Saíram as notas do ENEM. Consulte a sua!

As notas individuais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 foram divulgadas nesta quarta-feira (18). (consulte a nota no site do INEP)
A princípio, elas seriam divulgadas somente na quinta (19), mas o governo resolveu antecipar o resultado.
O acesso às notas é feito individualmente aos candidatos. Basta fazer login no site do Enem com dados pessoais e senha. Serão liberadas as notas de cada uma das provas – ciências humanas, ciências da natureza, linguagens e matemática – e da redação, que teve como tema a intolerância religiosa no Brasil.
As notas do Enem podem ser usadas para disputar vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificado (Sisu), porém as datas de inscrições para a edição do primeiro semestre de 2017 ainda não foram divulgadas.
Em seguida ao Sisu, o MEC abre inscrições para o processo seletivo do Programa Universidade para Todos (Prouni) que oferece bolsas de estudo na rede privada, a partir do desempenho no Enem e da situação socioeconômica do candidato. Com a nota do Enem também é possível participar do do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Ainda não dá datas para abertura de inscrições em ambos os programas.
Candidatos com mais de 18 anos podem ainda usar o Enem para receber a certificação do ensino médio.
(DOL)

Compartilhe:

MARABÁ:OAB ALERTA RISCO DE REBELIÃO

OAB ALERTA RISCO DE REBELIÃO  Crama possui 355 presos a mais que a capacidade permitida. Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) informa que já está tomando medidas preventivas. Com a onda de rebeliões que vem ocorrendo pelo país, o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Subseção Marabá, Haroldo Gaia, afirmou que em presídios com superlotação sempre há probabilidade de ocorrer uma rebelião, e no Centro de Recuperação Regional Agrícola Mariano Antunes (CRAMA), a situação não é diferente. Segundo Haroldo, a OAB já vem alertando sobre essa preocupação há muito tempo, inclusive, no ano de 2014 fez um levantamento em todos os presídios do Pará e chegou a entrar com uma ação Civil pública pedindo providências para o governo do estado sobre a situação dos presídios. O CRAMA, localizado a cerca de 18 km de Itupiranga, possui 355 detentos a mais do que a capacidade permitida. Atualmente são 535 presos, sendo 390 do regime fechado e 145 do regime semiaberto, mas foi construído com a capacidade máxima para 180 detentos do regime semiaberto. “É um prédio antigo que precisa ser reformado, e não oferece segurança para quem trabalha lá e muito menos para quem está cumprindo pena”, afirma Haroldo Gaia, acrescentando que o estado tem total responsabilidade sobre a vida do preso. “Aquele que está preso, sob tutela do estado, o estado é responsável pela segurança para que ele cumpra a pena dele”, completou. De acordo com o Presidente da OAB, subseção Marabá, no ano passado, as condições físicas nos presídios foram discutidas…

PREFEITURA BUSCA SOLUÇÃO MODERNA PARA COLETA E DESTINO DO LIXO

 

Nesta segunda-feira, 16, o vice-prefeito de Marabá Toni Cunha, acompanhado do secretário municipal de Serviços Urbanos Múcio Andalécio e da bióloga Patrícia Blauth, consultora em Resíduos sólidos, visitaram o Aterro Sanitário de Marabá, com objetivo de observar a situação atual da destinação final do lixo produzido no município.
Segundo o secretário Múcio, após 10 anos de uso, o Aterro Sanitário de Marabá está saturado. A última célula está esgotando sua capacidade. De acordo com Patrícia Blauth, o processo de destinação do lixo como vem acontecendo em Marabá ocupa muito espaço. “Somente 17% do que é coletado é verdadeiramente resíduo; os 83% restantes poderiam ter outros destinos, se separados de forma racional”.Por isso, afirma a consultora, é necessário mudar toda a sistemática em curso para que o aterro receba exclusivamente o que é lixo.

Em reunião que contou com a presença do prefeito Tião Miranda e secretários de várias pastas, algumas alternativas foram apresentadas para a destinação do lixo: A coleta seletiva, separando tudo o que pode ser reciclado do material orgânico, vendendo o que for possível e fazendo compostagem do material, transformando-o em adubo e o incentivo a criação de cooperativas para reciclagem do material, neste caso gerando negócios e empregos.A consultora acredita que a população deve passar por um processo educacional com relação a coleta, seleção e descarte do lixo.

Compartilhe:

Referência em alta complexidade, Hospital Regional de Santarém comemora 10 anos com cerca de cinco milhões de atendimentos

  O Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém (PA), foi construído com o objetivo de oferecer atendimentos em média e alta complexidades para uma população de 1,1 milhão de pessoas residentes em 20 municípios do Oeste do Pará. Agora, a instituição completa dez anos. Nesse período, tornou-se referência para a região e alcançou o mais alto padrão de qualidade nacional, sendo considerado um dos melhores hospitais públicos do Brasil. A importância para a região é consolidada pelos números e depoimentos de usuários do serviço público. “Este hospital é fundamental para região, se ele não existisse, a situação seria muito complicada, a gente teria que ir para mais longe. Aqui, tudo que você precisa você tem”, garante o trabalhador rural Delson Filho, de 29 anos, originário do município de Placas, explicando também o que o fez procurar o serviço de saúde. “Eu estava jogando bola, fui chutar e sofri uma lesão. Do Hospital Municipal, fui transferido para cá, onde foi feita uma biópsia e agora vou realizar a minha cirurgia. Sou bem atendido, os enfermeiros tratam a gente muito bem”, elogia. O HRBA presta serviço 100% referenciado, atendendo a demanda originária da Central de Regulação de Santarém Delson vai passar por cirurgia ortopédica e já entrou em uma estatística crescente da unidade. Em dez anos de atuação, o Hospital Regional contabiliza 4.855.524 de atendimentos, tendo 32.365 cirurgias realizadas, 557.626 consultas, 4.158.487 exames, 68.806 atendimentos de Urgência e emergência, além de 38.240 internações. O caminhoneiro José Viana, de 43 anos, recupera-se de traumas causados por…

MundoPESQUISADesigualdade de renda está cada vez maior

Oito homens possuem, juntos, uma riqueza igual à soma da metade mais pobre da população mundial. A informação está em um levantamento divulgado pela ONG britânica Oxfam. A desigualdade de renda está maior do que nunca. A Oxfam, confederação de ONGs presente em 94 países, incluindo o Brasil, apresentou no Fórum Econômico Mundial, em Davos, relatório intitulado “Uma economia para os 99%”, mostrando que os oito homens mais ricos do mundo têm tanto dinheiro quanto os 3,6 bilhões que compõem a metade mais pobre da humanidade. Antes, era estimado que 62 pessoas correspondessem a essa parcela da população. Desde 2015, o 1% mais rico detém mais dinheiro que o resto do planeta somado. No início da década, eram 388 indivíduos com a mesma proporção da riqueza de 3,5 bilhões de pessoas. Pesquisa do economista Thomas Piketty verificou que, nos últimos 30 anos, a renda dos 50% mais pobres nos Estados Unidos permaneceu inalterada, enquanto a do 1% mais rico aumentou 300%. O estudo revela que, se não for combatida, a desigualdade crescente pode desintegrar as sociedades. Ela aumenta a criminalidade e a insegurança e mina o combate à pobreza. Gera mais pessoas vivendo com medo do que com esperança. O relatório detalha, ainda, como os grandes negócios e os indivíduos que mais detêm a riqueza mundial estão se alimentando da crise econômica, pagando menos impostos, reduzindo salários e usando seu poder para influenciar a política em seus países. A diferença de gênero se soma ao abismo de riqueza. As mulheres tendem a se concentrar na…

Calote

Integral Empresa responsável pela duplicação da ferrovia, e empresas de outras regiões contratadas pela Vale para executar obras de duplicação da ferrovia Carajás estão dando calote nos comerciantes locais.

Numa situação de crise, aquilo que poderia melhorar só piora.

A integral não estaria recebendo, e deixando em situação ruim, diante dos fornecedores empresas como  Aca, Veloce, Espoline, terceirizadas da Vale .

A pergunta que fica no ar:

Ou a empresa Integral esta recebendo da mineradora vale, e não repassa as terceirizadas de menor porte, ou Vale não estaria horando com os compromissos.

Com a palavra a entidade que representa os comerciantes em Marabá, já que a categoria, diante da crise financeira, e da falta de resposta, já se mobilizam para protestar no pátio da empresa.

Compartilhe:

Parauapebas empresário morre vitima de afogamento em Balneário

O veículo do empresário caiu em uma represa durante a madrugada. mergulhadores do corpo de bombeiro

encontraram o corpo da vítima dentro do veiculo.

Maranhão chaves era um dos pioneiro em parauapebas.

o empresário José de Ribamar da Silva, de 57 anos de idade, natural de Santa Inês, Maranhão, mais conhecido por “maranhão

Chaves”, proprietário de uma papelaria e armarinho denominada “maranhão chaves”, morreu na manhã desta segunda-feira, 16,

quando perdeu o controle do veículo que dirigia, uma l-200, triton, cor branca, de placa mxe- 7028,que após bater na parede de

cimento do bar, balneário banho do “zeca praça”, localizado na vila as margens estrada de acesso a vila palmares ii, zona rural de

Parauapebas, distante cerca de 22 quilômetros do centro da cidade.

De acordo com informações que estão sendo investigadas pela polícia, o empresário retornava da vila onde teria participado de

um torneio de sinuca que ocorria em outro balneário conhecido por “sobra do coqueiro”, onde teria sido visto pela ultima vez na

madrugada, quando deixava o local.

ainda de acordo com as informações, a vítima apresentava visíveis sinais de embriagues, momento em que um conhecido, teria

se oferecido para dirigir o veículo, o que não teria sido aceito pelo empresário.

após o resgate o mesmo,o corpo da vitima foi removido para exame de necropsia no IML de Parauapebas.

Compartilhe:

Pará tem recorde de violência em 2016

Nunca se matou tanto no Pará. No ano passado, o Estado registrou 4.196 mortes violentas, o que representa um aumento de 11,2% em relação a 2015, quando foram notificados 3.772 casos.  

A tradução das estatísticas indica que, em 2016, houve praticamente uma morte a cada 2 horas, em todo o Estado. Os dados são do Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp). 

Dos 4.196 casos de mortes violentas ocorridos no Pará no ano passado, foram 3.639 homicídios, 280 óbitos decorrentes de intervenção policial, 225 latrocínios e 52 lesões corporais seguidas de morte. (Fonte DOL)

Compartilhe:

Prefeito de Parauapebas decreta situação de emergência na saúde pública

O novo prefeito de Parauapebas região sudeste do Pará, Darci Lermen do (PMDB), decretou “Situação de Emergência” na saúde pública do município. O decreto foi assinado pelo gestor na última sexta-feira (13) de janeiro. 

O decreto tem prazo de 120 dias podendo se estender até por 180 dias e possibilitará a prefeitura a realizar serviços na saúde pública sem a obrigação de realização de licitação.  

De acordo com a Prefeitura de Parauapebas, o ato tem o objetivo de agilizar as soluções para os problemas encontrados na saúde publica do município. (Luiz Pereira)

Compartilhe:

Marabá e Parauapebas recebem recusos da Compensação Financeira pela Exploração Mineral

Começo de ano bom para os cofres das prefeituras de Parauapebas, Marabá, Canaã e Curionópolis 

Os cofres das prefeituras de Parauapebas, Marabá, Canaã dos Carajás e Curionópolis receberam juntos 21,77 milhões de reais. O dinheiro veio da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (CFEM). 

O montante foi distribuído da seguinte forma: Parauapebas recebeu-R$ 15,47 milhões, Marabá-R$ 4,61 milhões, Canaã dos Carajás-R$ 1,11 milhões e Curionópolis- R$ 577 mil. 

Os royalties recebidos pelas prefeituras na última sexta-feira (13) são referentes à produção de minério do mês de dezembro de 2016

Compartilhe: