PARTIR DE 2026 Fifa aprova Copa do Mundo com 48 seleções

Torneio terá 16 grupos de três equipes a partir de 2026
Ansa

O Conselho da Fifa decidiu nesta terça-feira, 10, que a Copa do Mundo terá seu número de participantes ampliado de 32 para 48 a partir da edição de 2026, ainda sem sede definida.

A mudança foi aprovada pelo comitê em uma votação realizada na sede da entidade, em Zurique, na Suíça, um dia após a premiação que consagrou Cristiano Ronaldo como melhor jogador do planeta em 2016.

A ampliação era uma promessa do presidente da Fifa, Gianni Infantino, que na Uefa patrocinou o aumento do número de seleções na Eurocopa de 16 para 24. Segundo o cartola, há um apoio “unânime” para inflar a Copa do Mundo, que desde 1998 é disputada por 32 equipes.

A partir de 2026, o torneio terá o formato de 16 grupos com três equipes cada, provavelmente com as duas melhores avançando para o “mata-mata”. Com esse modelo, serão 80 partidas, 25% a mais que as atuais 64.

O objetivo da Fifa seria turbinar a arrecadação com direitos televisivos e cotas publicitárias, já que a entidade teria a oportunidade de vender o torneio em mais mercados, embora a participação de um terço das seleções se restrinja a dois jogos.

Compartilhe:

LEVANTAMENTO DO IPAM Amazônia perde 7.989 km² de floresta, maior desmatamento desde 2008

Entre agosto de 2015 e julho de 2016 (calendário oficial para medir o desmatamento), a Amazônia perdeu 7.989 quilômetros quadrados (km²) de floresta, a maior taxa desde 2008, segundo levantamento do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam) a partir de dados oficiais divulgados pelo governo federal no fim do ano passado. O desmatamento no período equivale à derrubada de 128 campos de futebol por hora de floresta, segundo a entidade. O perfil fundiário dos responsáveis pela devastação teve pouca variação em relação aos últimos anos: a maior derrubada ocorreu nas propriedades privadas (35,4%), seguida de assentamentos (28,6%), terras públicas não destinadas e áreas sem informação cadastral (24%), e pelas unidades de conservação, que registraram 12% de todo o desmatamento verificado nos 12 meses analisados. De acordo com o Panorama do desmatamento da Amazônia 2016,Os estados que registraram maior aumento da taxa de desmatamento foram Amazonas, Acre e Pará, com incremento de 54%, 47% e 41%, respectivamente. Em números absolutos, o estado que mais desmatou foi o Pará, 3.025 km² de floresta a menos; seguido de Mato Grosso, que perdeu de 1.508 km² de vegetação nativa; e Rondônia, com 1.394 km² de derrubadas. Os três estados respondem por 75% do total desmatado em 2016. Segundo o levantamento do Ipam, o ranking de dez municípios que lideram o desmatamento na Amazônia permanece praticamente inalterado nos últimos anos. Cinco municípios da lista são do Pará: Altamira, São Feliz do Xingu, Novo Repartimento, Portel e Novo Progresso. O ranking também tem dois municípios amazonenses: Lábrea e Apuí; dois…

MARABÁ:POLICIA CONTINUA INVESTIGANDO ROUBO DE 1,1 MILHÃO NA PROSSEGUR

No final da manha de ontem o delegado Tiago Belieny, da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), comentou o furto que ocorreu na empresa de valores e segurança Prosegur, em Marabá.

Segundo Tiago, ele já está com os vídeos das câmeras de segurança do local.

Nas imagens será possível ver o responsável ou os responsáveis pela ação.

O delegado informou, no entanto, que o material ainda é insuficiente para qualquer tipo de conclusão.

Ainda de acordo com ele, a quantia furtada que seria de R$1,1 milhão e foi citada em um boletim de ocorrência registrado.

Entretendo, ainda não foi confirmada pela empresa. A Prosegur informou através de nota que não fará nenhum tipo de pronunciamento, pois o caso permanece sob investigação policial.

Compartilhe:

Casa da Cultura de Canaã abre inscrições

A  Casa da Cultura de Canaã inscreve a partir de hoje ( 10/1)  para as escolas de formação instituição. A programação de férias, inclui oficinas,  sessões de contação de história, brincadeiras infantis e cinema. Os interessados podem se inscrever nas oficinas de  flauta doce, canto coral, musicalização infantil, violão, balé e capoeira. As inscrições dos novos alunos poderão ser feitas até o dia 14 de janeiro, no horário das 10 às 18h. No dia 17, haverá o sorteio aberto ao público, às 10h,no auditório. Já no dia 18, a divulgação dos sorteados, que poderão fazer suas matriculas no período de 19 a 21 com a entrega de documentação: comprovante de residência, declaração de matrícula na escola, e xerox da certidão de nascimento ou da identidade. Durante as férias, também uma programação com oficinas livres, no horário das 15h. Às terças-feiras, haverá oficina de Abayomi , bonecas africanas feitas em tecido sem costura e sem cola. Nas quartas, confecção de brinquedos com prendedores de roupas. Às  quintas, oficina de instrumentos musicais com materiais alternativos. E às sextas, terá curso sobre  produção de artesanato. A Casa da Cultura realiza uma programação semanal na biblioteca com o público infantil de forma gratuita. Toda sexta-feira tem mediação de leitura. Toda quarta-feira tem contação de histórias. Além disso, todo segundo sábado do mês tem resgate de brincadeiras infantis, às 10 e às 16h. O objetivo é resgatar velhas brincadeiras de infância; que favorecem o desenvolvimento da noção de espaço, da coordenação motora e a interação social. Já os amantes da…

IRMÃO SUSPEITO DE ABUSAR A IRMÃ DE 5 ANOS DE IDADE

A Criança que estava internada no Hospital Municipal de Marabá, no último domingo, piorou seu quadro de saúde e foi transferida para o Hospital Regional vindo a falecer nesta segunda-feira. A princípio a família suspeitava que ela estivesse Meningite ou Chikungunia, no entanto, o Exame do Instituto Médico Legal suspeita que ela possa ter sido abusada pelo próprio irmão, já que a vítima reclamava do irmão.
O  laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou que a causa da morte da criança foi por Septcemia, em consequência de uma infecção pulmonar, cardíaca e intestinal, provocada por abuso sexual.
O suspeito já foi levado para exame corporal. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Atendimento a Mulher (DEAM), que tem à frente a Delegada Ana Paula Fernandes. O resultado deve demorar a sair devido a falta de médicos e profissionais no IML, que estão de licença Premium.

Compartilhe:

Por que você deveria lavar as toalhas de banho com mais frequência do que imagina

Mas, além do prazer de uma toalha perfumada, existe mais uma razão para se preocupar com a questão da limpeza: os fungos e bactérias. Cientistas afirmam que as toalhas que usamos diariamente para secar mãos, rosto ou todo o corpo são locais de cultivo de todo tipo de bactérias e fungos, além de acumularem células de pele morta e secreções salivares, anais e urinárias. Para piorar, as toalhas também podem acumular ácaros e outros agentes prejudiciais à saúde. sses pedaços de tecido são ambientes ideiais para a proliferação de tudo isso, pois têm muitas das condições indispensáveis para garantir a vida dos micróbios, entre elas água, temperatura alta e oxigênio. Na toalha e no corpo Direito de imagemTHINKSTOCKImage captionToalhas limpas não são apenas um prazer, são uma necessidade Nosso corpo também apresenta estas condições ideais para bactérias e fungos – nós estamos cobertos de microorganismos dos pés à cabeça. Desta forma, quando você se seca com a toalha, os micróbios e secreções de nosso próprio corpo ficam depositados no tecido. Os resíduos celulares, junto ao oxigênio do ambiente, servem de alimento para os micróbios. E a umidade constante do banheiro favorece sua sobrevivência e reprodução. A maioria dos micróbios provavelmente não vai causar nenhum problema, já que eles estão saindo de nosso próprio corpo. Mas eles estão ali, na toalha, se multiplicando rapidamente… E tudo muda se você compartilha toalhas: neste caso, o corpo fica exposto aos micróbios do outro. E o pior é que as toalhas também podem acumular micróbios que estão presentes no…

PROCURADORES DOS EUA ENCONTRAM US$ 20 MILHÕES EM COLCHÃO DE BRASILEIRO

Dinheiro foi encontrado em apartamento usado por Cléber Rocha, que foi preso BOSTON — Procuradores federais dos Estados Unidos anunciaram na quinta-feira que apreenderam US$ 20 milhões dentro de um colchão que seria de um brasileiro. Segundo as autoridades norte-americanas, Cléber Rene Rizério Rocha, de 28 anos, foi preso no mesmo apartamento, em Massachusetts, onde o montante foi descoberto. Rocha é acusado de lavagem de dinheiro em um esquema multibilionário de fraudes que envolve a TelexFree, uma empresa de telefonia por internet (Voip) acusada de promover pirâmides financeiras. De acordo com a investigação norte-americana, Rocha atuava como mensageiro do sobrinho do brasileiro Carlos Wenzeler, sócio da TelexFree. No dia 31 de dezembro, Rocha chegou aos Estados Unidos e entregou uma maleta com US$ 2,2 milhões a uma pessoa que colabora com as investigações da procuradoria de Boston. Depois desse encontro, agentes federais seguiram Rocha até um apartamento em Westborough, em Massachusetts, onde o brasileiro foi detido. Após a prisão, os investigadores voltaram ao imóvel e descobriram o dinheiro. O próprio brasileiro afirmou que o montante chegava a US$ 20 milhões. EMPRESA ENGANOU 965 MIL PESSOAS Fundada por James Merrill, a TelexFree é investigada pela procuradoria de Boston como um grande esquema de pirâmide de dinheiro, que ganhava pouco dinheiro com a venda de serviços, porém, gerava milhões de dólares ao fazer pessoas pagarem uma taxa de assinatura para serem “promotores comerciais” e publicarem anúncios online para a empresa. A empresa é sediada em Marlborough, também em Massachusetts. Em abril de 2014, a TelexFree pediu falência…

ELDORADO DOS CARAJÁS:JAPÃO DOA 260 MIL PARA APAE DA CIDADE NESTA TERÇA FEIRA

O Governo Japonês vai realizar a doação de R$260.000,00 (duzentos e sessenta mil) para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Eldorado dos Carajás (APAE). O repasse dos recursos financeiros será realizado durante cerimônia que ocorrerá na manha de terça-feira, 10, com a Assinatura de Doação do governo do Japão e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Eldorado dos Carajás, que contará com a presença do cônsul do Japão em Belém, Masahiko Kobayashi e a presidente da instituição beneficiada Jucélia Ramalho.

Os recursos destinam-se a construção de uma Unidade Educacional da APAE em Eldorado dos Carajás, com cinco salas de aula, banheiro, escritório e auditório. A verba faz parte do Programa de Assistência a Projetos Comunitários e de Segurança Humana (APC) do governo do Japão, que oferece apoio a projetos propostos por vários organismos, tais como organizações não-governamentais (ONGs), e governos locais, entidades sem fins lucrativas.

O programa APC tem conquista do excelente reputação, uma vez que proporciona apoio relativamente flexível e rápido aos projetos de desenvolvimento a nível comunitário.

Compartilhe:

Código de Defesa do Consumidor: GM é condenada a devolver o preço pago por carro zero

Problema no Novo Ônix não foi resolvido dentro do prazo de 30 dias, estipulado pela lei, comprador tem direito a receber o dinheiro de volta A montadora General Motors e a concessionária Rumo Norte Congonhas Distribuidora de Veículos foram condenadas pelo Tribunal de Justiça de São Paulo pelo não cumprimento do Código de Defesa do Consumidor, art. 18. O consumidor Luca Itten foi lesado na compra de um Novo Ônix 1.4 ML LT 2012/2013. A condenação soma mais de R$ 68.000,00. A justiça determinou que o valor pago pelo veículo, R$ 38.370,00, deve ser devolvido com correções e juros de 1%, uma vez que após a compra o “carro zero” apresentou defeitos, constatados como vindos de fábrica. Quando levado à concessionária para conserto nem veículo nem dinheiro foram devolvidos ao cliente dentro do prazo de 30 dias estipulados pela lei, quando se tratando de produtos novos. As rés não assumiram culpa. O Ônix já é um dos carros mais criticados pelos clientes da empresa. Na página do Reclame Aqui que se refere à Chevrolet, montadora, há mais de 2 mil reclamações, expressiva parte das recentes é sobre este modelo de veículo. Como mais de 25% das reclamações contra a montadora não foram atendidas ou resolvidas, o status da empresa é “Não recomendada”, pelo site. Além disso, há várias comunidades e vídeos em redes sociais com o tema “Eu odeio o Ônix”, sem contar as inúmeras reportagens em revistas e sites especializados que destacam problemas de fábrica, sem recall. “A GM investe fortunas em marketing para…

MARABÁ:PREFEITO DECRETA ESTADO DE CALAMIDADE FINANCEIRA

  O decreto de nº 4/2017 assinado pelo prefeito Sebastião Miranda no dia 3 de janeiro de 2017 e publicado nesta segunda, dia 9 no diário oficial do município, coloca a administração pública municipal sob estado de calamidade financeira. No conteúdo, o decreto faz 11 considerações pertinentes à situação financeira do município, dentre elas, a extrema urgência dos serviços essenciais, a obrigatoriedade dos Gestores públicos de zelarem pela predominância dos princípios constitucionais da legalidade, impessoalidade, publicidade e, sobretudo pela moralidade, eficiência e efetividade, além da necessidade de zelar pela correta aplicação de recursos públicos, a urgência no equilíbrio das contas públicas, a resolução do passivo da folha de pagamento deixada pela gestão anterior e ainda em função do estado de precariedade física e administrativa encontrada pela gestão. O prefeito Sebastião Miranda e toda equipe técnica administrativa, justificam o decreto em função das sérias divergências administrativas e financeiras encontradas nas secretarias bem como na precariedade dos serviços de saúde, limpeza pública, e no pagamento de fornecedores e funcionários concursados e contratados, alguns com atrasos desde novembro de 2016. O prefeito cria o gabinete de crise, formado pelo próprio Sebastião Miranda, pelo vice-prefeito, Toni Cunha, pelo procurador geral do município, Dr. Absolon Souza Santos, e o secretário de planejamento Karan El Hajjar. Durante o período de calamidade fica vedada a realização de quaisquer despesas que dependam de recursos próprios no âmbito do Poder Executivo sem a anuência do Gabinete de Crise, salvo a decorrente de determinação judicial. Vale lembrar que a decretação de estado de calamidade não…