Hospital Regional de Marabá realiza planejamento estratégico

Referência em assistência hospitalar de média e de alta complexidades na região, o Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, alinhou as estratégias de atuação para os próximos dois anos e redefiniu o Negócio, a Missão, a Visão e os princípios organizacionais da unidade.

O planejamento envolveu diretores, gerentes, coordenadores e supervisores que enumeraram pontos de melhoria e traçaram um plano de ação para aprimorar a qualidade da assistência prestada ao usuário, com base na segurança do paciente e na sustentabilidade financeira.

O encontro foi facilitado pela consultora da Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, Andréia Berto, e realizado no período de 30/08  a 02/09.

O diretor Geral da unidade Valdemir Girato, comentou sobre a importância do envolvimento dos profissionais no planejamento e na execução das ações. “A criatividade e a participação dos colaboradores são extremamente importantes para que alcancemos o nosso objetivo. Trabalharemos com uma nova perspectiva e todos podem contribuir”, disse o administrador.

Unidade

Público e gratuito, o Hospital Regional de Marabá é referência em atendimento de média e de alta complexidade para mais de 1 milhão de pessoas em 22 municípios paraenses. A unidade possui 115 leitos, dos quais 77 são de internação clínica e cirúrgica e 38 são de Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Sua gestão é feita pela Pró-Saúde sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

Compartilhe:

MARABÁ: POLÍCIA PRENDE PRIMEIRO SUSPEITO DE PARTICIPAR DO ASSALTO A PROSEGUR

Identificado por “Nêgo”, já está no presídio e a participação no bando regional que ajudou na logística de fuga da quadrilha nas embarcações pelo rio A Polícia Militar prendeu ontem (9) um dos suspeitos de participar do assalto a empresa de transporte de seguros Prosegur em Marabá no dia 5. O homem conhecido como “Nêgo” e que não teve o nome divulgado pode ser um dos que deram suporte logístico aos assaltantes, ajudando nos barcos que empreenderam fuga pelo rio Tocantins. A informação foi confirmada pelo Tenente Carlos Alex Valino, do 4º Batalhão de Polícia Militar em Marabá. As buscas contam com membros do Comando de Operações Especiais (COE) e Grupamento Tático de Marabá, policiais civis da Superintendência de Marabá, do Grupo de Pronto-Emprego (GPE), e da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), com apoio de um helicóptero do Grupamento Aéreo de Segurança Pública e a presença. Segundo o tenente Valino alguns suspeitos já foram identificados, mas a Polícia não vai divulgar por questões de segurança. A prisão de “Nêgo” foi realizada pela equipe do Coronel Denner Eudes Favacho. Ele já foi encaminhado para o Cramma. Uma testemunha que não quis se identificar confirmou por meio de fotos que “Négo” realmente participou ajudando na fuga dos suspeitos. “Ele relatou que ele desceu ali na Folha 6, com acesso ao rio Tocantins e viu essa mesma pessoa no dia seguinte levando os motores das lanchas para ajudar na fuga”, declarou Tenente Valino. Apesar da prisão do suspeito, a Polícia acredita que ele pouco poderá ajudar…

VIGILANTES DA PROSEGUR PRESOS ACUSADOS DE ASSALTO

Circulou boatos que a policia  tinha capturado dois  suspeitos de participação no assalto a Prosegur ocorrido  nesta  segunda feira. Na  verdade trata se  de dois  vigilantes  da empresa de transporte de valores Prosegur ,mais  a acusação que pesa contra eles é  de  tentativa de assalto a agencia  do Bradesco que ocorreu  recentemente em Marabá  em 12 agosto  de 2016. Os elementos identificados luzinaldo Araújo Gomes e Leandro lima Farias.   residentes  nos Bairros de São  Felix e laranjeiras .

Compartilhe:

Hospital Galileu participa de Congresso Brasileiro de Reconstrução e Alongamento Ósseo

Com a missão de promover conhecimento na área de saúde, o Hospital Público Estadual Galileu (HPEG) participará do XIV Congresso Brasileiro de Reconstrução e Alongamento Ósseo (CBRAO), que acontece de hoje, 08, a 10 de setembro, no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, em Belém-PA. Será a primeira vez que o Congresso acontece na região Norte do nosso País, e o objetivo da organização é promover a propagação do conhecimento de questões relacionadas a reabilitação do paciente submetido a cirurgia de reconstrução e alongamento ósseo. O Hospital Galileu, que é público, gerenciado pela entidade filantrópica Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, e pertencente ao Governo do Pará, é o único hospital da região Norte que oferece a cirurgia de reconstrução e de alongamento dos ossos. O serviço foi implantado em abril de 2015. Mensalmente, a unidade faz, em média, 20 cirurgias com este perfil. “Sendo o único hospital público na região norte a realizar o procedimento, o Hospital Galileu se torna referência no assunto, inclusive, em virtude do trabalho de excelência realizado”, avaliou o diretor Geral da unidade, Saulo Mengarda, argumentando que a participação no Congresso será uma oportunidade de propagar os benefícios para o usuário do Sistema Único de Saúde (SUS). “Dessa forma, é importante a participação do Hospital Galileu, pois poderemos demonstrar nossos resultados e o impacto positivo na sociedade com a implantação deste projeto”, enfatizou. A participação no CRBAO se dará por meio de palestras, além de um estande montado na área de circulação de congressistas. O…

Parauapebas: operação Filisteus, fase III em curso.

Foi desencadeada hoje a terceira fase da Operação Filisteus em Parauapebas. Várias viaturas do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado  – Gaeco – perambulam pela cidade com objetivo de efetuar prisões. Os nomes dos envolvidos nesta terceira fase ainda não foram divulgados pela justiça, mas sabe-se que entre eles estão a advogada Betânia Viveiros Amorim e do capitão PM Dercílio Júlio, ambos já foram anteriormente presos por envolvimento na morte do advogado Dacio Cunha.

Segundo a informação que chegou ao Blog, a advogada Betânia foi presa novamente em virtude do envolvimento na morte do advogado  Dacio,  já que, segundo a justiça, as medidas cautelares diversas da prisão decretadas em desfavor da agente não tem se mostrado suficientes para o regular deslinde do feito, fato que justificou novo decreto privativo.

Já o capitão Derlício Julio foi preso por fraude em licitação. Ele é acusado de ter entrado com uma equipe do comando Tático da PM, do qual era comandante, no departamento de licitação da Câmara Municipal de Parauapebas no momento em que acontecia um pregão da qual a empresa Torres e Moreno, dos empresários keneddy Torres e Tairan Moreno, ligados a ele saiu vencedora.

Contra os empresários  keneddy Torres e Tairan Moreno existe um mandado de condução coercitiva para que prestem depoimento sobre o caso.

Compartilhe:

MPF cobra cumprimento a sentença em Marabá

Em 2005, o Ministério Público Federal ajuizou o processo nº 0001252-34.2005.4.01.3901, a fim de garantir a instalação urgente de leitos de Unidade de Terapia Intensiva neonatal no hospital municipal de Marabá, compra de ambulância para o atendimento neonatal e contratação de médicos especialistas. Em 2008 a Justiça Federal em Marabá acatou parcialmente os pedidos do MPF e determinou que o município implantasse no mínimo seis leitos de UTI neonatal e contratasse quadro técnico necessário à execução do serviço, além de providenciar que, por meio de plantão, médico ficasse disponível para o atendimento neonatal. A prefeitura recorreu ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em Brasília. Em 2015 o tribunal negou a apelação, decisão que transitou em julgado em abril de 2016.  Acontece que até hoje, passados 11 anos, a única UTI neonatal existente em Marabá não funciona por falta de equipamentos e de profissionais. Recém-nascidos prematuros ou com problemas de saúde ficam à própria sorte e em constante e iminente risco de morte, denuncia a procuradora da República Nathália Mariel Ferreira de Souza Pereira, requerendo aplicação de multa  e bloqueio de bens dos responsáveis, como forma de pressioná-los a cumprir a sentença.  A 1ª Vara da Justiça Federal em Marabá (PA) deu prazo de dez dias para que o município prove que está cumprindo. Caso contrário, terá que pagar multa de R$ 2 mil por dia.

Façam aqui o acompanhamento processual.

Compartilhe:

MARABÁ: 30º EDIÇÃO DO FESTIVAL DO SORVETE NESTE DOMINGO NA ACADEMIA GOL DE PLACA

Lídia Mangas da Casa do caminho divulgando o evento Na Rádio Clube de Marabá
 
Lídia Mangas uma das organizadoras do evento, convida famílias para participar do evento no estacionamento da academia Gol de placa na folha 32 neste domingo 11 de setembro, a partir das 15 horas.
Lídia garante que vai ter brincadeiras para a criançada, sorvete com a melhor qualidade da Kibon, e  Tocari, com sabores regionais de açaí, Cupu, Tapioca e muitos outros.
 Quem comprar os convites terá direito a participar de sorteio de brindes ofertados pelas empresas parceiras do festival, e três rodadas de sorvete, e uma taça.
Os convites custam 20 reais, e estão na venda nos seguintes postos de venda: Academia Gol de Placa, no estande no shopping Pátio Marabá, e partir de sábado nos Supermercado Mateus.
Segundo Lídia mangas da casa do caminho, a renda  é para ajudar cerca de 50 crianças, a maioria da folha 33 que são atendidas pela entidade social na evangelização infantil, e  distribuição quinzenal de sopa.

Compartilhe:

Greve dos bancários altera rotina da população de cidades do Pará Quase 300 agências amanheceram fechadas na última terça, 6. Bancários rejeitaram a proposta da Federação Nacional dos Bancos.

A greve dos bancários, que iniciou na última terça-feira (6), tem mudado a rotina e provocado transtornos à população em vários municípios do Pará. Quase 300 agências teriam amanhecido de portas fechadas no estado.

De acordo com o Sindicato dos Bancários do Pará, a adesão da categoria no primeiro dia de greve teria sido de mais de 60%. Em todo estado, das 504 agências, 295 aderiram ao movimento nacional.

Os bancários rejeitaram a proposta da Federação Nacional dos Bancos, de reajuste de 6,5%. “Isso na verdade não repõe sequer a inflação do período. Os bancários estão pedindo a inflação mais 5% de ganho real, que é o equivalente ao índice de 14,78%”, disse Rosalina Amorim, do Sindicato dos Bancários.

Nesta período de greve, os aplicativos de celular podem ser uma solução . “Pagamentos, transferências, saldo de contas, todos os serviços utilizados dentro da própria agência hoje você consegue realizar através de seus telefones, tabletes, etc”, orienta Moisés Bendahan, diretor do Procon.

Mas pagamento de boletos que já venceram e saques não podem ser feitos pelos aplicativos. Nesse caso, quem se sentir prejudicado deve fazer uma denúncia.

“Se o fornecedor não quiser flexibilizar as multas e juros, ai vem aqui conosco para a gente entrar em ação”, afirma o diretor do Procon.

A Federação Nacional dos Bancos informou que a proposta apresentada à categoria garante o bem estar dos empregados nesse momento de dificuldades na economia do país.

Compartilhe:

Robô Havan estará no Pará no fim de semana

 
O gigante se apresenta em Marabá no sábado, 10 de setembro, e, em Parauapebas, no domingo, 11

Um gigante de 2,5 metros de altura. Além de esbanjar simpatia, dançando e rebolando ao som dos hits mais tocados do momento, o Robô Havan encanta crianças e adultos por onde passa. Neste fim de semana, a atração estará no Pará. Serão quatro apresentações. Duas no sábado, 10 de setembro, na cidade de Marabá, e duas no domingo, 11, em Parauapebas. As exibições são gratuitas e ocorrerão às 15h e às 17h nos dois municípios, nos estacionamentos das lojas da Havan.
A Havan Marabá fica na Rua Transamazonica, 3159, bairro Amapá e a Havan Parauapebas na Rodovia PA-275 – Km 63, Centro. Assista as performances do Robô bem de perto e confira o rebolado do gigante mais querido do Brasil.

Compartilhe:

MARABÁ: DISQUE DENÚNCIA OFERECE RECOMPENSA DE 10 MIL REAIS PARA INFORMAÇÕES QUE LEVE NA PRISÃO DA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA QUE ASSALTOU A PROSEGUR

  O Disque Denúncia Sudeste do Pará, está ofertando Recompensa de 10 Mil Reais para quem der informações que leve na prisão da organização criminosa que assaltou a Prosegur empresa de transporte de Valores, na madrugada de segunda-feira (5,) situada na Av. Itacaiúnas, Bairro Novo Horizonte, em Marabá Sudeste do Pará.   Entenda o Assalto   A ação criminosa aconteceu por volta de 1h30, onde cerca de 30 homens encapuzados fortemente armados de fuzis, granadas e dinamites se dividiram em vários pontos do bairro e invadiram a Prosegur empresa de valores responsável pelo abastecimento dos bancos no município de Marabá – PA e região), destruindo parte da estrutura da empresa, levando dos cofres mais R$ 50 milhões em dinheiro. A ação criminosa deixou pânico nos moradores da cidade que comporta cerca de 300 mil habitantes. Além de deixar prejuízos diversos, parte do teto de uma escola, veículos dos vizinhos e até prédio público foram atingidos num raio de mais de 200 metros pelas dinamites, foram mais de 20 residências atingidas pela explosão, “foi uma guerra, não sabíamos onde nos refugiar, estamos todos apavorados”, disse um dos moradores próximo ao local que pediu à não ser identificado. Enquanto uma parte da organização criminosa invadia a Prosegur, cerca de 10 deles, roubaram dois caminhões, sendo: 1 de verduras e outro de carregado de madeira, bloquearam a Rodovia Transamazônica, BR 230, Ponte sobre o Rio Itacaiúnas), e atearam fogo, impedindo o único acesso terrestre que liga o Bairro Nova Marabá, onde se localizam o quartel da Polícia Militar,…