Redenção (PA): Acusados da morte de duas mulheres já estão no presídio

O missionário Ricardo Pereira da Silva, que confessou ter matado Maria Francisca Vaz, foi transferido da cadeia para o presídio de Redenção.

Também foram levados para o presídio a filha de Francisca, Aline Vaz e o genro e marido de Aline, Jean Altamir Rodrigues da Silva, e ainda
Euzirene Alves de Almeida e Wesley Costa da Silva.A filha Aline e o genro Jean, segundo a polícia, teriam planejado a morte da própria mãe Maria Francisca de Sousa Vaz. Segundo a polícia houve luta corporal, mas Maria Francisca não teve nenhuma chance e foi assassinada.

Ainda segundo informações, os assassinos estiveram no velório.

O missionário Ricardo – assassino confesso – chegou na casa de Maria Francisca para uma campanha de oração. Ricardo chegou primeiro e os outros foram chegando na casa, inclusive a filha e o genro. Joanice morreu porque estava na casa da missionária. O missionário Ricardo teria recebido R$ 5 mil para matar Maria Francisca. (Informações do repórter policial Karlos Wonney)

O CASO
Maria Francisca de Sousa Vaz e Joanice Oliveira de Jesus – tia e sobrinha – foram assassinadas com requintes de crueldade, na madrugada de sábado (09), mas os corpos somente foram encontrados na manhã de sábado. Havia um saco de cimento em cima da cabeça de Francisca e um pedaço de cabo de vassoura na boca de Joanice.

Compartilhe:

Anvisa aprova vacinação em farmácias

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)aprovou nesta terça-feira (12) uma nova resolução que permite que qualquer estabelecimento de saúde faça vacinação, incluindo farmácias e drogarias. A regulamentação da medida deverá ser publicada no Diário Oficial da União nos próximos dias. A decisão foi tomada pela Diretoria Colegiada da instituição. Segundo nota publicada pela agência, “a norma dá ao setor mais clareza e segurança jurídica”. A fiscalização ficará a cargo das vigilâncias sanitárias das secretarias estaduais e municipais de saúde. Ainda segundo a Anvisa, haverá uma identificação clara dos locais que oferecem a vacinação de acordo com os requisitos de qualidade e segurança exigidos. A proposta passou por uma consulta pública, em maio deste ano. Na época, o texto submetido à consulta não mencionava as farmácias especificamente, mas abria a possibilidade ao não limitar o serviço de aplicação de vacinas às clínicas. A nova regra estabelece como deve ser a estrutura física do estabelecimento que aplicará a vacina e determina que as vacinas que não estão contempladas pelo Programa Nacional de Vacinação do Sistema Único de Saúde (SUS) somente poderão ser aplicadas mediante prescrição médica. Veja alguns dos requisitos para os estabelecimentos que querem oferecer a vacinação: Licenciamento e inscrição Responsável técnico no local Ter um profissional legalmente habilitado para o procedimento Capacitação permanente dos profissionais Ter instalações adequadas para atendimento e conservação das vacinas Garantia dos procedimentos de transporte para preservar a qualidade das vacinas Veja aqui a lista de todas as exigências divulgadas até agora O serviço já era regulamentado em alguns estados, como São Paulo, Santa…

Marabá (PA): Águia fecha parcerias para brigar pelo título estadual e voltar ao Brasileirão

Zinho Oliveira – Palco dos jogos do Azulão

Por pouco o Águia não desistiu de participar do Parazão 2018. O atual presidente, Ferreirinha, quase renuncia o cargo, mas tudo agora mudou no Azulão. O time fechou várias parcerias e vai promover eventos que visam arrecadar fundos para bancar as despesas do elenco.

O projeto do Águia é voltar a disputar o campeonato brasileiro da série C, e depois almejar uma vaga na Série B.

O elenco se apresenta no próximo dia 17 e a estreia no Parazão será dia 13 de janeiro diante do Castanhal, em Marabá, no estádio Zinho Oliveira que está sendo reformado.

O Parazão 2018 está realmente estadualizado, com apenas dois times da capital Belém (Remo e Paysandu) e o restante do interio: Águia (Marabá), PFC (Parauapebas), Castanhal (Castanhal), Paragominas (Paragominas), Bragantino (Bragança), Cametá (Cametá), São Raimundo (Santarém) e Independente (Tucuruí).

1ª rodada – Sábado (13/01) 20h, Águia de Marabá x Castanhal e Independente x Paragominas.
Domingo (14/01) 16h, Clube do Remo x Bragantino, 18h, São Raimundo x Cametá.
Quarta-feira (17/01) 20h30, Paysandu x Parauapebas.

Compartilhe:

Policiais presos suspeitos de envolvimento na chacina de Pau D’ Arco serão transferidos para o quartel da PM em Conceição do Araguaia

A Justiça do Pará atendeu, nesta segunda-feira (11/12), o pedido da defesa dos policiais acusados de envolvimento no caso conhecido como “Chacina de Pau D’Arco”, em maio de 2017, e seis deles agora devem cumprir prisão preventiva em local próximo dos familiares e das residências onde moravam.

Os presos devem ser transferidos do Centro de Recuperação Anastácio das Neves, em Santa Isabel do Pará, região metropolitana de Belém, para o Quartel da Polícia Militar em Conceição do Araguaia.

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) denunciou os policiais em setembro, por prática de homicídio, tortura, dentre outros crimes. De acordo com a denúncia, o grupo seguiu até a fazenda Santa Lúcia, em Pau d’Arco, para cumprir mandados de prisão e a ação resultou na morte de 10 pessoas. (G1/PA)

Compartilhe:

Papai Noel alegra pacientes do Hospital Regional de Marabá

A programação de Natal do Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), no município de Marabá, começou com a visita do Papai Noel e de voluntários do grupo de musicoterapia ”Filhos da Caridade”. Eles foram recepcionados por pacientes da Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica e das Unidades de Internação.

A dona de casa Maria Bethânia Nascimento aprovou a disposição dos voluntários. “Achei maravilhoso, e novo, tudo isso. É bom porque ajuda a gente a se distrair e a esquecer, por um momento, a nossa situação aqui”, disse a paciente. Em outra enfermaria, Valdilene Carvalho se emocionou quando o grupo cantou músicas natalinas para a mãe dela, Raimunda, que está internada há quase um mês.

Além da visita do Papai Noel, no último sábado (09), pacientes e acompanhantes participarão de outras programações, como sessões de musicoterapia e risoterapia, apresentação do coral da Primeira Igreja Batista do Novo Horizonte e sessão de cinema.

Público e gerenciado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob um contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o Hospital Regional do Sudeste do Pará prioriza a assistência humanizada aos pacientes, em todas as etapas de atendimento. Por isso desenvolve diversos projetos e programas com o objetivo de tornar o período de internação mais ameno, contribuindo para acelerar o restabelecimento dos pacientes

Compartilhe:

Susipe e TJE inauguram central de alvarás eletrônica em Marabá

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe), em parceria com o Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJE-PA), inaugurou nesta segunda-feira (11), a Central de Alvarás no Fórum Criminal de Marabá. Com isso, o contato das Varas Criminais com a Susipe para recepção e certificação de medidas liberatórias no município passa a ser feito em tempo real, por meio eletrônico, o que torna mais ágil o cumprimento das decisões judiciais. Pela manhã, o superintendente da Susipe em exercício, coronel Mauro Matos, participou de uma reunião com o juiz da Comarca, Caio Marco Berardo, e com a promotora do Ministério Público, Daniella Dias, que marcou a ativação da central. Com o recebimento virtual pela internet das decisões na central instalada no Fórum de Marabá é eliminada a necessidade da pesquisa processual até então realizada somente em Belém. A consulta passa a ser feita por servidores da Susipe no próprio município, através do Sistema de Gestão de Processos Judiciais – Libra. “Em Marabá, a maior dificuldade do sistema penitenciário era a comunicação pela internet. A instalação da Central de Alvarás no Fórum facilitou o acesso às informações jurídicas e garantirá mais rapidez na consulta processual virtual por meio de fibra ótica, no próprio município, sem a necessidade da atuação de servidores em Belém, o que tornava mais lento o cumprimento da decisão judicial. Estamos trabalhando integrados virtualmente. É um avanço para o Judiciário, sem dúvidas”, explica a coordenadora da Central de Alvarás da Susipe, Waléria Albuquerque. A iniciativa para a ativação da Central em Marabá partiu do juiz da Comarca, que viu a necessidade de tornar mais célere o cumprimento das decisões…

ACAMPAMENTO HUGO CHÁVEZ SOFRE NOVO ATAQUE DE PISTOLEIROS NO PARÁ

Começou agora à pouco mais um ataque de pistoleiros contra as famílias do acampamento Hugo Chávez, Marabá.Três camionetes com vários pistoleiros disparam contra o acampamento e xingam as pessoas.

Mulheres, idosos, jovens e, principalmente as crianças, estão na linha de tiro dos pistoleiros.

As famílias denunciam à muito tempo os ataques que sofrem por parte de grupos armados à mando dos fazendeiros Rafael Saldanha e Osvaldo Saldanha e a inércia dos governos estadual e federal e da polícia militar em evitar que tais ações aconteçam.
A reintegração de posse está marcada para a próxima quarta feira (13) e as famílias já se organizavam para deixar a área quando o ataque começou.

O MST exige que os governos federal e estadual, assim como a polícia militar do estado tomem providências para que outro Eldorado do Carajás não aconteça.

A situação é gravíssima nesse momento.

Compartilhe:

ESCOLA FAMÍLIA AGRÍCOLA – EFA RECEBE UM VEÍCULO PARA MELHORAR A INFRA ESTRUTURA E FORTALECER O PROJETO

Foi realizada na sexta-feira (7) uma solenidade de entrega de um veículo para EFA no âmbito do Encontro das Famílias e Parceiros da Escola Família Agrícola Professor Jean Hébette. O clima entre os participantesfoi de comemoração e muitos sonhos para 2018, o ano letivo que está chegando ao fim com resultados significativos, exemplo:a aquisição de uma caminhonete da EFA fortalecerá o projeto educativo por alternância. A educadora Glecia Sousa, que é uma poetisa, abriu com um poema “EFA “. Os jovens estudantes da EFA fizeram uma apresentação de carimbó. O Coordenador da EFA Idelmar Santos fez uma apresentação “Escola Família Agrícola Prof. Jean Hébette: uma proposta de política pública de Educação do Campo em construção na Amazônia.”. Apresentado a equipe de ´profissionais que atuam na escola e fotos dos principais trabalhos em 2017. A Diretora de Ensino do Campo – SEMED, LorenaBogéa destacou a importância da EFA para Educação do Campo, considera um projeto de referência para as demais escolas do campo, tem se empenhado para melhorar a infraestrutura e equipamentos, em vista de colher melhores resultados. O secretário adjunto Orlando Morais, representando o secretário Municipal de EducaçãoLuciano Lopes Dias. Professor Orlando é um conhecedor da experiência educativa por alternância desde das origens “reconheceu o empenho das pessoas crentes do projeto, reforçou a importância da participação das famílias na gestão da escola. ” O vice-prefeito Toni Cunha, enalteceu o comandante da EFA Idelmar, fez um relato do fracasso do setor agrícola e agrário. Mas disse “estamos vivos”. Concluiu a “EFA é um Centro de Resistência,…

Hospital Galileu investe em prática que garante maior segurança do paciente

Uma prática que garante a segurança do paciente utilizando material estéril para fixação de cateteres já vem apresentando resultados positivos dentro do Hospital Público Estadual Galileu (HPEG), em Belém (PA). O hospital que, em agosto de 2017, recebeu do programa Soluções Integradas para Saúde – 3M, a certificação Diamante em Fixação Segura de Cateteres, ao abolir totalmente a utilização de micropore e esparadrapo para a cobertura de acessos venosos, identificou que neste período reduziu os casos de flebite mecânica – que são inflamações na veia ocasionadas por manuseio incorreto de cateter. Como reconhecimento pela adesão a cobertura estéril e os resultados alcançados neste período, a equipe de Enfermagem do Hospital Galileu recebeu, nesta quinta-feira, 7/12, um certificado da 3M por desenvolver as melhores práticas em Fixação Segura de Cateteres. O gerente de Contas da 3M da região Norte, Sylvio Margonar, elogiou a disposição da equipe de Enfermagem da unidade ao aderir ao programa. Unidade gerida pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o Hospital Galileu é, atualmente, a única unidade pública da região Norte a obter a certificação de Fixação Segura. De acordo com a diretora Assistencial do HPEG, Daniela Castro, a implantação da cobertura estéril no hospital surgiu com o objetivo de garantir maior segurança ao paciente, reduzindo riscos de infecção de corrente sanguínea, flebite mecânica, e outras complicações advindas do acesso venoso. “O Hospital Galileu já nasceu com essa ideia de ser um hospital diferenciado, não só em…

Hospital Regional de Marabá realiza mais de 150 atendimentos em aldeia indígena do sudeste do Pará

Dona Maria Regina Soares, de 54 anos, foi uma das primeiras pacientes a ser atendida na 11ª edição do projeto ‘Hospital Regional Amigo da Comunidade’, realizada nesta quarta-feira, 6/12, na aldeia Sororó, localizada no município de São Geraldo do Araguaia, a 100 quilômetros de Marabá (PA). Ao todo, mais de 150 atendimentos foram ofertados à comunidade, entre consultas, avaliação nutricional, aferição de pressão e teste de glicemia. A iniciativa integrou as 50 ‘Ações do Bem’ promovidas pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, para comemorar seus 50 anos, e contou com o apoio da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), Universidade do Estado do Pará (Uepa) e Secretaria de Educação de Marabá (Semed). ‘Eu pedia a Deus para que chegasse um povo que nem vocês, para cuidar da saúde da gente, porque estamos precisando mesmo. Às vezes não conseguimos ser atendidos nos municípios porque é muita gente para ser atendida’, comentou dona Maria, que é casada com um indígena da etnia Suruí e mora na aldeia há 39 anos. Na mesma fila, junto com outras dezenas de mães, Matania Suruí, de 26 anos, aguardava a chamada da Pediatria para o filho de dois anos. Pesagem e medição de altura feitas na primeira etapa do atendimento, a criança foi encaminhada para avaliação dos estudantes de Medicina da Uepa, sob a supervisão de duas pediatras. ‘Nossa, como é bom ter esses atendimentos na aldeia porque a gente necessita muito’, contou a índia. Segundo Purupramare Gavião, representante da Secretaria Especial de Saúde Indígena, além de facilitar…