Quase 100 presos não voltaram após saída temporária

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) informou que registrou queda no número de não retorno de presos, após a saída temporária do Dia das Mães 2018, em comparação ao mesmo período do ano passado. Em 2017, o percentual foi de 7%. Já em 2018, de 6%, o menor registrado nos últimos quatro anos. A média anual de evasão durante as saídas temporárias é de 10%.

No total, 1.412 presos foram liberados pela Justiça e 93 não retornaram no prazo definido. Na Região Metropolitana de Belém (RMB), 1.033 presos foram liberados e 86 não voltaram. Já no interior, 379 saíram e só 7 não retornaram; 4 em Tucuruí; 2 em Itaituba, e 1 em Santarém.

Quem não retornou dentro do prazo determinado pela Justiça passa a ser considerado foragido e, quando recapturado, pode regredir para o regime fechado e perder o direito ao benefício.

A Susipe reitera que a saída temporária é um benefício previsto na Lei de Execução Penal para presos do regime semiaberto que já tenham cumprido 1/6 da pena (se o condenado for réu primário) e apresentem bom comportamento. O beneficio é concedido pela Justiça. (Com Ascom da Susipe)

Compartilhe:

PF prende quadrilha que fraudou mais de R$ 2 milhões da previdência em Belém

Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira (18), em Belém, a Operação Espúrio, para desarticular uma associação criminosa especializada em fraudar benefícios previdenciários e que já teria causado um rombo de mais de R$ 2,2 milhões aos cofres públicos. Os policiais cumprem oito mandados judiciais, sendo quatro mandados de prisão temporária e dois mandados de busca e apreensão.

As investigações se iniciaram a partir de denúncia de que nos endereços dos investigados chegavam correspondências do INSS, referentes à benefício previdenciário LOAS, em nome de terceiros que não moravam nos locais. A investigação apontou que os benefícios haviam sido concedidos a pessoas fictícias, e que a associação criminosa criava toda a documentação, incluindo RG, CPF, CTPS, inserindo alguns dos seus próprios dados pessoais na fraude. A documentação forjada servia para embasar o requerimento de benefício previdenciário junto ao INSS.

A Justiça Federal ainda determinou a imediata suspensão de 16 benefícios previdenciários com fortes indícios de serem fraudulentos, cujo prejuízo estimado, conforme levantamento da NUINP é de R$ 2.205.017,57.

Os investigados responderão pelos crimes de associação criminosa e estelionato previdenciário. Os presos serão encaminhados para o Sitema Prisinoal em Belém, onde ficarão à disposição da Justiça Federal.

O nome da Operação vem do adjetivo espúrio, que vem do latim “spurius” e possui dois significados. Por um lado, refere-se a algo ou alguém que desde a sua origem se encontra degenerado por algum motivo. Por outro lado, trata-se de tudo que é enganoso, perverso, inautêntico ou falso em algum sentido.

(Com informações da PF)

Compartilhe:

Cosanpa adia manutenção em Marabá

Cosanpa informa que suspendeu a paralisação do sistema de Marabá, divulgada para iniciar-se a partir de sexta-feira (18). A Companhia esclareceu através de nota que irá fazer uma nova avaliação e realizar a interligação das adutoras em um tempo menor para não prejudicar a população.

Entretanto, a companhia ainda não informou uma nova data para o serviço. Quando for agendado a população de Marabá será avisada com antecedência, segundo a Cosanpa.
De acordo com informações da Companhia de Saneamento do Pará será realizado o serviço de interligação de três adutoras que fazem parte do sistema de distribuição de água da Estação de Tratamento de Água da Nova Marabá e Cidade Nova.
Por conta da realização da obra, a Companhia vai suspender o fornecimento de água nos núcleos Nova Marabá e Cidade Nova a partir do início do serviço.
A previsão inicial era de que o término da obra fosse no sábado (19), às 18h, entretanto, com a suspensão da paralisação a população aguarda uma nova data.

Compartilhe:

Unifesspa e CPC Renato Chaves assinam Acordo de Cooperação Técnica

 

 

A Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) e o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves celebram nesta quinta-feira (17), um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) visando a realização de ações conjuntas com o uso do Microscópio Eletrônico de Varredura (MEV). Após a solenidade de assinatura haverá uma visita ao Laboratório de Geologia Econômica.

O MEV é um tipo de microscópio eletrônico capaz de produzir imagens de alta resolução da superfície de uma amostra. Devido à maneira com que as imagens são criadas, imagens de MEV têm uma aparência tridimensional característica e são úteis para avaliar a estrutura superficial de uma dada amostra.

A solenidade de assinatura do ACT acontecerá às 17h, no miniauditório da Unidade II do Campus de Marabá (Folha 17), com a presença dos dirigentes das duas instituições e demais representantes da comunidade acadêmica.

 

Compartilhe:

MARABÁ: APLICATIVO VAI AJUDAR IDENTIFICAR PROBLEMAS EM ESCOLAS

As comunidades escolares de Marabá ganharam um forte aliado na busca de transparência e apoio a gestão escolar. O Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Pará (TCM) apresentou o aplicativo TCM NAS ESCOLAS, por ele, pais, alunos, professores e demais funcionários podem relatar problemas das escolas.

Com isso, o aplicativo visa identificar problemas, propor e cobrar soluções que melhorem a estrutura de aprendizagem e a qualidade do ensino fundamental em todo o Pará.

Como vai funcionar                                            
O aplicativo está disponível gratuitamente nas plataformas Android e iOS, é bem pequeno, menos de 3 MB, mas de uma importância incomensurável. Ao fazer o relato, as informações chegarão na íntegra para o TCM, o gestor escolar, secretário de educação e até para o prefeito. O aplicativo exige uma resposta da autoridade responsável o que garante mais transparência por parte da gestão além de ser um aliado na solução de problemas. Nesse primeiro momento o aplicativo vai se preocupar com as questões ligadas a infraestrutura.

Apresentação aos gestores escolares       
Nesta terça-feira (15) pela manhã servidores da Secretaria Municipal de Educação e TCM se reuniram no Cine Marrocos, na Marabá Pioneira, para entender o aplicativo e perceber como a ferramenta pode contribuir nas tomadas de decisões dentro do espaço escolar. O TCM pretende também visitar algumas escolas da rede municipal para apresentar o aplicativo em loco. (Com informações Ascom PMM)

Compartilhe:

Compartilhe:

Xinguara (PA): Elementos assaltam dono de Casa Lotérica e levam cerca de R$ 15 mil  

Dois homens armados – ainda não identificados pela polícia -, assaltaram na tarde de ontem, terça-feira, o proprietário da casa lotérica Boa Sorte, localizada na Avenida Xingu no centro da cidade.

O assalto aconteceu em frente a Agência da Caixa Econômica Federal (CEF), no momento em que a vítima chegava com um malote para fazer o depósito do dinheiro.

O valor levado pelos criminosos foi de 15 mil reais. Após praticar o assalto os elementos fugiram do local em uma motocicleta tomando rumo ignorado. (Luiz Pereira)

Compartilhe:

Marabá vai ficar sem água por dois dias

Os  moradores de Marabá, no sudeste paraense, ficarão sem abastecimento de água na sexta-feira (18), a partir das 7h.
De acordo com informações da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), será realizado o serviço de interligação de três adutoras que fazem parte do sistema de distribuição de água da Estação de Tratamento de Água da Nova Marabá e Cidade Nova.
Por conta da realização da obra, a Companhia vai suspender o fornecimento de água nos núcleos Nova Marabá e Cidade Nova a partir do início do serviço.
A previsão do término da obra é no sábado (19), às 18h. A distribuição de água, no entanto, só deve normalizar entre às 6h e às 8h, após encher os reservatórios para começar a distribuir novamente, isso porque a rede leva um tempo até ganhar pressão.

Compartilhe:

Nonato Dourado tem Projeto de Decreto Legislativo aprovado *MÉRITO* *JORNALÍSTICO*

Nesta terça feira  (15/05) foi aprovado na sessão ordinária da Câmara Municipal de Marabá, o Projeto de Decreto Legislativo de n° 03/2018, proposto pelo *vereador NONATO DOURADO* que institui a entrega de comendas de *MÉRITO* *JORNALÍSTICO* em alusão ao dia da imprensa no município de Marabá-PA. Esta homenagem aos profissionais de comunicação acontecerá anualmente, onde transcorre o dia da imprensa (01/06). Nonato Dourado que é radialista e apresentador de TV, aproveita a oportunidade para parabenizar os profissionais da imprensa Marabaense.

Compartilhe:

Pará é o 2º em pontos de exploração sexual em rodovias

As vésperas do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes – no dia 18 –, dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF) mostram que o problema ainda é uma dura realidade no Brasil e que tem como um dos principais cenários as rodovias federais. O Pará é o segundo Estado em número de pontos de exploração, com 232 locais, atrás apenas do Paraná. Os números fazem parte do resultado do Projeto Mapear 2017. O estudo é um mapeamento nacional dos pontos vulneráveis de exploração sexual realizado por agentes da PRF, no período de 2017-2018. Os dados mostram o mapeamento de 2.487 pontos em todo o País. No Pará, a BR-153, que abrange municípios do sudeste do Estado, como Marabá, é a rodovia federal com a maior quantidade de pontos identificados pela PRF. “É uma região com um grande fluxo de caminhões e transporte de mercadorias, propícios à oportunidade de exploração”, diz a chefe de direitos humanos da PRF no Pará, inspetora Tainah Nascimento. O estudo mostra que os ambientes onde esses abusos mais ocorrem são postos de gasolina, casas de shows e bares. As meninas ainda são as maiores vítimas. Entre as pessoas verificadas, 48% são do sexo feminino, 36% do sexo masculino e 16% transgêneros. A identificação dos pontos é feita pelos agentes em momentos de fiscalização rotineira e por meio de denúncia através do Disque 100. Quando há o flagrante, a vítima é resgatada e o explorador, conduzido à Polícia Civil. Em geral, as vítimas moram em áreas com…

Vale vai abrir mais de 600 vagas de estágio

Vale abrirá este ano, no Pará, mais de 600 vagas no Porta de Entrada. O programa desenvolvido pela mineradora visa contribuir com a preparação de jovens para o mercado de trabalho. O anúncio foi feito pelo diretor da Vale no Pará, Antonio Padovezi, durante encontro com a imprensa em Parauapebas, ocorrido na última segunda. Na ocasião, foi anunciado também a abertura de vagas ao Estágio Técnico. Para esta modalidade, as inscrições já estão abertas. São 95 vagas no Estágio Técnico para Parauapebas, nos cursos de Mecânica, Eletroeletrônica, Eletromecânica e Mineração. Os interessados devem se inscrever pelo site www.vale.com/oportunidades. A inscrição é gratuita e vai se estender até 25 de maio. Segundo a Vale, os candidatos precisam, obrigatoriamente, ser maiores de 18 anos, estar cursando o último ano do curso técnico ou estar formado sem cumprir a carga horária de estágio obrigatório. O estágio tem duração de um ano. Os selecionados receberão uma bolsa no valor de R$ 996,00, mais benefícios, como assistência médica, seguro de vida, transporte, período de recesso, auxílio alimentação, além de inclusão no programa de Assistência ao Estagiário da mineradora. MODALIDADES O programa Porta de Entrada envolve também as modalidades Trainee, Jovem Aprendiz e Estágio de nível superior. No primeiro trimestre deste ano, a Vale iniciou a turma de 116 jovens aprendizes e encerrou a inscrição de 50 vagas de trainee, que serão capacitados em operação de mina nas unidades da empresa em Carajás. COMO SE INSCREVER Inscrições para Estágio Técnico na Vale Quando: 15 a 25 de maio de 2018 Quantidade de…