PROJETO DE FERROVIA É ANALISADO PELO GOVERNO FEDERAL

Os governos do Pará e federal realizaram na quarta-feira (8) mais uma rodada de negociações na tentativa de complementarem os projetos das ferrovias Norte-Sul e Fepasa, que interligam o Pará ao restante do Brasil.

A ideia do governo estadual é unir os projetos, ao diminuir os custos de construção e manutenção e garantir a presença contínua de carga transportada, o que vai atrair investidores internacionais.

Em Brasília, o secretário Adnan Demachki, de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia, foi recebido pelos ministros Moreira Franco, do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), e Eliseu Padilha, da Casa Civil, para expor o projeto da ferrovia paraense. O senador Flexa Ribeiro (PSDB/PA), técnicos dos dois ministérios e empresários dos setores de transportes e mineração também participaram dos encontros.

O senador Flexa Ribeiro, que solicitou as reuniões com os ministros, destacou a relevância da Fepasa não apenas para o fortalecimento da atividade produtiva. Ele lembrou que a ferrovia atende a um projeto de integração, ligando o extremo norte do Pará com a porção sul. “A Ferrovia Norte-Sul é um projeto que atende ao Brasil, mas que não tem a característica da Fepasa, de integrar todo o território paraense. Por isso a ferrovia é tão fundamental para o estado, trazendo também benefícios para o Brasil, haja vista que terá capacidade de escoar os grãos da região Centro-oeste em direção ao Porto de Vila do Conde”, ressaltou Flexa.

Compartilhe:

MUNICÍPIO BATE RECORDE HISTÓRICO NA PRODUÇÃO DE MINÉRIOS

O município de Parauapebas alcançou a produção de 11,23 milhões de toneladas de ferro na Serra Norte, um volume histórico no início do ano. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Mineração, Energia, Ciência e Tecnologia. De acordo com informações da secretaria o valor de venda do minério ao exterior rendeu mais de 600 milhões de dólares em divisas para o Brasil, neste início de ano.

A empresa Vale deverá divulgar o relatório financeiro, referente ao ano passado, devendo anunciar o percentual de lucro, até o final do mês de fevereiro

Compartilhe:

Hospital Regional de Marabá reforça combate contra o Aedes aegypti

A movimentação na Praça Duque de Caxias, no núcleo Marabá Pioneira, chamou a atenção da dona de casa Regina Célia Lacerda, de 62 anos, neste sábado, 11/2. Lá, cedo, militares da 23ª Brigada de Infantaria de Selva do Exército Brasileiro, agentes da Secretaria Municipal de Saúde e profissionais do Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, já estavam a postos para o Dia D, uma ação conjunta contra o mosquito Aedes aegypti. Então, de pressa, dona Regina saiu de casa em busca de atendimento. Um alívio para aquela senhora que há 20 dias sofre com os sintomas da chikungunya e que ainda não havia conseguido consultar um especialista. “Consegui atendimento quase na porta de casa. Nossa, como isso facilitou para mim, ter uma ação dessas no meu bairro. Fui atendida rapidamente e o médico já me receitou o remédio certo. Não tem sido fácil. Sinto muitas dores nos braços e articulações. Não consigo fechar minha mão direito, sem contar a febre e outros sintomas”, comentou a dona de casa. Dona Regina foi uma das 40 pessoas atendidas pelo Hospital Regional do Sudeste do Pará durante a manhã deste sábado. Além da consulta médica, a instituição também ofereceu à população teste de glicemia e aferição de pressão arterial. A ação deu início à campanha promovida pela Prefeitura Municipal de Marabá para orientar a população sobre o combate ao mosquito causador da dengue, febre chikungunya, zika vírus e febre amarela. De acordo com a coordenadora de Vigilância Epidemiológica de Marabá, Fernanda…

Ministério Público lança campanha nacional contra o trabalho infantil

O Ministério Público do Trabalho (MPT) lança hoje (10), em Campinas (SP), uma campanha nacional de combate ao trabalho infantil. Com a hastag #Chegadetrabalhoinfantil, a ação conta com o apoio de personalidades da música e dos esportes: os cantores sertanejos Daniel, Chitãozinho e Xororó, o ex-jogador de vôlei Maurício Lima e a ex-jogadora de basquete Hortência Marcari. A meta é o engajamento dos internautas nas redes sociais, incentivando-os a postar o gesto da hashtag em seus perfis como forma de apoio à causa contra o trabalho irregular de crianças e adolescentes. campanha, apoiada pela Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho de Crianças e Adolescentes (Coordinfância), é realizada com o uso de verbas de acordos firmados com empresas do interior e da Grande São Paulo. Os artistas e esportistas que participam da iniciativa não cobraram cachê. Acidentes de trabalho Segundo dados do Sistema de Informações de Agravo de Notificação (Sinai), do Ministério da Saúde, morreram no país 187 crianças e adolescentes com idade entre 5 e 17 anos durante o trabalho entre 2007 e 2015; 518 tiveram a mão amputada em acidentes laborais, num total de 20.770 casos graves de acidentes de trabalho envolvendo menores de 18 anos. A Organização Internacional do Trabalho (OIT) calcula que 14,4% dos trabalhadores que atuam em atividades de alto risco no Brasil têm entre 15 e 17 anos. “O trabalho infantil pode ser fatal e ainda causar mutilações, danos à saúde e outros que só serão observados na vida adulta. Precisamos fazer um esforço maior para solucionar a…

Brasil – Construção demite mais de um milhão de trabalhadores desde 2014

A construção civil demitiu 1,08 milhão de trabalhadores no país desde outubro de 2014, quando iniciou o declínio do número de empregados. Os dados foram divulgados pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP), em parceria com a Fundação Getulio Vargas (FGV).

Segundo o estudo, há 27 meses havia 3,57 milhões de trabalhadores na construção. Em dezembro no ano passado, o total caiu para 2,489 milhões, a 27ª queda consecutiva. O setor fechou 2016 com 414 mil vagas, uma queda de 14,33% em relação a dezembro de 2015. Em relação a novembro, houve queda de 3,63%.

Entre os estados, os que mais demitiram no ano passado foram São Paulo (-97.696), Rio de Janeiro (-77.726), Minas Gerais (-37.694), Bahia (-23.772) e Pará (-21.374). Em 2016, os segmentos que mais apresentaram queda foram imobiliário (17,14%), infraestrutura (-13,96%) e preparação de terreno (13,68%).

Para o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo, José Romeu Ferraz Neto, a tendência é de mais cortes de emprego para os próximos meses. Ele defende que o governo adote “medidas emergenciais para estimular a construção civil”.

(Agência Brasil)

Números em queda

No estado de São Paulo, houve queda de 2,70% no emprego em dezembro na comparação com novembro (redução de 18,7 mil vagas). O número de trabalhadores foi de 694,6 mil em novembro, ante 675,9 mil em dezembro. Em 12 meses, são menos 91.899 trabalhadores no setor.

Compartilhe:

Pará – Susipe fará processo seletivo de temporários

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe) fará a realização do Processo Seletivo Simplificado com a finalidade de  selecionar candidatos a vaga, para desempenho em caráter temporário, nas funções de técnico de enfermagem, motorista, técnico em gestão penitenciária (enfermeiro, assistente social,psicólogo, médico, odontólogo).

As inscrições ocorrerão no período de 15 a 19 de fevereiro e deverão ser efetuadas exclusivamente no endereço eletrônico www.susipe.pa.gov.br, por meio de link específico. Não será cobrada taxa de inscrição.

Aturão nas unidades prisionais divididas por regiões (Metropolitana, Guamá, Rio Capim, Araguaia, Carajás, Tocantins, Baixo Amazonas, Xingu, Tapajós e Marajó)

Mais detalhes no site da Susipe.

Compartilhe:

PROPOSTA DE REFORMULAÇÃO DO PCCR É APRESENTADA AOS VEREADORES

 
O secretário de Educação, de planejamento e o Chefe de Gabinete se reuniram na manhã desta sexta feira (10) na câmara Municipal com os vereadores e presidente da câmara para apresentar a proposta de reformulação do PCCR da rede municipal de educação. A proposta está sendo amplamente discutida inclusive com o sindicato dos professores de Marabá, para que haja um entendimento sobre as alterações propostas.
Os vereadores debateram os 12 pontos do PCCR que fazem parte da proposta da reformulação. Os secretários de planejamento e educação fizeram uma exposição de todas as possibilidades para que haja uma estabilidade financeira visando à segurança dos recebimentos dos salários e benefícios em dia em toda a rede e adequação orçamentária tendo em vista os recursos federais e municipais que custeiam a secretaria.
A SEMED também expôs algumas medidas que foram tomadas para a readequação financeira como a lotação  utilizando preferencialmente professores do quadro concursado, praticamente zerando  a contratação para o ensino infantil e fundamental menor, além de ajustes possíveis visando à otimização dos recursos recebidos e a melhoria da qualidade do ensino na rede municipal. O sindicato dos professores de Marabá também está debatendo esta proposta devendo apresentar nos próximos dias uma análise para discussão em conjunto com a secretaria.
 

Compartilhe:

MARABÁ: PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO CASA DA CULTURA DEBATE PARCERIA EM CANAÃ DOS CARAJÁS

A Presidente da Fundação Casa da Cultura de Marabá Vanda Américo, esteve ontem (09/02) visitando a Casa da Cultura de Canaã dos Carajás.

O objetivo  da visita foi conhecer a estrutura física da casa, e as atividades que estão sendo desenvolvidos,  e o fortalecimento de  parceria entre a FCCM e a Casa da Cultura de Canaã dos Carajás.

Compartilhe:

PREFEITURA FECHA O CERCO CONTRA A VENDA CLANDESTINA DE TIJOLOS E BLOCOS DE CONSTRUÇÃO

A reunião aconteceu na tarde desta quinta-feira (9) e  contou com a presença do vice-prefeito, Toni Cunha, secretários da SEGFAZ – Secretaria de gestão Fazendária, SICOM – Secretaria de Indústria e comércio, SEMMA- secretaria de Meio ambiente e SMSI – Segurança Institucional e os proprietários de Cerâmicas e fábricas de blocos e tijolos do município.
 O objetivo é fechar o cerco e aumentar a fiscalização com relação à venda ilegal, feita por empresas de outros municípios, em ruas e espaços da cidade. Segundo os representantes deste segmento, a venda ilegal prejudica a criação de empregos, arrecadação de tributos, além de ser enquadrado como concorrência desleal pela falta de alvará de funcionamento, já que muitas empresas de fora do município se instalam em locais não permitidos e comercializam seus produtos.
 O vice-prefeito e secretários garantiram que a fiscalização e autuação destes clandestinos será intensificada pelos órgãos competentes. Lembrando que a venda ilegal destes produtos, sem a devida certificação pode comprometer a qualidade da construção. A fiscalização aos clandestinos já começa a partir de amanhã e vai ser intensificada à medida que acontecerem denuncias.

Compartilhe:

SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO APRESENTA PROPOSTA DE MUDANÇA AO PCCR NA CÂMARA

O Secretário de Educação Municipal, Luciano Dias, está na Câmara Municipal desde as (10h) para apresentar proposta sobre o Plano de Cargos e Carreiras e Remuneração. A própria Secretaria de Educação enviou documento à CMM pedindo a oportunidade.

O Sintepp mostra preocupação com direitos dos trabalhadores.
O Secretário aponta para cortes que deverão ser feitos para equilibrar a folha.
Pedro Corrêa, Presidente da Câmara Municipal, afirma que a intensão da reunião “é que haja consenso e bem discutida, sem mais traumas, os próprios trabalhadores sabem que é necessário equilibrar as contas públicas”.
O Presidente da Câmara Municipal, disse agora há pouco, ao Zeca News, que não tomou conhecimento antecipado sobre as informações específicas das mudanças propostas. De acordo com o Presidente, as negociações também devem resolver a situação dos salários atrasados dos trabalhadores, já que a Prefeitura está fazendo análises para garantir os pagamentos sem comprometer as contas públicas. “acredito eu, que pelo montante, deve ser parcelado.”

Compartilhe: