NOTA SOBRE INFORMAÇÃO QUE ESTÁ SENDO VEICULADA NAS REDES SOCIAIS SOBRE O CONCURSO NA PREFEITURA DE MAR

A secretaria de Comunicação informa que a notícias difundida através das redes sociais sobre um possível concurso público realizado pela prefeitura de Marabá, é falsa. 

Esta informação vem sido propagada através de um link que daria acesso a um site de concursos. Este site possivelmente é um vírus, que assim que acessado, será instalado no seu dispositivo.

Compartilhe:

Conceição (PA): Caminhão envolvido na morte de 4 policiais é destruído pelo fogo

O caminhão envolvido no acidente que ceifou a vida de quatro policiais militares de Conceição do Araguaia, na última segunda-feira (05), foi incendiado na noite de sábado (10).

O caminhão bitrem estava estacionado na porta da Delegacia de Polícia Civil em Conceição do Araguaia. O motorista do caminhão está preso no presídio de Redenção.

A Polícia Civil vai investigar para saber quem ateou fogo no veículo.

Compartilhe:

Agricultora aposentada ganha festa de aniversário de 100 anos no Hospital Metropolitano

Ser longevo, chegar aos 100 anos e estar com a família é o desejo de muita gente. Mas poucos, de fato, podem fazer isso. É o caso da agricultora aposentada Emirena Correa, que completou um século de vida neste mês, no dia 04. Mas a comemoração, foi esta semana. Emirena celebrou a nova idade com a família, em uma pequena cerimônia no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua (PA), onde se recuperou de um acidente doméstico. Na unidade gerenciada pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), a aposentada ganhou o carinho das netas e dos filhos. Com a ajuda das profissionais do setor de Psicossocial, a família pôde comemorar  ao lado de Emirena. Quando jovem, a agricultora e o marido eram responsáveis pela plantação de alimentos como milho, mandioca e arroz em Curuçá, cidade do nordeste paraense. A neta Andreia Correa acompanhou Emerina nos dias após uma cirurgia no fêmur. Apegada à avó, por quem foi criada, Andreia não poupou esforços para estar com a aposentada, a quem chama carinhosamente de mãe. Emerina é descrita pelos filhos como uma mulher guerreira, que enfrenta dores e tem na religião seu ponto de fé. “Ela é muito católica, reza o rosário desde todos os dias e quando os enfermeiros iam tirar o terço da mão dela dizia ‘larga o meu rosário’”, contou. Ao completar 100 anos, a aposentada se disse feliz e fez graça com uma das filhas: “Só…

Hospital Metropolitano orienta contra violência doméstica na semana do Dia da Mulher

Vivi um inferno durante a minha gravidez”. Esta é uma das recordações ruins que a estudante do curso técnico de Enfermagem, J. C., tem do período entre os anos de 1995 e 1996. Naqueles meses, J. tinha 16 anos e esperava pela filha. Grávida do namorado com quem se relacionava há pouco tempo, a estudante enfrentou a família e saiu de casa. Morando com o então companheiro, J. passou a sofrer diversas violências. Ela é uma das mulheres que fazem parte das estatísticas sobre violência doméstica no Brasil. Números como o da pesquisa DataSenado, divulgada em 2017, mostram o crescimento da violência contra a mulher no âmbito doméstico. O salto foi de 18% em 2015 para 29% no ano passado. Para orientar e acolher mulheres como J., o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua (PA), centrou sua programação do Dia Internacional da Mulher, no último dia 8/3, em dois eixos. O acolhimento e orientação aconteceu em uma roda de conversa comandada pela psicóloga Jéssica Leonardo. A colaboradora e um grupo de acompanhantes conversaram longamente sobre os diversos tipos de violência aos quais a mulher pode ser submetida. O porquê do Dia Internacional da Mulher também foi lembrado por Jéssica. No decorrer da conversa, já entrosadas, as mulheres contaram suas experiências. A estudante do curso de técnico de Enfermagem aproveitou o momento para relatar às outras o que passou. Além dessa primeira experiência de violência, J. foi submetida a uma segunda situação de violência anos depois, quando passou a se relacionar com outro…

Mais de 12 mil candidatos participam do concurso da Susipe neste domingo

Quatro candidatos foram eliminadas do concurso, sendo três em Belém e um em Altamira, por conta do aparelho celular. Mais de 12 mil candidatos realizaram a primeira etapa das provas para o concurso a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) em Belém, Castanhal, Itaituba, Altamira, Santarém e Marabá, neste domingo (11). São ofertadas 969 vagas aos cargos de Assistente Administrativo, Enfermagem, Pedagogo e Técnico em Gestão de Informática. De acordo com a empresa realizadora do concurso, 5.063 candidatos faltaram representando 29.01% do quantitativo que deveria fazer a prova nesta manhã. Quatro candidatos foram eliminadas do concurso, sendo três em Belém e um em Altamira, por conta do aparelho celular deles ter tocado durante a prova. Os aparelhos estavam em sacos lacrados embaixo das carteiras, mas deveriam estar desligados. Os candidatos foram imediatamente eliminados. Em Castanhal, dos 1.740 candidatos inscritos, 452 faltaram, mais de 25% do total. Em Santarém, dos 342 inscritos, 115 deixaram de comparecer. Em Itaituba, de 84 candidatos inscritos, apenas 51 fizeram a prova. Em Altamira, eram esperados 389 candidatos para o concurso, mas 118 não foram. Em Marabá, dos 2309 inscritos para as provas da manhã, 810 não compareceram ao certame; e em Belém, os 12.589 que deveriam realizar a prova 3.535 faltaram. Provas No horário da tarde foram realizadas as provas para os candidatos aos cargos de Assistente de informática, Eletricista, Técnico em enfermagem, Administração, Biblioteconomia, Ciências Contábeis, Estatística, Biomedicina, Medicina, Médico Psiquiatra, Odontologia, Psicologia, Serviço Social, Arquitetura, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica e Engenheiro de Segurança do Trabalho. Essa é…

CANAÃ DOS CARAJÁS: homem é denunciado por divulgar imagens intimas da ex-namorada

  Um homem de 30 anos, morador da cidade de Canaã dos Carajás, sudeste do Pará, foi denunciado pelo Ministério Público Estadual (MPPA) por divulgar cenas de sexo explícito e de nudez da ex-namorada, menor de 18 anos. Ele foi denunciado pela prática de “porn revenge”, que em português significa “pornografia da vingança”, e consiste em divulgar imagens ou vídeos íntimos de pessoas na internet, sem o devido consentimento, causando grandes prejuízos à imagem e à vida pessoal e profissional da vítima. De acordo com informações da 2º Promotoria de Justiça de Canaã dos Carajás, o total das penas do acusado, caso seja condenado, pode chegar a 23 anos de prisão. Segundo a denúncia, o homem era muito mais velho que a vítima, e começou a namorá-la quando ela ainda tinha ainda menos de 14 anos. Apesar da grande diferença de idade, a menina teria se relacionado por cerca de cinco anos com o acusado, sendo ameaçada por diversas vezes de ter seus vídeos e fotos íntimas divulgados. Todavia, apesar do medo, incapaz de suportar a situação, a jovem terminou o namoro e o acusado cumpriu sua promessa, divulgando os vídeos e fotos através de aplicativos de mensagens e contas falsas em redes sociais. Transtornada, a vítima procurou a polícia para narrar o caso e chegou a mudar de cidade, em razão do imenso constrangimento que sofreu. Os fatos vieram então ao Ministério Público, que ofereceu denúncia contra o acusado pelos crimes de estupro de vulnerável, que tem pena de até 15 anos de reclusão,…

Escolas recebem o projeto de hortas e arborização “Quintal da Vovó” 09/03/2018 às 12:45

    Na última quinta-feira (8), as promotoras de justiça Mayanna Queiroz, Josélia Leontina de Barros e o pedagogo do Ministério Público, Jairo Mororó, realizaram visita ao projeto “Quintal da Vovó”, que vem sendo implantado desde o inicio da semana no Núcleo de Educação Infantil Maria Clara Machado, no bairro Laranjeiras, em Marabá. O projeto visa a implantação de hortas nas escolas, fazendo com que os próprios alunos tenham contato com a terra, e aprendam a plantar e a cultivar alguns alimentos. A iniciativa prevê também o plantio de árvores nas áreas externas da escola. Um projeto piloto foi desenvolvido para a implantação do projeto, sendo eleitas cinco escolas do município para receberem o programa. A iniciativa também prevê a realização de workshops, a fim de dar mais visibilidade ao plano, além de outras atividades referentes à compostagem e reciclagem. A idealização e a apresentação do projeto ocorreram em outubro e novembro de 2017, quando as promotoras de justiça de Marabá realizaram reuniões para a criação de um grupo com a responsabilidade de criar um projeto visando trazer de volta o verde nas escolas públicas do município, que recebeu o nome de “Quintal da Vovó”. O grupo é composto por representantes do MPPA, Secretária Municipal de Educação de Marabá (Semed), Secretaria Municipal de Agricultura (Seagri), Embrapa, Sebrae, Emater, com apoio da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa). Além da escola infantil Maria Clara Machado, também receberão o projeto as escolas de ensino Médio e Fundamental Raimundinho, Doralice de Andrade Vieira, São José…

Instituto Aço Cearense em Marabá

Neste mês, o Instituto Aço Cearense, responsável por todas as ações de cunho social, educacional, esportivo e ambiental do Grupo Aço Cearense (Sinobras em Marabá), comemora oito anos de atuação, contribuindo para o desenvolvimento do Pará e Ceará. Desde então, com mais de 9 milhões de reais investidos, 133 instituições já foram atendidas, totalizando mais de 71 mil pessoas beneficiadas pelo Instituto.

Compartilhe:

Quando a vítima tem a intimidade exposta

Atriz Paolla Oliveira teve imagens suas divulgadas de forma criminosa na internet (Foto: Divulgação   A estudante Maria (nome fictício para preservar a vítima) passou por uma experiência devastadora: teve sua intimidade covardemente exposta nas redes sociais. Ela acusa o ex-marido, com quem viveu sob o mesmo teto por 6 anos e que não se conformou com a separação. “Ele não aceitava a situação e me fez muitas ameaças, inclusive de expor nossa intimidade para todo mundo. Eu jamais acreditei que ele faria uma coisa dessas comigo”, lamenta. Ela foi vítima do chamado “revenge porn” ou “vingança pornográfica”, que é o registro ou divulgação não autorizada de cenas da intimidade sexual de uma pessoa. As vítimas desse tipo de crime tiveram uma grande vitória na última quarta-feira (7), quando foi aprovado no Senado o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 18/2017 que torna a prática crime punível com reclusão de 2 a 4 anos, mais multa. Como a matéria foi alterada no Senado, retorna à análise da Câmara dos Deputados. A proposta altera a Lei Maria da Penha e o Código Penal. Originalmente, ela estabelecia pena de reclusão de três meses a um ano, mais multa, pela exposição da intimidade sexual de alguém por vídeo ou qualquer outro meio. O texto alternativo substitutivo, apresentado pela senadora Gleisi Hoffman (PT-PR), ampliou essa pena de reclusão para 2 a 4 anos, mais multa. A estudante conta que, após a separação, ainda tentou manter um bom relacionamento com o ex. “Mas as ameaças não cessaram. Ele falou que, se…

Funcionários dos Correios entram em greve a partir desta segunda-feira

Os funcionários dos Correios vão entrar em greve por prazo indeterminado a partir das 22h de segunda-feira (12), segundo a Fentect, federação que reúne sindicatos da categoria.
O motivo é a mudança no plano de saúde dos trabalhadores, que está em julgamento no Tribunal Superior do Trabalho (TST). A alteração defendida pela gestão da estatal retiraria pais, filhos e cônjuges do plano. Hoje, a assistência bancada pela empresa supera os R$ 12.000 por funcionário e custa R$ 1,8 bilhão por ano.
Em nota, a Fentect afirma ainda que a estatal vai fechar 2.500 agências próprias. “Todo o desmonte promovido pela gestão dos Correios tende a prejudicar ainda mais os serviços à população”, afirmam.
“Quanto ao reajuste dos preços dos serviços da estatal, a federação e toda a categoria concorda com a sociedade e discorda de aumentos abusivos nos valores”, diz o comunicado.

Compartilhe: