QUEM QUISER SE CANDIDATAR A DELEGADO DO CONSELHO DE CONTABILIDADE SÓ TEM ATÉ HOJE PARA FAZÊ-LO

Encerram hoje, dia 18, as inscrições para quem quiser se candidatar delegado regional do Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Pará, em Marabá. A eleição ocorre no período de 13 e 14 de junho próximo e quem estiver habilitado, conforme Resolução CRC 417, pode oferecer seu nome no pleito.

Hoje a delegacia tem à frente o contador Raimundo Salame que, em entrevista ao blog, disse que abriu mão da reeleição para que possa dar oportunidade a outros colegas de liderar a classe “trazendo mais ideias e melhor qualidade de trabalho aos profissionais da área”.

Ao fazer um rápido balanço de sua passagem à frente da delegacia, Salame disse que fez uma gestão dentro de suas possibilidades, trazendo bastante qualificação, recebendo os colegas que procuraram a delegacia por algum motivo e emitindo muitos registros aos novos profissionais.

Compartilhe:

Papel do enfermeiro na doação de órgãos é discutido em palestra ministrada pelo HMUE

Na semana que se comemora a atuação do enfermeiro, o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) foi convidado a levar orientações sobre o papel deste profissional no processo de sensibilização de famílias para a doação de órgãos aos colaboradores da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro da Sacramenta, em Belém (PA). A coordenadora de Enfermagem da Organização de Procura de Órgãos da entidade, Fátima Albuquerque, conversou com os profissionais sobre a importância de sensibilizar da maneira correta os familiares de pacientes que faleceram e podem ser doadores de órgãos. A palestra fez parte da programação da Semana de Enfermagem da unidade de saúde. A coordenadora contextualizou o processo de doação de órgãos como uma etapa de um ciclo de vida em mudança. “A gente aprendeu que quando alguém morre, tudo acabou, não há mais nada que possa ser feito, mas com a doação de órgãos nós podemos fazer mais pela vida de outra pessoa”, disse. Fátima diz que o papel do enfermeiro é ajudar a mostrar que as famílias têm direito de saber que podem ter acesso ao processo de doação de órgãos de seus entes queridos. “Às vezes acontece de depois dos esclarecimentos a família decidir não doar, mas é direito deles e nosso dever fazer a orientação”, contou. A coordenadora de Projetos Sociais e Eventos do HMUE, Roberta Cardins, destaca a importância da participação da instituição em eventos como a Semana de Enfermagem da UPA Sacramenta. ‘Para o Hospital Metropolitano é importante estar integrado às unidades de saúde de Belém e…

Irmã de Aécio Neves é presa pela Polícia Federal

A irmã do senador Aécio Neves (PSDB-MG), Andréia Neves, foi presa na manhã desta quinta-feira pela Polícia Federal. O ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), havia expedido um mandado de prisão contra Andréia. A PF a encontrou em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Ela foi a responsável pela primeira abordagem ao empresário Joesley Batista, por telefone e via WhatsApp (as trocas de mensagens estão com os procuradores), conforme revelado pelo colunista Lauro Jardim, do GLOBO.

A Polícia Federal fez operação no imóvel da irmã do senador, Andréa Neves, em Copacabana, no Rio, dando início ao cumprimento do mandado de busca e apreensão no edifício Tancredo Neves. No entanto, lá Andréa não foi encontrada. Os policiais precisaram da ajuda de um chaveiro para entrar no apartamento do oitavo andar, onde moraria Andréa Neves. A PF aguardou cerca de uma hora para abrir a porta. Segundo um morador do prédio, que pediu para não ser identificado, os apartamentos têm 600 metros quadrados e o do oitavo andar estava desocupado.

C

Compartilhe:

JBS doou R$ 391 milhões para as campanhas em 2014

Nas eleições de 2014, as dez maiores doadoras abasteceram as candidaturas com R$ 1 bilhão, ou seja, financiando um quinto do total de gastos feitos nas eleições.

A campeã foi a JBS, dona do frigorífico Friboi. A empresa, que despontou no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como a maior indústria de carnes do mundo, tornou-se a maior financiadora da campanha eleitoral daquele ano, com doações de R$ 391 milhões.

Na sequência, tiveram destaque o grupo Odebrecht, que controla uma das empreiteiras investigadas na Operação Lava Jato, com R$ 111 milhões, e o Bradesco, que doou R$ 100 milhões aos partidos.

Compartilhe:

URGENTE: DONO DA JBS GRAVOU TEMER EM OPERAÇÃO PARA COMPRAR SILÊNCIO DE EDUARDO CUNHA

O Globo revela que Joesley Batista e seu irmão Wesley gravaram Michel Temer indicando seu ex-assessor Rodrigo Rocha Loures para atuar numa operação de compra de silêncio de Eduardo Cunha. Informação de O Antagonista. Segundo a reportagem, Rocha Loures foi filmado recebendo uma mala com R$ 500 mil enviados por Joesley. Temer também ouviu do empresário que estava dando a Cunha e a Funaro uma mesada na prisão para ficarem calados. Diante da informação, Temer incentivou: “Tem que manter isso, viu?”. Joesley revelou também que pagou R$ 5 milhões para Eduardo Cunha após sua prisão, valor referente a um saldo de propina que o peemedebista tinha com ele. Segundo O Globo, disse ainda que devia R$ 20 milhões pela tramitação de lei sobre a desoneração tributária do setor de frango. Nota de Michel Temer à imprensa Michel Temer confirmou a reunião com o empresário Joesley Batista, mas negou que tenha solicitado pagamentos para obter o silêncio de ex-deputado Eduardo Cunha. Segundo o presidente, o encontro com o dono da JBS ocorreu no início de março, no Palácio do Jaburu, mas nada na conversa o compromete e ele afirma que defende a investigação para apurar as denúncias. Veja a nota na íntegra: “O presidente Michel Temer jamais solicitou pagamentos para obter o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha. Não participou e nem autorizou qualquer movimento com o objetivo de evitar delação ou colaboração com a Justiça pelo ex-parlamentar. O encontro com o empresário Joesley Batista ocorreu no começo de março, no Palácio do Jaburu, mas não houve…

Prefeito de Breu Branco assassinado na PA-263 é enterrado na cidade

O corpo do prefeito de Breu Branco, Diego Kolling, é enterrado na manhã desta quarta-feira (17), na cidade. Ele foi velado em uma igreja evangélica no bairro Novo Horizonte. O prefeito foi morto a tiros na terça-feira (16) na rodovia PA-263, enquanto praticava ciclismo com amigos.

A Federação dos Municípios Paraenses cobrou rapidez nas investigações sobre a morte do prefeito e pediu apoio da OAB e da Assembleia Legislativa para o acompanhamento das investigações. O PSD do Pará lamentou a morte do prefeito e cobrou a prisão dos responsáveis.

A Polícia ainda não tem pistas dos assassinos. “Já temos o inquérito tombado. Estamos com equipe não só do município, como de Tucuruí e da divisão especializada de homicídios, que assumirá a investigação“, explica a delegada Cristiana Ferreira.

De acordo com o Secretário de Segurança Pública do Pará, o prefeito não havia feito nenhum comunicado sobre ameaças. “As informações sobre o que aconteceu ainda são muito escassas. É possível ter havido motivação política. O que se configura mais provável é que tenha sido sim uma execução”, revela Jeanot Jansen, titular da Segup.

Compartilhe:

MARABÁ TERÁ FEIRÃO DO IMPSOTO NOS DIAS 25, 26 E 27

A 7ª edição do Feirão do Imposto em Marabá terá o tema “Chega de Mão Grande”, projeto que visa diversas ações no mês de maio. O objetivo é levar a população a refletir sobre o impacto da corrupção no dia a dia e a importância do retorno dos impostos. Realizado em Marabá e simultaneamente em mais de 100 cidades brasileiras com a proposta de informar a população sobre a alta carga tributária que incide em produtos e serviços no país, o 7º Feirão do Imposto terá lançamento amanhã, dia 18, na Associação Comercial e Industrial de Marabá (Acim), a partir das 18h. Para Caetano Reis Neto, presidente do Conselho dos Jovens Empresários de Marabá (Conjove), a corrupção interfere no retorno dos impostos em benefícios para a sociedade, porque retira investimentos em áreas essenciais como saúde, segurança e educação. “De acordo com a Organização das Nações Unidas, estima-se que, aproximadamente, R$ 200 bilhões são desviados no Brasil, por ano. Este valor significa três vezes o orçamento da saúde ou educação, e cinco vezes o orçamento da segurança pública”, informa. MISSÃO A ação tem o caráter apartidário e são desenvolvidas para educar a população a respeito do quanto se paga em impostos. A partir dessa mobilização, o Feirão se tornou uma ação muito importante para Marabá, com o foco na conscientização de quanto se paga em impostos e no acompanhamento da destinação dos tributos recolhidos. PARCEIROS O Feirão acontece de 25 a 27 próximos e tem este ano como empresas parceiras Turbilhão Parque e Restaurante, na quinta-feira…

PROGRAMAÇÃO DA 2ª ROMARIA DOS MÁRTIRES DA FLORESTA, NO DIA 20

Tema:
“José e Maria, uma vida em defesa do Bioma Amazônico e do seu povo”.
Dia 20
12h00min -Saída de Marabá em frente à Unifesspa Campus I, Fl. 31;
13h00min – saída do ônibus da Praça Principal de Nova Ipixuna;
15h00min -Concentração no local do martírio e lanche.
16h00min -Celebração e Mística de Abertura;
Este ano será homenageado vinte e um mártires.
Paradas de reflexão e homenagens
16h30min -1º Curva
A beleza da criação;
17h00min -2º Curral
Os sistemas que destroem a natureza (alienação, agronegócio, mineração, barragens…).
17h30min -3º Escola
Iniciativas de resistências dos povos –Povos afros- Negritude.
18h00min – 4º Majestade –(Povos indígenas/CIMI)
Permissão Xamã dos povos indígenas para entrar na floresta, em respeito aos defensores originários, espíritos que na floresta habitam.
19h00min – JANTAR
19h30min -Noite Cultural
“A festa do Bem Viver”
Música, Poesia, Teatro, Apresentações de dança (não serão vendidas nem permitidas bebidas alcoólicas).
22h30min – Descanso
Dia 21
07h00min- Café da manhã
09h00min – Celebração Ecumênica de Envio.
Celebração ecumênica, momento de reflexão, participação de representantes de diferentes religiões.
11h00min almoço;
12h00min – Saída
ORIENTAÇÕES

A programação será entre o dia 20 e 21, dois dias, assim a orientação e que todas as pessoas, devem ir prontas para o acampamento e devem levar: redes ou barraca, repelentes, mosquiteiros, protetor solar e material de higiene pessoal

Compartilhe:

SEMINÁRIO MARCA OS 45 ANOS DA GUERRILHA DO ARAGUAIA

Acontece na próxima sexta-feira (19) e no sábado (20), na Câmara Municipal de Marabá, o 1° Seminário Nacional de Memória, Anistia e Direitos Humanos no Araguaia. O evento marca os 45 anos da Guerrilha do Araguaia e é promovido pelo Instituto Paulo Fontelles de Direitos Humanos, em parceria com a Associação dos Torturados da Guerrilha do Araguaia, Comissão da Verdade Pará, Fundação Maurício Grabois, Unifesspa, Armazém Memória (SP), Comissão de Mortos e Desaparecidos Políticos, Ministério Público Federal, Comissão de Anistia, Comissão Pastoral da Terra e Partido Comunista do Brasil (PCdoB).
“É um momento de luta, é um momento de enfrentamento, que o governo ilegítimo, de Temer, tem procurado não cumprir com a sua tarefa democrática que é, junto à Comissão da Anistia, reparar os males feitos ao trabalhadores rurais dessa imensa região como também aos indígenas”, afirma o presidente do Instituto Paulo Fontelles de Direitos Humanos, advogado Paulo Fontelles Filho.
Segundo ele, o governo suspendeu os processos de anistia e é preciso que a sociedade se levante em relação a isso. “A luta para localizar os desaparecidos da Guerrilha do Araguaia também anda a passos de tartaruga. Então, esse encontro vai procurar fazer essa luta no sentido da reparação dos trabalhadores e trabalhadoras rurais, dos indígenas. Essa é a nossa conclamação”.

Compartilhe:

PRESIDENTE DA AMAT BUSCA AJUDA DA BANCADA FEDERAL PARA CONTER VIOLÊNCIA CONTRA PREFEITOS APÓS EPISÓDIO DE BREU BRANCO NO PARÁ

Diante da violência que vem atingindo a classe política na região, nos últimos anos, com o assassinato de vereadores, ex-vereadores e prefeitos, como o de Breu Branco, Diego Kolling, executado ontem, terça-feira, 16, a tiros, o presidente da Associação dos Municípios do Araguaia-Tocantins (Amat), Pedro Patrício de Medeiros – Pedro Paraná – prefeito de São Domingo do Araguaia, aproveitou a Marcha dos Prefeito a Brasília e procurou ajuda da bancada paraense no Congresso Nacional a fim de buscar uma solução para esse grave problema. Paraná disse que já não é mais possível conviver com essa situação, em que vários crimes contra políticos já foram cometidos e nenhum deles solucionados, pois todos caíram no esquecimento. “Nós, de todas as associações de municípios, temos de nos unir e nos mobilizarmos para vermos o que realmente está acontecendo por trás disso”, conclama ele, salientando que hoje as pessoas até tem medo de se candidatarem a prefeito, vereador e outros cargos. “Temos de saber a motivação desses crimes, se política ou pessoal”. Na ocasião ele e os demais prefeitos da região receberam de deputados federais e senadores do Pará a promessa de que devem atuar em conjunto e ir até o Judiciário para cobrar celeridade na apuração desses crimes e que essa apuração seja rigorosa. MARCHA Em relação à Marcha dos Prefeitos até Brasília, Pedro Paraná disse que a mobilização está sendo muito produtiva e destacou a atenção do presidente Michel Temer e seus ministros, que estiveram ouvindo os gestores sobre o que necessitam para melhorar seus municípios. Paraná…