Pará tem fim de semana sangrento com 20 homicídios Em Marabá Policia Investiga Morte de Ex-Policial Militar

    Fim de semana de extrema violência, tanto na região Metropolitana de Belém, como no interior do Estado. Em apenas três dias, o interior do Pará registrou 20 homicídios, com destaque para os municípios de Paragominas, Abaetetuba e Tailândia, com dois registros cada. Mas, jorrou sangue também em Quatro Bocas, Eldorado dos Carajás, Dom Eliseu, Senador José Porfírio, Bragança, Marudá, Tucurui, Ourilândia do Norte, Redenção, Santo Antônio do Tauá, Castanhal, Marabá, Breu Branco e Vigia. MARABÁ A Superintendência de Polícia Civil continua as investigações sobre a morte do ex-Policial Militar Gildicélio Alves de Souza, executado no último sábado (16). O crime aconteceu às proximidades da Feira Coberta do bairro Laranjeiras. A vítima estava dirigindo seu veículo quando foi alvejado com cerca de três disparos de arma de fogo. Segundo informações colhidas no local pelo departamento de homicídios, os atiradores estavam em uma motocicleta de cor preta com marca e modelo ainda não identificadas. Gildicélio ainda chegou a ser socorrido por populares e levado ao Hospital Climec, localizado no núcleo Cidade Nova, próximo ao local dos tiros, passando por cirurgia mas falecendo algumas horas após o ocorrido. Segundo a titular da Divisão de Homicídios de Marabá, delegada Raíssa Beleboni, os familiares que prestaram depoimento sobre o caso declararam que Gildicélio já estava fora da corporação há três anos. As diligências seguem agora com a identificação de testemunhas e oitiva de familiares para apuração, através do histórico da vítima os possíveis motivos dos crimes. “Foi feita a diligência no local, perícias de locais de crimes nos…

WhatsApp vai deixar de funcionar em alguns celulares; veja quais

whatsApp anunciou que vai encerrar no dia 31 de dezembro deste o suporte aos sistemas BlackBerry OS, BlackBerry 10, Windows Phone 8.0 ou anterior e Nokia S40. Isto significa que, a partir dessa data, os smartphones que rodam nos sistemas operacionais listados não terão mais acesso às atualizações do aplicativo, não poderão criar contas, nem verificar novamente contas já existentes.

Contudo, os donos destes aparelhos poderão acessar o mensageiro para conversar normalmente em 2018, mas algumas funções poderão parar de funcionar sem aviso prévio, de acordo com o ‘TechTudo’.

Segundo o WhatsApp, os sistemas operacionais antigos têm limitações que impedem o desenvolvimento de novos recursos e recomenda que o usuário troque de smartphone para um modelo mais atual se quiser continuar usando o mensageiro.

A empresa informa que o aparelho roda melhor com os seguintes sistemas: Android 4.0 ou superior, iOS 7 ou posterior ou Windows Phone 8.1 ou mais recentes. Vale lembrar que, no caso de troca de equipamento, o histórico de conversas pode ser transferido apenas entre celulares com o mesmo sistema, utilizando a função de backup. Se a mudança for para um smartphone com um sistema diferente, é possível enviar as conversas antigas por e-mail.

Compartilhe:

Ex-policial militar sofre tentativa de homicídio em Marabá O fato ocorreu neste sábado, 16, quando dois homens em uma moto interceptaram o carro da vítima, dispararam e fugiram. O ex-pm levou três tiros e está internado no hospital regional em estado grave.

Um ex-policial militar foi vítima de um atentado a tiros, no bairro Laranjeira, em Marabá, no sudeste do Pará. O fato ocorreu no sábado (16), quando dois homens armados em uma moto interceptaram o veículo do ex-militar e dispararam. A vítima recebeu três tiros, ficou gravemente ferida e está internado em estado grave no Hospital Regional de Marabá.

De acordo com a polícia, o ex-agente da segurança pública estava em seu veículo próximo a uma feira no bairro Laranjeira quando foi surpreendido por dois homens em uma moto. Sem tempo de reagir, ele foi atingido três vezes e perdeu a consciência. O ex-policial conseguiu ser socorrido ainda com vida e está internado no hospital regional em estado grave.

O caso está sendo investigado pela Policia Civil de Marabá. Até o fechamento da matéria a polícia não tinha divulgado se tinha identificado algum suspeito ou uma possível motivação para a tentativa de homicídio.

Compartilhe:

Hospital Metropolitano realiza gincana para estimular doação de sangue

O Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua (PA), inicia no próximo dia 20/12, sua campanha anual de doação de sangue. Este ano, a unidade organizou uma gincana entre seus colaboradores para estimular os setores a conseguirem doações para um dos maiores hospitais de urgência e emergência do Pará. A competição premiará os três setores que conseguirem o maior número de doadores para a campanha. Uma parceria com a Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa) permitirá que as doações sejam recebidas em um posto, que será montado no portão P1 da unidade. Os três setores vencedores ganharão, cada um, uma cesta natalina e um troféu. Para efeito de controle, a organização da campanha disponibilizará jovens aprendizes para o preenchimento de cartões com a identificação do setor responsável pela captação do doador. Mensalmente, o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência, unidade gerenciada pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), realiza cerca de 400 transfusões de sangue na unidade. Desde o mês de julho de 2017, a entidade iniciou um protocolo de captação de doação voltado para a sensibilização dos acompanhantes e familiares de pacientes sobre a necessidade de reposição do estoque de sangue do Hemopa. O corpo clínico também recebe orientações para o uso racional de sangue como forma de diminuir a demanda pelo insumo. Com o protocolo, a unidade tem por meta captar o equivalente a metade do número de doações que recebe mensalmente. Em…

Marabá recebe nova edição do Circuito Mineração

Estudantes de Marabá participam do Circuito Mineração

 

Encerrou-se nesta sexta-feira (15), a exposição itinerante Circuito Mineração, que percorreu escolas públicas de Marabá, envolvendo a participação de aproximadamente 1.000 estudantes dos 8º e 9º anos do Ensino Fundamental. A exposição é uma iniciativa da Vale, implantada há sete anos, com o objetivo de gerar conhecimentos sobre o setor produtivo mineral entre alunos e professores do Estado. Em Marabá, o projeto contou com parceria da Secretaria Municipal de Educação.

 

O conteúdo chama a atenção dos alunos pela forma descontraída e interativa como é apresentada aos estudantes. As informações que mostram a presença dos minérios no dia a dia das pessoas e os principais investimentos da empresa no Pará são apresentados em painéis e por meio de jogos e quiz que atraem o interesse e a participação dos alunos.

 

Além da capital, Belém, que contou com a presença de mais de 1.500 estudantes, o projeto é apresentado nas escolas do interior do Pará, nas cidades de Parauapebas, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Ourilândia do Norte, além de Marabá, municípios onde a Vale desenvolve as suas atividades.

A exposição leva informação sobre a atuação da Vale no Pará
 

 

Compartilhe:

Presidente da Câmara Municipal encerra o ano prestando contas da atuação do Legislativo

  Na última sessão de 2017, o vereador Nonato Dourado propôs homenagem aos profissionais de Comunicação de Marabá, todo 1º de junho, quando transcorre o Dia da Imprensa        Por Eleutério Gomes – de Marabá   O presidente da Câmara Municipal de Marabá (CMM), vereador Pedro Correa Lima (PTB) – Pedrinho – recebeu a Imprensa marabaense, nesta sexta-feira (15), para um café da manhã seguido de coletiva durante a qual fez um balanço da sua gestão e dos trabalhos do Legislativo no ano de 2017. Ele começou sua fala agradecendo aos jornalistas que cobrem as sessões da Câmara duas vezes por semana, levando à população o informe dos trabalhos legislativos e também pela maneira éticacomo esses profissionais se comportam no relacionamento com a Casa de Leis. Pedrinho agradeceu também à Mesa Diretora e aos demais vereadores da CMM, pelo respeito e pela consideração para com ele e com os demais colegas que dirigem os trabalhos nas sessões. Em seguida citou os números que traduzem as atividades da Casa no ano que está terminando: 2.028 matérias apreciadas, 62 sessões ordinárias, sete sessões solenes, duas sessões extraordinárias, cinco audiências públicas e 108 reuniões de trabalho. “Obviamente que todo esse trabalho foi sempre pautado no coletivo. Muitas vezes nós temos alguns embates, aqui nesta Câmara Municipal, de alguns segmentos, mas, esta Casa, com todos os vereadores, sempre primou pela melhoria da coletividade”, destacou o presidente. Ele lembrou que as melhorias realizadas no município são resultado do bom trabalho da gestão municipal, o qual merece reconhecimento. Mas ressaltou é…

Marabá (PA): Águia define planejamento para o Parazão 2018  

Aconteceu na noite de quarta-feira (13), no auditório Itacaiúnas Hotel, mais uma etapa do Planejamento Estratégico do Águia de Marabá, com o consultor Emerson Caldas.

Durante a reunião, restrita aos conselheiros do clube, foram traçadas as diretrizes do Clube no Projeto Águia 2022.

Participaram da reunião Dennys Rocha (Aldeia Comunicação), Ítalo Ipojucam (ACIM), Dr. Jonatas Andrade (Juiz do Trabalho), Emerson Caldas (Consultor), Ferreirinha (Presidente do Águia), o Técnico João Galvão e o Conselheiro Bené.

Compartilhe:

Caixa oferece até 90% de desconto para dívidas

Desde a última quinta-feira (14), os clientes da Caixa pessoa física ou jurídica com crédito em atraso há mais de 360 dias, poderão regularizar suas dívidas com horário diferenciado nas agências da Região Metropolitana de Belém. Até o dia 28 de dezembro, todas as unidades abrirão uma hora antes do horário regular de atendimento, às 9h, exclusivamente para renegociação de contratos em atraso. Os descontos podem chegar a 90% para quem quitar os débitos à vista. Entre as alternativas que a Caixa oferece para regularização, estão a renovação dos contratos e a unificação de diferentes tipos de dívida, ambas com ampliação do prazo de pagamento e redução do valor da prestação mensal. Além disso, Nos casos de contratos de financiamento imobiliário, é possível usar o saldo de FGTS do próprio cliente para pagar até 80% do valor de 12 prestações do financiamento imobiliário, inclusive atrasadas, ou amortizar o saldo devedor e reduzir o valor das prestações. OPÇÕES O cliente também pode pagar à vista um valor de entrada e refinanciar os demais atrasos para pagar nas próximas prestações a vencer até o fim do financiamento imobiliário. Pode ainda aumentar o prazo de amortização para reduzir o valor das prestações, ou alterar a data de vencimento dos contratos, de forma a evitar o desencontro entre a data do salário e o do vencimento da prestação. O diretor de rede da CAIXA, Roberto Ceratto, ressalta que a rede de atendimento do banco está voltada para esta ação. “Dada a importância para o cliente, toda nossa rede de…

Oncológico Infantil adota canecas sustentáveis como forma de reduzir consumo de descartáveis

usado com frequência para o consumo de água e café, o copinho de plástico é considerado um dos vilões do meio ambiente. Cada copo leva entre 200 e 450 anos para se decompor na natureza. Pensando em reduzir os números dos descartáveis consumidos, por meio da sensibilização de seus colaboradores sobre atitudes sustentáveis, o Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, unidade gerenciada pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), lançou o projeto ”Caneca Ecológica”, que substitui os copos plásticos por canecas sustentáveis feitas a partir do reaproveitamento da fibra de coco. De acordo com o setor de suprimentos do hospital, o uso das canecas possibilitará a redução no consumo mensal de mais de 7,5 mil copos na unidade. “É uma forma de tentar reduzir gastos e diminuir resíduos produzidos. Reduzindo esses valores, esse recurso pode ser revertido para outros investimentos”, explicou Patrícia Quaresma, da equipe de sustentabilidade do Oncológico Infantil, que reforçou a necessidade de dar continuidade à sensibilização, principalmente com os novos colaboradores. “As canecas farão dos kits admissionais e a entrega será feita juntamente com a sensibilização sobre a Política de Sustentabilidade do Oncológico Infantil”. Mais de 150 canecas já foram entregues para os profissionais da área administrativa do hospital. A unidade, no total, possui cerca de 500 colaboradores. Alex Souza é assistente de compras no Oncológico Infantil e o copo descartável é um dos produtos que ele lida diariamente, sabendo detalhes de consumo em todo o hospital. Mesmo com a…