Hospital Regional de Marabá incentiva cuidados com a mente

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), até 2020, a depressão será a doença mais incapacitante no mundo. Considerado um dos transtornos mentais mais comuns, o problema tem sido discutido em todo o mundo durante o ”Janeiro Branco”. Em Marabá (PA), o Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP) apoia o movimento e, com isso, tem alertado colaboradores e usuários sobre os principais transtornos psicológicos e a importância do cuidado com a saúde mental na busca pela qualidade de vida. Josiane Monteiro, de 27 anos, participou de um dos encontros realizados na unidade. Desde o início do mês, ela acompanha o filho internado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal. ”O encontro mexeu muito com cada uma das participantes, porque é bem profunda a situação que a gente está passando. Deu para entender e ver que não é só o meu caso, há várias situações acontecendo com as mães que acompanham os filhos no hospital, e cada uma enfrenta de uma forma diferente. A partir dessas histórias me senti encorajada a seguir em frente”, afirmou. A programação do ”Janeiro Branco” no Hospital Regional de Marabá incluiu também diálogos sobre saúde mental com os colaboradores. Segundo a psicóloga da unidade, Carolina Miranda, infelizmente, o assunto é considerado um tabu para a maioria das pessoas, inclusive para profissionais da área da Saúde. ”Se as doenças mentais vêm das nossas emoções que se manifestam de diferentes formas, não devem ser um tabu, porque tudo é do ser humano. Existe muito preconceito em torno…

‘Relógio do Juízo Final’ é adiantado: fim do mundo está mais próximo

Cientistas adiantaram o ‘Relógio do Juízo Final’ – uma metáfora que mostra o quanto os humanos estão mais perto de destruir o mundo. Agora, faltam dois minutos apenas para a “meia-noite”.

Segundo o presidente do Boletim de Cientistas Atômicos, Rachel Bronson, a decisão está relacionada à crescente preocupação com a corrida armamentista e com a questão nuclear de países como a Coreia do Norte, Índia, Paquistão e China. Além disso, as ameaças em resposta por parte do governo norte-americano também são motivo de alerta.

Criado em 1947, o Relógio do Juízo Final é focado em questões nucleares. No entanto, problemas como o aquecimento global e tecnologias emergentes passaram a ser consideradas a partir de 2007.

 

Fonte: Notícias ao Minuto

Compartilhe:

Após condenação de Lula, fãs pedem Anitta como presidenta do Brasil em 2018

Após a condenação do ex-presidente do Brasil Luis Inácio Lula da Silva pelo triplex em Guarujá nessa quarta-feira, 24, os internautas resolveram decidir o impasse no tabuleiro eleitoral de 2018.

A hashtag Anitta presidente 2018 foi a primeira reação dos fãs da cantora no Twitter. Centenas de usuários usaram a rede social para declarar voto na artista que tem dominado o Brasil e o mundo.

Compartilhe:

Homo sapiens deixaram a África muito antes do que se pensava

Fóssil encontrado em caverna de Israel tem entre 177 mil e 194 mil anos e indica que migração humana para fora do continente africano ocorreu ao menos 50 mil anos antes do estimado.Um fóssil encontrado numa caverna de Israel indica que os Homo sapiens deixaram a África cerca de 50 mil anos antes do que se pensava, revelou um estudo publicado nesta quinta-feira (25/01) pela revista especializada Science. Fragmentos faciais, incluindo a parte mandíbula e vários dentes, foram encontrados no sítio arqueológico Caverna Misliya, localizada no Monte Carmel. Os ossos têm entre 177 mil e 194 mil anos. Até agora, os fósseis mais antigos de Homo sapiens encontrados fora da África tinham entre 90 mil e 120 mil anos e também foram descobertos em Israel. “Misliya é uma descoberta emocionante. Ela fornece a clara evidência que nossos ancestrais migraram da África muito tempo antes do que acreditávamos”, afirmou o coautor do estudo Rolf Quam, paleoantropologista da Universidade de Binghamton. Segundo o estudo, o fóssil chamado de Misliya-1 possui dentes semelhantes aos dos humanos modernos, além de mostrar padrões e características da espécie humana. Outras evidências encontradas na caverna revelaram que seus habitantes caçavam animais grandes e usavam o fogo. Ferramentas de pedra e lâminas sofisticadas para a época também foram descobertas no local. Após a localização de fósseis no Marrocos recentemente, pesquisadores anunciaram que os Homo sapiens apareceram na África há cerca de 300 mil anos. A descoberta representou um marco nas pesquisas sobre as rotas migratórias dos humanos. Com o achado em Israel, uma…

Mais de 9 milhões de celulares foram bloqueados em dezembro no Brasil

Em dezembro do ano passado, foram bloqueados mais de 9,2 milhões de aparelhos celulares, um aumento de 20,97% em relação ao mesmo período de 2016. Os número constam do Cadastro Nacional de Estações Móveis Impedidas (Cemi) e foram divulgados hoje (25) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

O cadastro mantém o registro de aparelhos perdidos, furtados ou roubados que estão bloqueados. No total, foram bloqueados, 9.259.697, um aumento de 1.604.875 em relação a dezembro de 2016.

O número abrange os aparelhos impedidos por solicitação direta dos usuários às empresas de telefonia móvel e pelo registro de boletins de ocorrência na polícia nos estados e no Distrito Federal.

De acordo com a Anatel, até dezembro do ano passado, as polícias estaduais e do Distrito Federal bloquearam 180.508 celulares no Cemi. Os estados com maior número de celulares bloqueados pela policia foram São Paulo, com 116.967 aparelhos; Rio de Janeiro, com 27.785 bloqueios; e Espírito Santo, com 10.179 celulares.

Desde quando o sistema de bloqueio começou a funcionar, em março de 2016, 23 secretarias de Segurança estaduais e a do Distrito Federal assinaram o convênio com a Anatel para inscrição no Cemi. Ainda não firmaram o termo de adesão ao cadastro as secretarias do Acre, de Alagoas, do Amapá, do Maranhão e do Pará.

(Agência Brasil)

Compartilhe:

VIAGEM À ETIÓPIA Justiça manda apreender passaporte e Lula cancela viagem ao exterior

A medida foi solicitada pelo Ministério Público Federal (MPF) em virtude de uma viagem que o ex-presidente faria nesta sexta, 26, à Etiópia   O juiz federal Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal em Brasília, determinou nesta quinta-feira, 25, a apreensão do passaporte do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o que o impede de deixar o país. A medida foi solicitada pelo Ministério Público Federal (MPF) em virtude de uma viagem que o ex-presidente faria nesta sexta, 26, à Etiópia para participar de um evento da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO). A assessoria de imprensa do ex-presidente confirmou que Lula já cancelou a viagem ao exterior. A íntegra da decisão ainda não foi divulgada. ? Nessa quarta, 24, o Tribunal Regional Federal 4 ª Região (TRF4) confirmou a condenação de Lula na ação penal envolvendo o tríplex no Guarujá (SP) e aumentou a pena do ex-presidente para 12 anos e um mês de prisão. Embora o cumprimento da pena não seja imediato, em função do cabimento de mais um recurso, o MPF entendeu que a viagem do ex-presidente poderia trazer riscos para investigação, como a fuga do país. Antes da decisão de Ricardo Leite, a viagem de Lula foi comunicada à Justiça Federal. A medida cautelar foi autorizada no âmbito do processo em que Lula é acusado na Justiça do Distrito Federal do crime de tráfico de influência na compra, pelo governo federal, de caças da Força Aérea Brasileira (FAB) da empresa sueca Saab. A reportagem da Agência Brasil aguarda…

HRBA é o primeiro hospital público a conseguir recertificação de excelência na Região Norte

Em 2015, o Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém (PA), conquistou algo inédito para a saúde pública da Região Norte: o mais importante certificado de excelência do País, o ONA III – Acreditado com Excelência, emitido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). Agora, em 2018, a unidade de saúde consegue a recertificação, após rigorosa auditoria atestar a qualidade e segurança dos serviços oferecidos e a eficiência da gestão. A avaliação para a conquista dos certificados possui critérios rigorosos sobre todo o funcionamento da unidade hospitalar e é feita por instituições acreditadoras credenciadas pela ONA, tendo como referência as normas do Sistema Brasileiro de Acreditação e o Manual Brasileiro de Acreditação. “A recertificação do HRBA é um marco histórico para a nossa instituição e para toda a região Oeste do Pará, que conta com mais de 1,1 milhão de habitantes. A recertificação representa o compromisso da Pró-Saúde em sempre prestar serviço com qualidade e segurança à população”, afirma o diretor-geral do hospital, Hebert Moreschi. A certificação pode ocorrer em três níveis: Acreditado – atende aos critérios de segurança do paciente em todas as áreas de atividade, incluindo aspectos estruturais e assistenciais; Acreditado Pleno – além de atender aos critérios de segurança, apresenta gestão integrada, com processos ocorrendo de maneira fluida e plena comunicação entre as atividades; e Acreditado com Excelência – é a excelência em gestão. Além dos níveis 1 e 2, já deve demonstrar cultura organizacional de melhoria contínua. A assessora do Núcleo de Qualidade e Segurança do Paciente (NQSP), Veruska Ramalheiro, destaca…

MORADORES DO PA BELO VALE RECLAMA DE ASSALTOS CONSTANTES

24 de Janeiro de 2018

Os moradores do PA Belo Vale, localizado no km 16, sentido Itupiranga, já não agüentam mais sofrer tantos assaltos nos últimos meses. A comunidade reclama que está que os assaltos estão ocorrendo dentro das residências e até os alimentos são furtados.

“Eles estão amarrando os moradores, humilhando de todas as formas”, conta um morador, que não quis se identificar.

A população procurou a reportagem para denunciar a situação de vulnerabilidade e pede também apoio da Polícia, além da direção do Centro de Recuperação Agrícola Mariano Antunes (Crrama), pois acreditam que os suspeitos podem ser detentos do regime semiaberto.

“Segundo informações dos moradores, esses bandidos são presos do regime semiaberto do Mariano Antunes. Eles estão tocando o terror na comunidade”, acrescenta o morador.

A reportagem tentou contato com o 4º Batalhão da Polícia Militar para averiguar a denúncia, mas não obteve sucesso. Mais informações serão divulgadas no site da Rádio Clube em breve.

Compartilhe:

Pará tem crescimento de cerca de 30% nas exportações em 2017 e números poderiam ser melhores

Pará teve um crescimento de mais de 30% nas exportações em 2017. A extração de minério e o agronegócio são os destaques no comércio exterior. Mas os resultados poderiam ser ainda melhores. Além de ser saboroso, o açaí tem muitas vantagens nutricionais. É rico em proteínas, fibras, vitaminas, cálcio e ferro. Por isso faz sucesso no Brasil inteiro. O fruto ocupa o terceiro lugar na lista dos produtos do agronegócio mais exportados pelo estado do Pará. A soja lidera o ranking e em seguida vem a carne bovina. A madeira paraense também voltou a conquistar espaço no exterior e obteve bons resultados. Só na empresa de Leandro Rumsza, o crescimento nas exportações chegou a 10%. “Os importadores estão vindo aqui no Pará atrás da nossa madeira que é a melhor do mundo. Foi um bom ano pr anos e estamos esperando um 2018 ainda melhor”, diz. O agronegócio foi um dos responsáveis pelo aumento das exportações no Pará. Em 2017 o estado registrou crescimento de 37,80%. Mas o grande destaque foi o minério de ferro, responsável por 53% de tudo que foi exportado. Ano passado, o estado exportou 14, 4 bilhões de dólares. Ficou atrás apenas de Minas Gerais. Os números poderiam ser ainda melhores. É que grande parte dos produtos que o Pará exporta é matéria-prima. Ou seja, não tem valor agregado nenhum. Isso quer dizer que o estado ganha muito menos do que deveria. Um exemplo é o minério de ferro, que sai do estado na forma bruta e é exportado para outros…

SINDICATO PATRONAL CONVOCA COMERCIANTES PARA CONVENÇÃO COLETIVA

24 de Janeiro de 2018

Com a vigência das novas regras das leis trabalhistas, previstas na Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), o Sindicato patronal do comércio de Marabá entende que há a necessidade de fazer uma adequação rigorosa nas cláusulas da convenção coletiva do município.

Nesta quarta-feira (24) o Sindicato do Comércio de Marabá, lança o edital de convocação de empresários e comerciantes para a assembléia geral que será realizada dia 19 de fevereiro, às 18 horas no auditório do Serviço Social do Comércio (Sesc), na Cidade Nova.

“Vamos lançar o edital amanhã e é importante que todos compareçam na assembléia geral para ouvir algumas explicações e sobre o que vai acontecer daqui pra frente”, explica Raimundo Neto, diretor do Sindicato do Comércio de Marabá (Sindicom).

Na oportunidade, ele ressalta que os comerciantes não mandem os funcionários, mas compareçam à reunião pessoalmente, e caso seja necessário enviar representantes, que seja encaminhada uma carta de preposto para que possam participar com voz ativa na reunião. (Laia mais na próxima sexta no Diário de Carajás)

Compartilhe: