Beto Salame comemora aprovação de relatório ambiental que permite asfaltamento da Transamazônica

Beto Salame comemora aprovação de relatório ambiental que permite asfaltamento da Transamazônica No início de outubro deste ano, produtores rurais, comerciantes e a população em geral de Novo Repartimento, cansados de esperar pelo asfaltamento da Transamazônica, fizeram um grande movimento de protesto interrompendo o tráfego na rodovia. Mais de duas mil pessoas participaram da mobilização. O deputado federal Beto Salame (PROS) foi um dos diversos parlamentares paraenses a integrar a comissão de negociação que envolveu DNIT, Polícia Rodoviária Federal, Funai, IBAMA e outros órgãos federais para desobstruir a rodovia e garantir que o asfalto, enfim, chegue à região. Na época, Beto justificou sua participação no protesto e colocou-se ao lado dos manifestantes. “Estou aqui para ser solidário a este povo que não aguenta mais sofrer com as condições precárias da Transamazônica. Nosso povo quer produzir, trabalhar e prosperar, mas nas condições que há mais de 30 anos está a rodovia isso é impossível”, disse Beto Salame, ao lado de lideranças locais, entre as quais Deusivaldo Pimentel, o popular “Amizade” e Alexandre Guimarães. Ontem (1º), em sua página oficial no Facebook e em outras mídias sociais, Beto Salame comemorou a remoção do último grande obstáculo para a realização da obra. A Funai considerou satisfatório o Plano Básico Ambiental do projeto e agora o DNIT poderá licitar o serviço. Como os valores para a obra estão liberados, o serviço poderá, finalmente, começar no início do ano que vem. “Feliz demais com a notícia da liberação do estudo da Funai que permite o asfaltamento da Transamazônica e quero dizer…

ARMAÇÃO: MST AFIRMA QUE MATANÇA DE GADO NA FAZENDA CEDRO É PARA CRIMINALIZAR O MOVIMENTO

Coordenador do MST na região, Tito Moura, rebateu as acusações contra o movimento de estar por trás da matança de gado e vandalismo na fazenda Cedro. Homens armados entraram na fazenda, na noite do último domingo (29) e mataram cerca de 20 vacas. Alguns animais estavam gestantes, aguardando transferência para tratamento especializado. Na madrugada de anteontem (30), o bando entrou novamente na fazenda, e tirou a vida de mais 29 vacas, totalizando quase 50 animais abatidos. As imagens mostram vacas decapitadas, com vísceras expostas e até fetos espalhados pelo chão de terra. Segundo um dos coordenadores da fazenda – que não quis se identificar -, não é a primeira vez que a situação ocorre. Ele afirma que, de maio até hoje, o número de animais mortos na fazenda já chega a 800. Ainda de acordo com funcionário da fazenda, o problema maior é o valor agregado nas vacas mortas, já que todas faziam parte do processo de transferência de embrião.A fazenda faz parte do Grupo Santa Bárbara, tem 8 mil hectares. Sobre as acusações, Tito Moura do MST, diz que se reuniu ontem no escritório do MST em Marabá analisaram as fotos que circulam nas redes sociais e afirma que tudo não passa de uma armação na tentativa de criminalizar o movimento social. O coordenador do MST já entrou em contato com o titular da Deca para acionar o serviço de inteligência e verificar quem está por trás da matança dos animais. Ele afirma que existe outras máfias, como a dos açougues ou mesmo pessoas…

MARABÁ:

FUMAÇA: FENÔMENO É PROVOCADO POR MUDANÇAS CLIMÁTICAS E QUEIMADAS NAS DIVISAS DOS ESTADOS DO PARÁ COM O MARANHÃO   O fenômeno é resultado de mais de 47 mil focos de calor existentes em toda a Amazônia legal. A capital Belém esta sendo afetada por conta das queimadas ocorridas na noite de quarta feira no oeste do estado. Além disso, o fenômeno EL Nino estaria gerando uma inversão térmica. A capitã Vanessa Farias comandante em exercício 5º(GBM) grupamento de incêndio de Marabá afirma que um dos fatores que provoca a nuvem de fumaça na região, é a forte estiagem, e a poluição provocada pelas mudanças climáticas em todo mundo. Ela ressalta que nesta época do ano, deveríamos esta em um período de chuvas. Mesmo com a falta delas as queimadas continuam ocorrendo em pastagens, plantios de agricultura, e na área urbana. No entanto a poluição que tem tirado a visibilidade no aeroporto local,com o céu encoberto na maior parte do dia na cidade marabaense,é provocada em grande parte  pelas queimadas do bioma do serrado na divisa do Pará com Maranhão. Neste local tem muitos focos de calor registrado pela (INPE), instituto nacional de pesquisas espaciais. Vanessa informa que a fumaça se mantem  na cidade por conta da ausência das chuvas, e das queimadas que ainda prevalecem. A comandante do corpo de bombeiros diz que o grupamento esta combatendo os incêndios com equipes técnicas, e  material especifico para este tipo de situação nas reservas particulares, áreas de preservação ambiental, florestas, e reservas extrativistas, onde as pessoas provocam…

Os juízes torraram a grana da eleição municipal

O Judiciário alfinetou de maneira quase elegante a presidente Dilma Rousseff nesta semana. Numa portaria conjunta dos tribunais superiores, os meritíssimos ministros informaram que o corte de verba anunciado pelo governo inviabiliza as eleições em formato eletrônico para o ano que vem. Sem estridências: nada mais formal do que uma portaria. Sem adjetivos: tudo na linguagem sisuda do pessoal que veste a toga. Mas o recado estava dado. A presidente atrapalha o bom andamento da nação. Obviamente, apesar da elegância, a mensagem é um blefe, para não usar termo mais pesado. No fundo, claro que ninguém quer perder dinheiro, e é evidente que o governo federal tem imensa parcela de culpa na falta de verba. Afinal, cortar R$ 10 bilhões do orçamento é coisa para quem gastou demais. A estocada tem seu sentido, e Dilma bem mereceu ser alvejada. Mas os senhores ministros também têm sua parcela de culpa no cartório. Os tribunais dizem que a compra de urnas eletrônicas, necessária para que não se volte a votar em papel, depende de R$ 200 milhões. Dilma anunciou a suspensão de R$ 428 milhões para a Justiça Eleitoral daqui até novembro. Culpa do governo? Culpa do governo. Mas o repórter Andrea Torrente lembra bem: só o auxílio-moradia implantado recentemente pelos meritíssimos custa aos mesmíssimos cofres coisa de R$ 1 bilhão por ano – ou mais, contando os efeitos-cascata que sempre se seguem às mordomias. Daria para dizer que as casas de nossos juízes custaram cinco vezes o necessário para garantir as eleições do ano que vem?…

NOVIDADE:CPF passa a ser emitido junto com a certidão de nascimento

Foi lançado nesta terça-feira, 1, em São Paulo, um novo serviço ao cidadão que permitirá a emissão do Cadastro de Pessoa Física (CPF) no momento em que é feito o registro da certidão de nascimento. Por meio de convênio entre a Receita Federal e a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen-SP), os cartórios vão informar os dados do recém-nascido ou da pessoa a ser registrada pelo sistema online e, imediatamente, o número do CPF será repassado e impresso na certidão sem nenhum custo. De acordo com o superintendente substituto da Receita Federal em São Paulo, Marcelo Barreto, a medida será estendida agora à tarde ao Rio de Janeiro e quarta-feira, 2, a todo o país. Ele lembrou que, atualmente, para ter acesso ao CPF os interessados têm de procurar um dos postos da rede conveniada (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e agências dos Correios) e pagar a taxa de R$ 7,00. A partir de agora, o serviço passa a ser gratuito, “eliminando discrepâncias e facilitando a vida do cidadão”. A medida, conforme o superintendente, é uma demanda antiga da sociedade e, por meio dela, a Receita poderá fazer um cruzamento da base de dados de forma segura, evitando eventuais tentativas de fraudes. “Todos saem ganhando com isso”, afirmou Barreto. Ele informou que, anualmente, são expedidos em São Paulo em torno de 500 mil CPFs. De acordo com Barreto, o governo pretende lançar no primeiro semestre do próximo ano a mesma sistemática para o caso de adolescentes que vão…

A palavra de Maria Eugênia, filha do senador Delcídio do Amaral

A jornalista Lívia Martins do ‘Jornal da Cidade Online’ publicou o artigo intitulado ‘Delcídio, e agora? O que vai dizer para suas filhas?’ (veja aqui). Uma das filhas do senador, não satisfeita com o conteúdo, entrou em contato com nosso editor e pediu que fosse publicado um texto de sua autoria, rechaçando o artigo mencionado. Sem dúvida, uma bela declaração de amor e confiança ao pai. Sem entrar no mérito do conteúdo de ambos os textos, mas como veículo democrata e imparcial, publicamos na integra o texto de Maria Eugênia Amaral. Lívia Martins, Não sei nem te dizer o que senti lendo essa “matéria” desnecessária que você se deu ao trabalho de fazer. “Provavelmente, já constataram que o pai não é herói, é bandido”: Provavelmente não. A senhora está muito enganada e deveria medir suas palavras. O meu pai é e sempre será o meu herói, a minha fortaleza e tenho orgulho de dizer que ele é o exemplo da minha vida! Tenho mais uma correção a fazer a tanta baboseira que você escreveu: “Óbvio, acreditavam no caráter, na postura, no homem, no candidato, no pai, para elas um grande herói.” Eu não acreditava, eu acredito e tenho certeza do carater, postura e grande homem que o meu pai é. Acho engraçado você querer perder seu tempo se perguntando o que eu e minha irmã estamos sentindo agora, se quiser eu mesma posso te responder ao invés de você tentar deduzir erroneamente! Se a sua preocupação é saber se estamos envergonhadas, a resposta é: Não…

Beto Salame participa de solenidade em Belém e visita Redenção, Barcarena e Tailândia

Foi intensa a agenda do deputado federal Beto Salame (PROS), neste final de semana, quando visitou Redenção, Barcarena e Tailândia. Desde fevereiro, o deputado costuma percorrer os municípios do interior do Estado a partir das sextas-feiras, realizando atividades político-partidárias inclusive aos sábados e domingos.   Excepcionalmente, nesta semana, já na quinta-feira (26), Beto Salame esteve em Belém, quando participou, ao lado do prefeito de Marabá, João Salame Neto, do governador do Pará, Simão Jatene e do presidente da Vale, Murilo Ferreira, da solenidade de criação do Grupo de Trabalho que visa garantir a recuperação do Distrito Industrial de Marabá com a implantação de mais uma siderúrgica.   “Tive o prazer de ver que, em meio a esta crise econômica, Marabá mantém sua capacidade de atração de novos investimentos, graças à disposição do prefeito João Salame para investir pesado em obras como macrodrenagem e asfalto. Este grupo de trabalho é fundamental para garantir a retomada da verticalização da produção mineral e gerar mais emprego e renda para Marabá e região”, disse Beto.   De Belém, Beto Salame seguiu para Redenção, onde na sexta-feira (27), esteve ao lado do ministro dos Portos, Helder Barbalho, na entrega de casas populares.   “O Minha Casa Minha Vida é um daqueles programas que mudam, de verdade, a vida das pessoas beneficiadas. Garantir a pessoas de baixa renda o acesso à moradia, é algo maravilhoso. Vejo no rosto de cada mãe de família, o brilho da alegria e da esperança. Portanto, ter participado dessa festa foi algo que me deixou profundamente…

Vias do Bairro São Félix II são pavimentadas

As obras de pavimentação avançam no Bairro São Félix II. Nesta terça-feira (1º) foi pavimentada a Avenida Magalhães Barata e um trecho da Rua São Francisco. Já a Avenida do Contorno está passando pelos preparativos finais que antecedem o asfaltamento.

Morando há 30 anos naquele bairro, a dona de casa Maria Félix da Silva, 63 anos, está muito feliz com o asfalto. “Graças a Deus fizeram, está bom demais”, comemora, ressaltando que no local haviam muitos buracos e que “nunca ninguém tinha olhado” para aquele bairro.

Quem também aprovou os serviços foi Edenilson do Carmo, 23 anos, morador também da Avenida Magalhães. “Aqui estava péssimo, a gente andava por aqui porque não tinha outro lugar para passar”, lembra, complementando que o asfalto foi aprovado por todos.

Segundo o secretário municipal de Viação e Obras Públicas, Edivan Oliveira, a princípio a seria apenas recapeado, mas estava tão danificado que o antigo asfalto foi todo retirado para a colocação de nova pavimentação.

Avenida do Contorno

Os serviços no Bairro São Félix II também seguem em outra frente de trabalho na importante via daquele bairro, a Avenida do Contorno, onde está sendo feita a sub-base para posteriormente receber a pavimentação.

Nesta primeira fase, a pavimentação deve se estender até a Avenida Magalhães Barata, formando um anel viário que facilitará o trânsito dentro do bairro. Ainda o São Félix, máquinas escavadeiras estão abrindo canais no Bairro Norte para permitir a drenagem de esgoto doméstico.

Compartilhe:

Marabá: taxistas passarão a cobrar bandeira 2 até 31 de dezembro

Peba dedicado taxista do ponto de taxi da praça São Francisco muitos anos de experiencia na profissão
 
Taxistas de Marabá passarão a cobrar bandeira dois partir de hoje 1º de dezembro, de acordo com João Batista presidente do Sindicato do Taxista. O valor é 20% maior do que a bandeira 1  que é de hoje (3,09) três reais  e nove, centavos será cobrado durante todo o mês, até o dia 31. Na bandeira dois que é de 3,71, três reais e setenta e um centavos. O aumento, previsto em decreto municipal, é uma espécie de abono natalino e tem a intenção de beneficiar categoria com 13º salário. No serviço prestado por táxi em Marabá.O valor do custo do quilômetro cobrado é R$ 3,09. Com a bandeira dois fixada em dezembro, os usuários vão pagar a taxa reajusta a qualquer momento do dia, em todos os horários de 3,71, três reais e setenta e um centavos. Normalmente, a bandeira 1 é cobrada das 6h às 22h, exceto nas corridas de táxis convencionais.Enquanto a bandeira 2 é praticada das 22h às 6h em dias úteis, nos finais de semana e em feriados. “A bandeira 2 é uma lei. Todo ano, a partir do dia 1º, começa a valer.

Compartilhe:

Promotora do caso Telexfree é encontrada morta no Acre

A promotora Nicole Gonzalez, do Ministério Público Estadual (MPE) do Acre, morreu vítima de disparo de arma de fogo no início da noite deste domingo em seu apartamento em Rio Branco, no condomínio Florença, próximo a Uninorte.

Nicole Gonzalez Colombo Arnoldi atuou no caso Telexfree e atualmente estava lotada na Promotoria de Justiça do município do Bujari. Anteriormente atuou na Promotoria de Tarauacá (2002).

Segundo informações preliminares, vizinhos ouviram disparos de arma de fogo e há suspeita de suicídio. Entretanto, segundo uma moradora do condomínio, foi ouvido sons de discussão que precederam o som do disparo. A promotora morava no primeiro andar do edifico, o qual tem quatro apartamentos por andar.

Informação extra oficial diz que há marca de tiro na cabeça. O IML já se encontra no edifício.

A perícia técnica da Polícia Civil está trabalhando no local, tendo sido encontrada a arma e o corpo no quarto da vítima.

O Procurador Geral de Justiça, Oswaldo D’Albuquerque Neto, se dirige ao local. O chefe do MPAC informa que os procedimentos legais estão sendo tomados e que somente irá se pronunciar após informações da perícia.

Nicole Gonzalez tinha 35 anos e era graduada em Direito pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, com pós graduação pela Faculdade de Direito Prof. Damásio de Jesus e mestra em Direito pela a UNESP, onde apresentou a dissertação Ministério Público: instrumentos extrajudiciais e a implementação de políticas públicas. Ingressou no quadro do MPAC há seis anos

Compartilhe: