GAZES MEDICINAIS: EX-SECRETÁRIO DE SAÚDE DE MARABÁ DIZ QUE AGIU DENTRO DA LEGALIDADE APONTANDO VÍCIOS NO PROCESSO LICITATÓRIO BASEADO NO PARECER DA CONTROLADORIA GERAL DO MUNICÍPIO.

 MAS A JUSTIÇA DEU LIMINAR AUTORIZANDO O PREGÃO ELETRÔNICO Sobre a operação asfixia que investiga a formação de cartel de empresas que venceram a licitação para fornecer gases medicinais e oxigênio, para Marabá e Parauapebas. O ex-secretário de Saúde Nagib Mutran, em entrevista no sábado mostrou documentos que comprovam que secretaria de saúde de Marabá, agiu dentro da legalidade no processo de licitação apontando os vícios que continham no processo após ser alertada por parecer desfavorável tanto a procuradoria geral do município que na época detectou falhas, que tinha vícios,por tanto o pregão eletrônico não poderia ser realizado. O parecer foi enviado ao tribunal de contas. Mesmo diante dessas justificativas a justiça expediu uma liminar determinando que a secretaria continuasse com processo, se secretário descumprisse a determinação judicial iria ser penalizado com multa. Nagib diz cabe agora a justiça analisar a situação. Ele elogiou a ação da policia federal, no entanto disse fez a sua parte porque decisão judicial não se discute. Nagib vai levar a documentação na terça feira para apresentar aos vereadores na câmara municipal. Nagib Mutran afirma que nos processos licitatórios quem dar o parecer final é controladoria geral do município, que é órgão jurídico responsável de controle, que informa se o gestor esta agindo de forma correta, ou se tem algum erro no processo. Ele destaca que prefeitura de marabá é uma das poucas no estado do Pará, que faz 99% dos processos licitatórios por meio de pregão eletrônico. Nagib relembra que a secretaria de saúde do município, passou por auditoria…

Em nota, AMEPA repudia atentado ocorrido no Fórum de Curionópolis

A AMEPA, Associação dos Magistrados do estado do Pará, entidade de classe que representa a judicância estadual, por meio de seu presidente, vem prestar apoio e solidariedade à associada PRISCILA MAMEDE MOUSINHO, Juíza de Direito, REPUDIANDO o ato de violência perpetrado no fórum da Comarca deis na noite de 18 de junho último. Durante os acontecimentos, homens armados agrediram o vigilante do prédio da Justiça e arrombaram os gabinetes da magistrada e do membro do Ministério Público, sem que houvesse subtração de qualquer objeto, mas tão somente destruição do patrimônio público. A ocorrência está em fase de investigação pela Polícia Civil e a magistrada já recebeu o apoio da Presidência do Egrégio Tribunal de Justiça e da Comissão Permanente de Segurança de Magistrados, imediatamente ao evento. À evidência, a cautela exige aguardar o desfecho das investigações para conclusão do que, de fato, se deu na comarca de Curionópolis. De qualquer sorte, seja qual for a intenção das pessoas que ingressaram na casa da Justiça, símbolo do mais importante órgão de controle social, a AMEPA destaca que não se curva à melindres, recados ou intimidações. Infelizmente, vivemos o tempo da inversão de valores, do achincalhe para a diminuição dos poderes democráticos do Judiciário. Mas ninguém (repise-se NINGUÉM) há de se sobrepor às autoridades judiciais para fazer a sociedade supor que voltamos ao tempo de desmandos de déspotas e seus capangas. Àqueles que assim agirem e ousarem descumprir os comandos judiciais serão exemplarmente punidos, de modo a garantir a todos os cidadãos a tranquilidade de viver no meio…

MARABÁ: 6º Circuito de Corrida e Caminhada da OAB Movimenta o domingo na Cidade

O NUMERO CORREDORES SUPEROU A EXPECTATIVA DA ORGANIZAÇÃO FORAM MAIS 500 INSCRITOS NO CIRCUITO 
O advogado Haroldo Gaya presidente da OAB, informou que o numero de inscrições bateu recorde eram apenas quatrocentas inscrições, e foi necessários ofertar um numero maior, perfazendo um total de 500 inscrições.

O presidente da OAB Marabá, destaca que o circuito de corrida tem também papel de alertar a sociedade sobre os cuidados com a saúde, pratica do esporte, e integração social. Neste domingo a concentração iniciou as 5.30 hs em frente sede da entidade.

Seis horas ocorreu a largada do 6º circuito de corrida com a presença de advogados, e publico especial da (APAE). Haroldo diz que este ano foi aberto uma categoria para pessoas portadoras deficiência visual que correram com ajuda de guias.

Haroldo Gaya disse que corrida foi uma festa integração social, em percurso de 7 km de corrida, e  4 km de caminhada, passando pela vp8, e ruas da Nova Marabá, com chegada na OAB.

O evento contou na segurança, com apoio do exercito, DMTU, grupo de escoteiros desbravadores da igreja Adventista, Ambulâncias do SAMU, presença de corredores, de todos os municípios, e da capital Belém.

Compartilhe:

MARABÁ:JUIZ MARCELO HONORATO DA 1ª VARA DA JUSTIÇA FEDERAL ALERTA SOBRE DESVIO DE VERBAS NAS PREFEITURAS DO SUDESTE DO PARÁ

 Juiz  vara da justiça federal, Marcelo Honorato é o entrevistado desde sábado dia 18/06 no Programa Ponto C Paredão Clube, que vai ao ar de nove ao meio dia na Radio Clube.
O Magistrado vai falar das comemorações dos 20 anos de existência da justiça federal em Marabá,que  será celebrado com a participação da comunidade, e autoridades,com  realização de um seminário jurídico.
Segundo o juiz serão ministradas duas palestras, uma sobre responsabilidade Criminal em acidentes aéreos, por ele, e com tema agrário, sobre desapropriação de imóveis de propriedade para fins de reforma agrária, com juiz Heitor Moura da 2ª vara.
Piloto por 20 anos na força aérea, com mais três mil horas de voou, o juiz Marcelo, quando atuou na aeronáutica trabalhou na área de investigação de acidentes aéreos, e tem obra publicada intitulada. “’Crimes  Aeronáuticos”.
O juiz fala durante a entrevista sobre a obra literária, e destacará os  números de processos de aposentadorias, que são deferidos  ou  indeferidos na justiça. Ele  alertará para os cuidados com  os documentos, no sentido de evitar a pratica da falsificação.
A relação da comunidade indígena com as empresas mineradoras, e desvio de verba publicas das prefeituras da região, de recursos federais da saúde, e da educação, e INCRA, serão temas abordados com juiz federal neste sábado as 10hs da manha no Ponto C, na Radio Clube na apresentação de Zeca Moreno.

Compartilhe:

Machado diz que vai provar encontro com Temer na Base Aérea de Brasília

Ex-presidente da Transpetro disse em delação que Temer pediu dinheiro para a campanha de Gabriel Chalita em 2012
 

O ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado afirma que provará ter mantido encontro com o presidente interino, Michel Temer, na Base Aérea de Brasília em 2012. A interlocutores, Machado disse que buscará registros, testemunhas e, se necessário for, pedirá à Justiça a quebra de sigilo telefônico para fins de localização com o objetivo de provar que ele e Temer estiveram juntos na Base Aérea de Brasília. Machado disse em sua delação premiada que Temer, no tal encontro, pedira dinheiro para a campanha de Gabriel Chalita, que disputava a prefeitura de São Paulo. Machado disse, então, que, após pedido de Temer, providenciou R$ 1,5 milhão para Chalita por meio de uma doação da construtora Queiroz Galvão.

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, negou, em entrevista coletiva, que Temer e Machado mantiveram o tal encontro. Temer, por meio de nota, afirmou na quarta-feira (15) que mantinha “relacionamento apenas formal e sem nenhuma proximidade com Sérgio Machado”. Nesta quinta-feira (16), Temer afirmou que a manifestação de Machado (delação) era “irresponsável, leviana, mentirosa e criminosa”.

No final da tarde desta quinta-feira, Machado, por meio de nota, reafirmou ter dito só a verdade em sua delação premiada.

Fonte: Época

Compartilhe:

MARABÁ: ACIM participará de definições da Nova Siderúrgica

O Presidente da Associação Comercial e Industrial de Marabá )Ítalo Ipojucan informa próximo dia 21, em Marabá, na ACIM  AS lideranças locais, representantes do governo do Pará, da Vale e da multinacional de agronegócios Cevital definirão alguns pontos importantes do acordo assinado na sede da Vale, no Rio de Janeiro. Trata-se de um memorando de entendimentos para viabilizar a construção e funcionamento da siderúrgica Aços Laminados do Pará (Alpa), que fixa as condições de transferência dos terrenos e licenças ambientais, fornecimento de ferro e transporte ferroviário do minério e do aço pela Vale em favor da Cevital, incluindo transferência de tecnologia, entre outros itens. O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia, Adnan Demachki, liderou a articulação, que durou vários meses.

A Cevital quer produzir 2,7 milhões de toneladas de aço, em bobinas, “biletts”, “blooms”, aço em pó e trilhos. A empresa é líder na produção de trilhos para ferrovias na Itália e pretende ser a primeira siderúrgica na América Latina a produzir trilhos. O presidente da Cevital, Issad Rebrab, prometeu implantar projetos de desenvolvimento na área de agroindústria no Pará, criando empregos e agregando valor aos produtos do Estado. Uma esmagadora de soja e uma fábrica de margarina já estão com as plantas industriais em processo de licenciamento ambiental junto à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), para instalação no Distrito Industrial de Barcarena.

Compartilhe:

Vale está entre as Empresas dos Sonhos da Alta Liderança

A Vale ficou em quinto lugar na preferência dos executivos que ocupam cargos acima de gerência sênior. Foi o que apontou a pesquisa “Empresa dos Sonhos da Alta Liderança 2016”, realizada entre abril e maio deste ano pelo Grupo DMRH/Cia de Talentos.

A gerente-executiva de Gestão de Talentos, Desiê Ribeiro, esteve na cerimônia da premiação realizada na última segunda-feira (13/6), em São Paulo, representando a empresa. “Ficamos orgulhosos desse reconhecimento de muitos gestores no país quem veem a Vale como uma grande empresa para trabalhar e desenvolver suas carreiras”, destacou.

Essa pesquisa substitui a Empresa dos Sonhos dos Executivos, que foi realizada de 2012 a 2014 e na qual a Vale sempre esteve entre as seis primeiras colocadas.

Confira o ranking das dez empresas mais citadas na pesquisa de 2016:
1º lugar: Google
2º lugar: Natura
3º lugar: Nestlé
4º lugar: GE
5º lugar: Vale
6º lugar: Unilever
7º lugar: Itaú
8º lugar: Ambev
9º lugar: Petrobrás
10º lugar: Fundação Dom Cabral

Compartilhe:

MARABÁ:AUTORIZADA ORDEM DE SERVIÇO PARA OBRAS DA HIDROVIA NO TOCANTINS

OS  ministros dos Transportes, Maurício Quintella, e da Integração Nacional, Helder Barbalho, assinaram  hoje em solenidades que ocorreram Itupiranga, e Marabá um contrato de R$ 520 milhões para a retirada de uma corredeira de pedras, o maior trecho do pedral está entre Itupiranga e Marabá, pouco mais de 42 km –  que inviabiliza a navegação no Rio Tocantins em boa parte do ano.     O Pedral do Lourenço, como é conhecida a corredeira localizada entre a Ilha do Bógea e o município de Santa Terezinha do Tauri (PA), impede totalmente a navegação nos meses em que o rio fica mais raso por causa da estiagem. Isso deixa subaproveitado o corredor hidroviário do Rio Tocantins e converte as bilionárias eclusas da usina hidrelétrica de Tucuruí, inauguradas pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em monumento ao desperdício. As eclusas foram construídas para permitir uma nova rota de escoamento de grãos e de minério de ferro em direção aos portos da região Norte, mas barcos maiores não conseguem vencer o caminho das pedras. Sem o derrocamento do Pedral do Lourenço, a estrutura em Tucuruí tem sido usada para o transporte de 150 mil toneladas de produtos por ano, o equivalente a menos de 1% do potencial de 40 milhões de toneladas previstos no canal. O contrato prevê a elaboração dos projetos de engenharia (básico e executivo), desenvolvimento de estudos ambientais e obras em um prazo de 58 meses. A intervenção consiste em abrir uma via navegável de 140 metros de largura em um trecho de 43 quilômetros…

Sérgio Machado diz ter repassado propina a mais de 20 políticos

Entre os políticos que teriam pedido doações, afirmou Machado, estão o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), os senadores Jader Barbalho (PMDB-PA), Romero Jucá (PMDB-RR), Edison Lobão (PMDB-MA) e o ex-presidente José Sarney

Jader , negando qualquer apoio ou envolvimento com Sérgio Machado
“Somos incompatíveis desde que deixei o Senado, em 2001. Não falo e nem tenho nenhum tipo de aproximação com ele há 15 anos. Jamais recebi nenhum tipo de favor desse canalha. Estou à disposição da Justiça para verificação de minha conta bancária –

Compartilhe:

DEPUTADO DIZ QUE REITORIA DA UEPA E SECRETÁRIO DE OBRAS VIRÃO A MARABÁ AGILIZAR OBRAS

O deputado estadual Dirceu Ten Caten (PT) disse hoje ao Zeca News que repercutiu ontem na tribuna da Alepa, a reivindicação dos acadêmicos da (UEPA). Os estudantes realizaram manifestação ontem em Marabá protestando sobre a demora na conclusão das obras do prédio.
O deputado deu eco ao clamor dos acadêmicos por meio do seu discurso, e de  outras demandas necessárias para viabilizar investimentos necessários para curso não paralisar de vez, na universidade  estadual, por conta dos prazos que são cumpridos pelo governo.
O parlamentar afirma que sua explanação foi ouvida pelo governo que entendeu o recado.
Dirceu informa que a reitoria da UEPA, e o secretário estadual de obras, virão para Marabá em breve ver as obras do prédio no município, debater com as  autoridades, e os acadêmicos a retomada das obras.
Dirceu relata que além dessa cobrança, vai pedir agilidade na conclusão das obras de ampliação do hospital regional, que tem poucos leitos para atender a região, e outras obras que estão paralisadas .

 

Compartilhe: