marabá Pioneira, das 08h às 18 horas. Fone: 3321-8990

(Alessandra Gonçalves)

Compartilhe:

Compartilhe:

Celpa investirá cerca de R$ 290 mil em recursos para a Apae Marabá

Instituição é uma das beneficiadas pelo Projeto Celpa Mais Desenvolvimento Socia   Emoção e alegria marcaram a divulgação do Projeto Celpa Mais Desenvolvimento Social na Associação de Pais e Amigos, a Apae de Marabá, que há 20 anos atende pessoas com deficiência intelectual e múltipla. O anúncio foi feito na sede da instituição e contou com a presença de colaboradores, usuários e familiares. A concessionária investirá cerca de R$ 290 mil para a compra de móveis e equipamentos, além de aquisição de materiais que serão utilizados em adequações das estruturas do local.   Para a analista da área de Responsabilidade Social da Celpa, Cláudia Michelle Miranda, o investimento na Apae mostra a importância de apoiar pessoas com deficiência. “A Celpa vai investir mais de R$ 4 milhões em projetos sociais em todo o Estado​. Em 2016, abrimos um edital e tivemos 68 instituições inscritas. Foi muito difícil selecioná-las, pois sabemos da importância e necessidade de cada uma, mas escolher a Apae significa para nós apoiar a inclusão das pessoas com deficiência. Além disso, o apoio se estende às famílias, que são fundamentais na luta por um tratamento digno”, destaca a analista.   Inaugurada em 1998, a Apae Marabá atende hoje 523 alunos e conta com 64 funcionários, entre equipes especializadas e de apoio. Os recursos para manter os serviços oferecidos à comunidade são provenientes de doações e parcerias com empresas e o município. Por isso, iniciativas sociais como a da Celpa são de extrema importância para ajudar a suprir necessidades do dia a dia da instituição.   Para a diretora…

Remova facilmente aplicativos e sites do Facebook de uma só vez

Desde que foi noticiado o uso indevido de milhões de usuários do Facebook, a companhia percebeu a urgência em alterar as configurações de privacidade da rede social. Agora, você pode deletar os apps e sites vinculados a sua conta de uma só vez por meio do celular.

Para realizar esta tarefa por smartphones, você precisa acessar as Configurações do Facebook e selecionar Configurações da conta. Em seguida, toque em Aplicativos e escolha o botão Conectado com o Facebook.

De acordo com o tutorial do ‘Techtudo’, a rede social vai te mostrar uma lista de aplicativos e sites conectados ao seu perfil. Faça uma seleção de todas as plataformas que deseja excluir da sua conta e toque em Remover.

Pronto, agora você já tem uma conta bem mais segura.

Compartilhe:

Divulgada lista de aprovados no processo seletivo para o Hospital Materno Infantil de Barcarena

A Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, gestora do Hospital Materno Infantil de Barcarena, localizado no nordeste paraense, divulgou nesta segunda-feira, 9/4, a primeira lista de aprovados para o processo seletivo da unidade, que será uma das mais modernas do Estado do Pará.

Os candidatos aprovados têm até a sexta-feira (13/4) para enviar e-mail com seus contatos (telefone e e-mail) para trabalheconosco@prosaude.org.br. O título do e-mail deve conter APROVADO – NOME COMPLETO – CPF.

Confira os nomes dos aprovados abaixo, assim como o passo a passo do processo admissional:

Clique aqui para acessar.

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar possui quase 50 anos de atuação e é considerada uma das maiores instituições de gestão de serviços de saúde e administração hospitalar do País. Presente em todas as regiões do Brasil, a entidade tem sob sua responsabilidade 2.068 leitos e o trabalho de cerca de 16 mil profissionais, sendo 2,9 mil médicos.

Entidade filantrópica, sem fins lucrativos, a Pró-Saúde é certificada como Entidade Beneficente de Assistência Social na Área da Saúde. Tal reconhecimento oficial pelo Ministério da Saúde reforça sua atuação no âmbito da gestão do SUS, com eficiência e qualidade, ampliando o acesso da população aos serviços.

Sua atuação na área de administração hospitalar tornou a entidade amplamente reconhecida no setor e permite que a Pró-Saúde ofereça a mesma qualidade em assessoria e consultoria, planejamento estratégico, capacitação profissional, diagnósticos hospitalares e de saúde pública, além da gestão de serviços de ensino.

Compartilhe:

Ex-prefeito de São Félix do Xingu é preso na Operação Tetrarca

A Polícia Civil do Pará, em parceria com o Ministério Público do Estado, deflagraram na manhã desta terça-feira (10), a Operação Tetrarca, para desarticular um esquema de corrupção que envolvia desvios de recursos públicos praticados por uma organização criminosa no município de São Félix do Xingu, no sudeste do Pará. Durante a operação, iniciada às 06 h, foram cumpridos 10 mandados judiciais, dos quais quatro de prisão preventiva e seis de busca e apreensão. Foram presos João Cleber de Souza Torres, ex-prefeito de São Félix do Xingu, que estava à frente da gestão municipal na época dos crimes; Ana Claudia Rodrigues Feitosa, servidora da Prefeitura e atual chefe do Departamento de Tributos do município; Evani Geraldo de Oliveira, ex-secretário de Finanças; Antonio Ribeiro Neto, secretário adjunto de Finanças e responsável pelo recolhimento de tributos municipais no período das denúncias. As investigações são realizadas há mais de dois anos, sob a presidência do delegado Carlos Vieira, titular da Delegacia de Repressão a Defraudações Públicas (DRDP), vinculada à Divisão de Repressão ao Crime Organizado do Pará (DRCO), com atuação conjunta com o Ministério Público do Estado do Pará. Conforme o delegado, os crimes tratam de desvios de recursos próprios do município, entre os quais o Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), cuja fonte arrecadadora e destinatária é a prefeitura. O delegado explicou que o crime era praticado pela organização criminosa liderada pelo ex-prefeito e contava com a participação dos servidores públicos. João Cleber de Souza Torres recebia em mãos os valores referentes ao tributo, deixando de…

Pró-Saúde abre vagas para PCD em Santarém (PA)

A Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar está com vagas abertas para pessoas com deficiência (PCD) no Hospital Regional do Baixo Amazonas, em Santarém (PA). Há vagas para os cargos de auxiliar administrativo, psicólogo, fisioterapeuta, auxiliar de farmácia, enfermeiro e técnico em enfermagem. Auxiliar Administrativo – PCD Atividades: realizar controle de informações em planilhas e sistemas; imprimir, organizar e arquivar formulários; preenchimentos de formulários e relatórios; realizar serviços administrativos de apoio nas atividades do setor. Experiência: área administrativa e conhecimento em informática avançada. Requisitos: ensino médio completo; desejável ensino superior completo ou cursando administração ou áreas afins. Horário: 220h mensais. Benefícios: salário + vale-transporte.   Psicólogo(a) – PCD Atividades: prestar assistência psicológica aos usuários e familiares durante o período de tratamento e/ou hospitalização; realizar grupos terapêuticos nas UTI´s neonatal e pediátrica; realizar avaliações psicológicas; realizar palestras educativas aos usuários, acompanhantes/ familiares e equipe multidisciplinar. Experiência: necessário ter experiência na função. Requisitos: necessário ensino superior completo em Psicologia; desejável especialização em Psicologia Clínica, Oncológica ou Hospitalar. Horários: 220 h mensais. Benefícios: salário + vale-transporte.   Fisioterapeuta – PCD Atividades: realizar tratamento fisioterapêutico de acordo com protocolos estabelecidos pelo serviço, conhecimento técnico e tratamento específico a cada patologia; elaborar relatórios mensais, abrangendo o número de usuários atendidos e tipos de atendimentos; realizar treinamentos e palestras nas dependências do HRBA quando convocado, de acordo com sua formação. Experiência: necessário ter experiência na função. Requisitos: ensino superior completo em fisioterapia; desejável conhecimento em informática. Horários: 30 h/semanais. Benefícios: salário + vale-transporte.   Auxiliar de Farmácia – PCD Atividades: registrar a dispensação e recebimento de materiais e medicamentos; dar saída de materiais e medicamentos no sistema;…

Santa Izabel (PA): Tentativa de fuga de presos termina com 21 mortos

Uma tentativa de fuga de presos em massa terminou com 21 pessoas mortas na tarde desta terça-feira (10). As mortes ocorreram no Centro de Recuperação Penitenciário do Pará III (CRPP III), no Complexo Prisional de Santa Izabel.

De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) do Pará, um agente penitenciário foi morto; 22 presos e pessoas suspeitas de dar cobertura aos detentos também foram mortos na troca de tiros.

Há outras vítimas feridas gravemente – o número ainda não foi informado. Autoridades faziam uma recontagem de presos no fim da tarde desta terça para identificar quantos presos e quantas pessoas que tentaram invadir o presídio morreram. (G1/PA)

Compartilhe:

Com hospitais de referência, Pará se destaca no combate ao câncer

A filha de Maria Domingas Paixão machucou o joelho após uma queda enquanto brincava. A mãe imaginava que como qualquer outro hematoma decorrente da diversão dos adolescentes, o inchaço no joelho diminuísse rápido. Com o passar dos dias, vendo a filha se queixar cada vez mais de dores, Maria percebeu que precisava de ajuda. “Fizemos os primeiros exames em Limoeiro do Ajuru. Fomos encaminhadas para Belém e dias depois estávamos aqui no Oncológico. Esses seis meses de tratamento têm sido ótimos. Hoje mesmo ela se divertiu com as enfermeiras que estavam aqui”, contou Maria Domingas sobre o encontro da filha com as voluntárias do grupo ‘Anjos da Enfermagem’. As voluntárias atuam no suporte aos pacientes acolhidos pelo Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, em Belém (PA). Observadora como Maria Domingas, Midene Batista percebeu algo errado com a filha de seis anos e procurou ajuda. “Fui dar um banho nela e percebi algo diferente na região do abdômen. Tive medo, porque é minha única filha, mas hoje ela é primeira a me dizer que está tudo bem”, contou a mãe, que saiu do município do Acará, no nordeste paraense, e há três anos acompanha a filha em tratamento contra o tumor de Wilms, um tipo de câncer renal que acomete frequentemente crianças. As filhas de Maria Domingas e Midene Batista ainda são jovens e têm histórias parecidas que envolvem o câncer. A doença que, segundo estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca), deve ter 600 mil novos casos no Brasil somente em 2018. Desta projeção, cerca de…

Polícia cumpre mandados de busca e apreensão e investiga crimes de desvios verbas em São Félix do Xingu

Polícia Civil e o Ministério Público Estadual deflagraram a ‘Operação Tetracarca’, na manhã desta terça-feira (10), no município de São Felix do Xingú, sul do Pará. Foram cumpridos 10 mandados judiciais, sendo quatro de prisão preventiva e seis de busca e apreensão relacionados a crimes de desvios de recursos públicos e corrupção praticados por organização criminosa no município.

Segundo a polícia, os crimes estão relacionados a desvios de recursos de origem própria do município sobre o Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), cuja fonte arrecadadora e destinatária ao próprio município. O Crime se dava da forma em que a organização criminosa com a participação dos servidores, recebia em mãos os valores referentes ao tributo, deixando de recolherem aos cofres públicos, dando quitação de próprio punho em boletos de pagamento.

As investigações duraram cerca de dois anos com atuação conjunta do Ministério Público do Estado do Pará. Os presos serão encaminhados ao Sistema Penal onde ficarão a disposição da justiça.

Compartilhe: