Celpa: procedimentos irregulares podem ser fatais

Somente neste ano foram 16 acidentes envolvendo a rede elétrica, em todo o Estado, de acordo com dados da Celpa. Desse total, sete foram fatais e as causas estão diretamente relacionadas a procedimentos irregulares junto a fiação energizada. Na Região Metropolitana de Belém, foram cinco casos e imprevistos graves na rede elétrica também aconteceram em cidades como Santarém, Altamira e Itaituba, que juntas contabilizam quatro ocorrências. O furto de energia é um dos principais causadores de acidentes e a concessionária reforça que as ligações clandestinas são procedimentos irregulares e que geram prejuízos a toda a sociedade, como interrupções no fornecimento e oscilações no nível de tensão. As ligações da rede elétrica, só podem ser feitas pelo eletricista da Celpa. O contato com rede elétrica deve ser evitado, assim como as ligações clandestinas. De acordo com o executivo da área de Recuperação de Energia, River Thadeu Lima, a rede elétrica jamais deve ser manuseada por pessoas leigas no assunto. “Somente profissionais treinados e habilitados devem manusear a rede elétrica. A eletricidade é algo perigoso, que devemos ter todo o cuidado possível para evitar acidentes e até mesmo fatalidades como esta que aconteceu recentemente. Nó lamentamos esses acidentes e reforçamos que se deve manter distância da fiação elétrica”, orienta o executivo. Furto de energia O desvio de energia é um procedimento irregular e criminoso.  Quem o pratica pode ser enquadrado em dois artigos do Código Penal Brasileiro: o 155 (furto), parágrafo 3º, que tem como pena prevista 1 a 4 anos de reclusão e multa; e o…

Moradores de conjunto habitacional Tiradentes após desbloqueio da BR 222 Ameaçam agora ocupar prefeitura

Moradores de um conjunto habitacional em Marabá, no sudeste do Pará, liberaram os dois sentidos da rodovia BR-222 após mais de 10 horas de um protesto que interditava a via desde a manhã desta segunda-feira (5). Os manifestantes protestavam contra a falta d´água nas moradias e a prefeitura local informou que trabalha para normalizar o abastecimento no local.

Os manifestantes denunciam que o conjunto residencial está há 16 dias sem água, prejudicando a rotina doméstica de mais de mil famílias. Segundo a comunidade, o problema começou quando a bomba de energia do reservatório de água queimou e ainda não foi substituída.

A comunidade interditou as pistas com pneus e pedaços de madeira, o que formou um extenso congestionamento de veículos na área. Segundo a Prefeitura de Marabá, um caminhão limpa-fossa também foi enviado para resolver os problemas de esgoto na localidade.

Os lideres da manifestação disseram hoje que se a prefeitura não atender a pauta de solicitações da comunidade o próximo passo é ocupar a prefeitura em um futuro protesto..

Compartilhe:

Extrativistas: acusado da Morte do Casal é condenado a 60 anos de prisão

Júri considerou José Rodrigues co-autor das mortes de José Cláudio e Maria do Espírito Santo.
 

Nesta terça-feira (6), o Tribunal do Júri de Belém condenou José Rodrigues Moreira a 60 anos de prisão pelo assassinato do casal de extrativistas José Cláudio e Maria do Espírito Santo. O júri considerou o acusado co-autor do crime de duplo homicídio qualificado. Este foi o segundo julgamento de José Rodrigues.

O primeiro julgamento ocorreu em Marabá, no ano de 2013 e o réu foi absolvido. O tribunal anulou o júri, que foi transferido para a capital, e decretou a prisão preventiva dele.Nesta terça-feira (6), o Tribunal do Júri de Belém condenou José Rodrigues Moreira a 60 anos de prisão pelo assassinato do casal de extrativistas José Cláudio e Maria do Espírito Santo.

O júri considerou o acusado co-autor do crime de duplo homicídio qualificado. Este foi o segundo julgamento de José Rodrigues. O primeiro julgamento ocorreu em Marabá, no ano de 2013 e o réu foi absolvido. O tribunal anulou o júri, que foi transferido para a capital, e decretou a prisão preventiva dele.

Compartilhe:

Alepa elege nova Mesa Diretora

Por unanimidade dos presentes (32 votos), Márcio Miranda(DEM) é o primeiro deputado da História do Pará a ser eleito três vezes seguidas presidente da Assembleia Legislativa. A nova Mesa Diretora está composta pela deputada Cilene Couto (PSDB, 1ª vice-presidente), deputados Miro Sanova(PDT, 2º vice), Cássio Andrade(PSB, 1° Secretário), Fernando Coimbra(PSL, 2º secretário), Airton Faleiro (PT, 2º secretário) e Soldado Tércio (PROS, 4º secretário). A posse será em 1º de fevereiro de 2017, como manda o regimento interno da Alepa. A bancada do PMDB compareceu na hora da sessão, abraçou o presidente, mas se retirou antes da votação. O líder peemedebista, deputado Iran Lima, explicou ao blog que trata-se de uma decisão partidária, embora todos manifestem apreço pelo presidente e nada contra a sua reeleição. É que eles pleiteavam a 1ª Vice-Presidência da Casa, mas a vaga já estava compromissada para a deputada Cilene Couto (PSDB). Márcio Miranda declarou que respeita a decisão do partido. “O PMDB tem um projeto político que eu respeito, é inerente à vida política ter um programa e lutar por ele. A nossa convivência sempre foi muito saudável e respeitosa. Ontem mesmo tive a oportunidade de reunir com a bancada do PMDB, eles estavam angustiados, divididos entre a liderança partidária e a nossa amizade, a vontade de participar da decisão colegiada. Encarei tudo com muita tranquilidade e os deixei à vontade para que seguissem a orientação de seus líderes. Já tinha a garantia do apoio de todas as demais bancadas. Não quis fazer cobrança e nem embate. Não houve nada que quebre a continuidade da harmonia da…

Trabalhador terá de contribuir 49 anos para ter aposentadoria integral com reforma da Previdência

O governo propôs que o trabalhador brasileiro precisará contribuir 49 anos para assegurar aposentadoria integral, obedecendo uma regra de transição que levará em conta a idade do contribuinte e garantido o pagamento de pelo menos 1 salário mínimo. Com as novas regras da reforma da Previdência, apresentadas nesta terça-feira, a estimativa é de economia de cerca de 678 bilhões de reais de 2018 a 2027 somente no Regime Geral de Previdência Social (RGPS), que inclui INSS e a concessão do benefício de prestação continuada, voltado à assistência social. Com o Regime Próprio da Previdência Social (RPPS), dos servidos públicos, é projetada economia adicional de cerca de 60 bilhões de reais para o mesmo período, afirmou o secretário de Previdência do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano. A proposta do governo respeitará direitos já adquiridos, não afetando aqueles que já são beneficiários ou que possuem os requisitos para se aposentar. Para os que vão pendurar as chuteiras no futuro, o texto prevê tempo mínimo de contribuição de 25 anos. Com o cumprimento desse período, contudo, o trabalhador terá direito a 76 por cento da aposentadoria, percentual que vai subindo gradativamente com o passar dos anos, sendo que estará garantido o pagamento mínimo de 1 salário mínimo. O secretário de Previdência destacou que a reforma igualará a exigência de idade mínima de 65 anos para homens e mulheres, segurados do INSS e servidores públicos, trabalhadores rurais e urbanos e também para políticos e detentores de cargos eletivos. A exceção ficará para deficientes físicos e trabalhadores expostos a agentes…

CASTANHAL: OPERAÇÃO DO GAECO CUMPRE MANDADOS DE BUSCA E APREENSÃO NA PREFEITURA

Uma operação deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) nesta terça-feira (6) apura irregularidades na área na saúde pública no município de Castanhal, no nordeste paraense.

Segundo o MP, há suspeita de fraudes em licitações e desvio de recursos públicos. A operação ‘SOS Saúde’ irá cumprir mandados de busca e apreensão no Hospital Municipal de Castanhal, na Unidade de Pronto Antendimento (UPA), nas Secretarias de Saúde, de Administração e de Finanças, além da casa de duas secretárias do município.

Compartilhe:

Diplomação dos eleitos em Canaã dos Carajás e Parauapebas será dia 07

A juíza da 075ª Eleitoral, em Parauapebas, marcou para o dia 7 de dezembro, próxima quarta-feira, a diplomação dos políticos eleitos do município de Canaã dos Carajás.  

Em Parauapebas a cerimônia dos eleitos acontecerá no dia 09 no prédio da Justiça Eleitoral em Parauapebas e contará apenas com os que serão diplomados.

Compartilhe:

VERGONHA: Brasil cai em ranking mundial de educação em ciências, leitura e matemática

Dados do Pisa, prova feita em 70 países, foram divulgados nesta terça; Brasil ficou na 63ª posição em ciências, na 59ª em leitura e na 66ª colocação em matemática. Os resultados do Brasil no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa, na sigla em inglês), divulgados na manhã desta terça-feira (6), mostram uma queda de pontuação nas três áreas avaliadas: ciências, leitura e matemática. A queda de pontuação também refletiu uma queda do Brasil no ranking mundial: o país ficou na 63ª posição em ciências, na 59ª em leitura e na 66ª colocação em matemática. A prova é coordenada pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) foi aplicada no ano de 2015 em 70 países e economias, entre 35 membros da OCDE e 35 parceiros, incluindo o Brasil. Ela acontece a cada três anos e oferece um perfil básico de conhecimentos e habilidades dos estudantes, reúne informações sobre variáveis demográficas e sociais de cada país e oferece indicadores de monitoramento dos sistemas de ensino ao longo dos anos. (G1) Top 5 do Pisa em CIÊNCIAS: 1 – Cingapura: 556 pontos 2 – Japão: 538 pontos 3 – Estônia: 534 pontos 4 – Taipei chinesa: 532 pontos 5 – Finlândia: 531 pontos Top 5 do Pisa em LEITURA: 1 – Cingapura: 535 pontos 2 – Hong Kong (China): 527 pontos 3 – Canadá: 527 pontos 4 – Finlândia: 526 pontos 5 – Irlanda: 521 pontos Top 5 do Pisa em MATEMÁTICA: 1 – Cingapura: 564 pontos 2 – Hong Kong (China): 548 pontos 3 –…

Regionalização da hemodiálise beneficia renais crônicos do interior do Estado

Há nove anos, três vezes por semana, dona Josefa Guedes Pena, de 59 anos, frequenta as sessões de hemodiálise no Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), em Altamira. Logo que descobriu a doença, em Santarém, no oeste do Pará, ela negligenciou o diagnóstico por não ter condições financeiras de custear o tratamento longe de casa. A situação se agravou e os níveis de creatinina de dona Josefa aumentaram. Então, em 2007, ela passou mal e foi internada no HRPT. Logo foi encaminhada para a hemodiálise na própria unidade, a fim de controlar a doença. “A minha rotina foi totalmente modificada e hoje eu tenho o tratamento correto. O hospital disponibilizou até transporte, que vai me buscar e levar em casa e, assim, eu posso ter uma qualidade de vida melhor. Se eu, por exemplo, só tivesse o tratamento em Santarém, não teríamos condições de nos mantermos longe de casa. Aqui, eu sou bem tratada. Se eu não tivesse esse serviço, eu já estaria morta”, conta dona Josefa. O serviço de hemodiálise está ligado à nefrologia e é considerado um dos diferenciais do HRPT, pois a unidade é a única da região a disponibilizar esse atendimento aos usuários do SUS. Nesta quarta-feira, 7/12, o hospital completa dez anos de funcionamento. Em uma década foram realizadas mais de 86 mil sessões de hemodiálise, permitindo que renais crônicos do interior do Estado, como dona Josefa, tenham acesso ao tratamento na própria região, sem a necessidade de se deslocaram para grandes centros. Segundo a coordenadora do setor, Rosivânia da…

Implantação do Hospital Regional de Altamira reduz taxa de pacientes transferido

Após lesionar gravemente duas vértebras, em um acidente ocorrido em um banho de rio na região da Transamazônica, o mecânico Alex Júnior Nazario Amâncio dos Santos, de 21 anos, realiza tratamento médico especializado há dois meses no Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), em Altamira (PA). A gravidade do acidente coloca em risco a saúde do jovem, que aguarda cirurgia na coluna cervical. “Eu estava me divertindo, quando pulei no rio, na parte rasa, e bati a cabeça. Na hora, eu não senti dor, inclusive eu saí andando. Mas no outro dia, amanheci com uma forte dor no pescoço, que me incomodou muito, foi então que procurei a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Lá, eles solicitaram exames e diagnosticaram o trauma” conta Alex, que em seguida foi encaminhado para o Hospital Regional, por conta da gravidade do caso. “Aqui estou recebendo o tratamento adequado, fui imobilizado e estou sendo bem tratado. Fico feliz em poder receber esse tratamento aqui na minha região, próximo da minha família e amigos. Eu não teria condições de ir para outro Estado”, revela o usuário. Segundo a equipe de Neurocirurgia da unidade, a lesão foi nas vértebras 3 e 4, e é considerada uma lesão delicada, inclusive comprometendo a mobilidade do usuário, que ainda corre o risco de ficar paraplégico. Para corrigir a fratura, o jovem será submetido a uma cirurgia de artrodese de coluna cervical, que antes era feita em São Paulo, mas que há cinco anos, já é realizada no HRPT. Assim como o caso de Alex, outros…