MARABÁ: COSANPA INICIA RACIONAMENTO DE ÁGUA A PARTIR DESTA QUARTA FEIRA 3O DE AGOSTO

A Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) informa que haverá racionamento de água nos núcleos Nova Marabá e Cidade Nova, no município de Marabá, sudeste do estado. A Companhia esclarece que a medida é necessária devido ao baixo nível do rio Tocantins, de onde é feita a captação de água bruta para a Estação de Tratamento de Água da Nova Marabá, que distribui para os dois núcleos. O racionamento começa na noite desta quarta-feira (30) quando a distribuição de água para o núcleo Nova Marabá será fechada e apenas a Cidade Nova terá o abastecimento disponível durante toda a noite. Na manhã da quinta-feira (31), a Cosanpa fará o movimento inverso para que Nova Marabá comece a receber água, alternando o fornecimento de água para cada núcleo em 12 horas. A Cosanpa ainda não sabe precisar por quanto tempo será necessário manter essa medida. Segundo Ângela Raiol, coordenadora Técnica da Cosanpa em Marabá, a escolha da liberar o fornecimento de água para Nova Marabá pela manhã deve-se aos hospitais instalados na área. “É indispensável que o núcleo Nova Marabá tenha água durante o dia, pois é onde ficam dois grande hospitais da cidade”. O presidente em exercício da Cosanpa, Antônio Crisóstomo, pede a compreensão da população de Marabá e esclarece que é a primeira vez que a companhia necessita adotar uma medida extrema desse tipo no município. “O índice pluviométrico foi muito baixo esse ano e nós perdemos 40% da vazão na ETA Marabá, por isso será necessário desligar uma das bombas para não danificar…

Conjove convida para a segunda reunião de sensibilização do II Liquida Geral Marabá

O Conselho de Jovens Empresários de Marabá (Conjove), em conjunto com a Associação Comercial e Industrial de Marabá (Acim) nesta quinta-feira, dia 31, a partir das 18h30, a segunda reunião de sensibilização para a Campanha do 2º Liquida Geral nos dias 6 e 7 de outubro próximo.
O Conjove conta novamente com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), do Sindicato Patronal do Comercio Varejista de Marabá (Sindicom), da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Marabá (CDL) e Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Mineração (Sicom).
“Você, empresário, seja microempreendedor individual, microempresário, comerciante, empresa de médio porte ou grande empresa, associado da Acim, filiado ao Sindicom, está convidado a participarem da segunda reunião de sensibilização da maior campanha do comércio de Marabá e região”, conclama Caetano Reis, presidente do Conjove.
Reforçando, a reunião acontece nesta quinta-feira, dia 31 de agosto, no auditório da Acim, a partir das 18h30.

Compartilhe:

Prefeito de Conceição do Araguaia pede apoio a João Salame para reforçar saúde

Na tarde desta terça-feira, 29, o prefeito de Conceição do Araguaia, Jair Martins (PMDB), esteve no Departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde solicitando apoio para o fortalecimento da rede de saúde em seu município.
Jair foi recebido pelo diretor do DAB, João Salame, que colocou à disposição do prefeito técnicos do departamento no sentido de otimizar a execução dos programas do Ministério em Conceição do Araguaia.
A pauta apresentada pelo prefeito foi direcionada para a ampliação da cobertura do programa de agentes comunitários de saúde e da Estratégia Saúde da Família, entre outras ações.
Jair se disse bastante satisfeito com as orientações que recebeu e se comprometeu a adotar as providências indicadas para reforçar a parceria com o Ministério da Saúde e com isso melhorar a cobertura de atendimento em seu município.

Compartilhe:

MARABÁ: CORPO ENCONTRADO EM BARRANCO É IDENTIFICADO

O corpo encontrado na tarde desta segunda-feira (28) por populares em um barranco as margens do Rio Itacaiúnas foi identificado como Dara Vitória Alves da Silva, de 16 anos. Por volta das 13 horas desta segunda-feira (28), populares avistaram o corpo da adolescente, Dara Vitória Alves da Silva, 16 anos, totalmente despida e ao final de um barranco no Bairro Amapá, Núcleo Cidade, às margens do Rio Itacaiúnas, em Marabá, sudeste paraense. A polícia não encontrou testemunhas do crime, mas de acordo com o gerente regional do Centro de Perícias Renato Chaves, Augusto Andrade, após a realização de exames necroscópicos foi constatado a causa da morte de Dara por estrangulamento. O Instituto de Perícias também realiza exame sexológico para confirmar se a jovem foi estuprada. “Foi feita coleta de material, mas não tem como afirmar agora, só com exames complementares”, afirmou Augusto Andrade. O exame deve ficar pronto em duas semanas. A vítima era moradora do Bairro Amapá e segundo parentes, ela estava desaparecida desde o sábado (26), após ter ido a uma festa com o namorado. De acordo com o namorado, que preferiu não se identificar, Dara saiu da festa sozinha afirmando que iria em casa e depois não a viu mais. Na noite do domingo (27) a jovem ainda foi vista por amigos na parada LGBT, no Núcleo Velha Marabá. Dara Vitória Alves da Silva tinha 16 anos (DIVULGAÇÃO) O caso segue em investigação pelo Departamento de Homicídios da 21ª Seccional de Polícia Civil de Marabá. “A partir de agora as diligências têm…

Um delegado e dois investigadores acusados de irregularidades são presos no sudeste do Pará

A “Operação Integrada Canaã” do Ministério Público do Estado (MPPA) deflagrada nesta terça-feira (29) no município de Canaã dos Carajás, resultou na prisão de um delegado e dois investigadores e na busca e apreensão de documentos. Os policiais são acusados de liberarem irregularmente motocicletas apreendidas, que voltam a circular na cidade. Mais dois investigadores devem ser afastados de suas funções por envolvimento nos crimes. As investigações iniciaram após instauração de Procedimento Investigatório Criminal (PIC) pelos promotores de Justiça de Canaã dos Carajás Rui Barbosa Lamim e Emerson Costa de Oliveira, para apurar denúncias que chegaram ao Ministério Público de que objetos de apreensão feitos pela Polícia Militar e apresentados à Polícia Civil, não estariam passando pelos procedimentos legais. As denúncias citavam casos de motocicletas apreendidas e liberadas irregularmente e que depois seriam apreendidas novamente circulando na cidade. Algumas até utilizadas no cometimento de crimes.   O Grupo de Atuação no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado e a Divisão de Crimes Funcionais da Corregedoria da Polícia Civil cumpriram os três mandados de prisão: uma temporária de 5 dias contra o delegado Bruno Fernandes e dois mandados de prisão preventiva contra os investigadores Claudio Márcio do Nascimento e Sergio de Sousa Lago . Todos os três são lotados em Canaã dos Carajás. A operação foi coordenada pelo promotor de Justiça Milton Menezes, do Gaeco e contou com duas equipes do MPPA e três da Corregedoria da Polícia Civil. Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos nas residências dos três policiais presos.…

Marabá: Mulher é encontrada morta nas margens de rio no Bairro Amapá

corpo de uma mulher foi encontrado nas margens do rio Itacaiúnas, no município de Marabá, sudeste do Pará, na tarde desta segunda-feira (28). A Polícia informou que aguarda a realização de exame de necropsia para registrar uma ocorrência.

Segundo informações preliminares, a vítima não apresenta ferimentos provocados por disparos de arma de fogo ou golpes com arma branca. A principal suspeita é que ela tenha sido estrangulada até a morte. O caso está sob investigações.

Compartilhe:

Operação da Polícia Federal investiga fraudes em declarações do imposto de renda em Belém

Polícia Federal deflagrou na manhã de desta terça-feira (29) a Operação Provérbios, que investiga a apresentação de diversas declarações de imposto de renda com dados falsos para obtenção de crédito junto a instituições financeiras. São cumpridos dois mandados de busca e apreensão na região metropolitana de Belém.

No inquérito policial que deu origem à operação, a Polícia Federal investiga a apresentação de diversas declarações de imposto de renda com dados falsos, sem a geração de saldo a restituir, o que pode configurar o crime de falsidade ideológica, que é punido com pena de até cinco anos de prisão.

Para a Polícia Federal, o objetivo da fraude seria a formação de um falso “cadastro positivo” para amparar a obtenção de crédito perante instituições financeiras. O nome da operação remete ao livro bíblico de Provérbios, que diz: “há alguns que se fazem de ricos e não têm coisa nenhuma, e outros que se fazem de pobres e têm muitas riquezas”.

Compartilhe:

Entenda como é composta a conta de energia

Como é composta a conta de energia elétrica Entenda como é definida a tarifa de energia e de que forma são distribuídos os valores pagos pelo serviço   Para entender a conta de energia que chega as residências mensalmente, é importante que seja explicada toda a sua composição, assim como quais são os atores envolvidos para o cálculo do valor final que chega para os clientes. O primeiro passo é entender que a tarifa de energia é definida pela agência reguladora do setor elétrico: a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que anualmente define o percentual de reajuste de cada distribuidora do País. Para isso, além da parcela da distribuidora, são levados em consideração os custos da compra de energia, transmissão e encargossetoriais. Um dos itens de composição da fatura está relacionado a compra de energia, que corresponde a mais de 31%. Para definir este tópico é necessário esclarecer que a Celpa e todas as concessionárias de energia elétrica do país compram energia para distribuir e não escolhem de qual fonte geradora vão adquirir essa energia. Essa compra é feita por meio de leilões, realizados pelo Governo Federal. E a energia adquirida pode ser de diversas fontes de geração como a eólica, nuclear, hidráulica e a proveniente de termelétricas, que chega a custar até 10 vezes mais que a hidráulica. Para colocar em termos práticos o item compra de energia, vale destacar o caso da Usina de Tucuruí. Ainda que uma fatia da nossa energia seja vinculada a hidroelétrica situada no Pará, a maior parte é oriunda…

NAC encerra curso para o Terceiro Setor com sucesso em Marabá

O Núcleo de Articulação e Cidadania (NAC) do Governo do Pará, em parceria com a Escola do Legislativo da Câmara Municipal de Marabá, encerra, nesta terça-feira, dia 22, o curso de Elaboração de Projetos e Captação de Recursos para organizações do Terceiro Setor. Com média de 80 alunos por dia, o evento foi um sucesso de público e lotou o auditório da Câmara Municipal de Marabá. O curso teve como público-alvo gestores, presidentes, diretores, gerentes, supervisores e voluntários de organizações da sociedade civil, cooperativas, associações, profissionais liberais que atuam no Terceiro Setor, lideranças comunitárias e interessados no assunto. A capacitação foi ministrada pela instrutora Deíze Almeida Botelho, que é graduada em serviço social, especialista em métodos e técnicas de elaboração de projetos de intervenção social, especialista em saúde pública e mestra em dinâmicas territoriais e sociedade na Amazônia. O presidente da Câmara, Pedro Corrêa Lima, elogiou a iniciativa e acredita que a formação resulta em melhoria da qualidade de vida da comunidade de uma forma geral. “As organizações não governamentais exercem um papel preponderante no nosso município, mas lamentavelmente muitas delas não estão organizadas e, por isso, não estão aptas para formalizar parcerias com as instituições. Isso acontece porque falta conhecimento, organização e planejamento”, reconhece Pedro Corrêa. Os inscritos participaram de estudos de casos, aprenderam sobre projetos e utilização de recursos tecnológicos, colaborando para o desenvolvimento de competências que incluem planejamento de ações, acompanhamento e avaliação de projetos e compreensão dos mecanismos de captação de recursos disponíveis em nível federal, estadual e municipal para o…

A Fundação Casa da Cultura de Marabá e a Universidade do Estado do Pará (Uepa) serão parceiras no Ensino, Pesquisa e Extensão, pilares da formação oferecida na instituição. Para tratar do assunto, uma reunião aconteceu, no campus da Universidade em Marabá, na ultima quarta-feira, 23, entre a presidente da Casa da Cultura, Vanda Américo, o Gestor do Núcleo de Arqueologia ligado à Fundação, Marlon Prado e a coordenadora geral da Uepa, Danielle Rodrigues Monteiro da Costa. Também participaram do encontro os professores Dr. Alisson Rangel Albuquerque, do Departamento de Tecnologia e Recursos Naturais, e Dr. José Moacir Ferreira Ribeiro, pesquisador colaborador do Museu Paraense Emílio Goeldi (Entomologia) e professor substituto no curso de Engenharia Florestal em Paragominas e Marabá. De acordo com Marlon Prado, com o convênio a Casa da Cultura disponibilizará aos estudantes, o espaço, além de parte do acervo, para a realização dos estágios e das pesquisas. Por outro lado, a fundação ganha produção e divulgação científica. “A ideia é estar fazendo estas parcerias de pesquisas, de publicação, com as universidades, não só com a UEPA, para a gente agregar valor ao nosso boletim técnico. A gente já está para 19 países, todos os países da América Latina, com a indexação no Latindex. Então a ideia é tá fortalecendo a divulgação do nosso acervo e que venha doutores publicar com a gente”, enfatiza o arqueólogo. Outro assunto discutido está relacionado a implantação do curso de Licenciatura em Música. A previsão é de que a parceria tenha frutos já para 2019. Nesse caso, a…